Presidente do Peru renuncia ao cargo

O presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, apresentou sua renúncia ontem. Em pronunciamento em vídeo, ele atribuiu a decisão ao clima de ingovernabilidade criado pela oposição após 19 meses de mandato. PPK, como é conhecido, é acusado de envolvimento em esquema de propinas da empreiteira Odebrecht. O Congresso deve debater o pedido hoje e se recusá-lo, seguir com a votação de vacância do cargo, já prevista. Se for demovido, ele pode ser incriminado por corrupção. A crise se agravou com a divulgação de vídeos em que aliado de PPK supostamente oferece vantagens a parlamentares em troca de apoio ao presidente. (Folha de São Paulo)

Mundo Notícias