Ao assumir STF, Toffoli prega paz, prudência e pluralidade Foto: Carlos Moura/SCO/STF

Ao assumir STF, Toffoli prega paz, prudência e pluralidade

Em seu discurso de posse na presidência do STF, o ministro Dias Toffoli enfatizou a importância da pacificação do país e o “estímulo às soluções consensuais, à mediação e à conciliação.”

Toffoli, que citou os roqueiros Cazuza e Renato Russo, pregou a prudência dos juízes e a harmonia entre os poderes. Ele comandará o Supremo e o Conselho Nacional de Justiça por um período de dois anos.

(O Globo)

Comunicação Destaque Notícias