Porto Alegre: No MenuPoa, presidente do IEE projeta crescimento do liberalismo

Porto Alegre: No MenuPoa, presidente do IEE projeta crescimento do liberalismo

Destaque

Em dezembro próximo, o Instituto de Estudos Empresariais (IEE) irá comemorar 35 anos com sua diretoria otimista em relação ao futuro. “Desde 2013, a procura para entrar no IEE aumentou. Hoje, já existem núcleos liberais nas universidades, mas sabemos que os resultados serão de longo prazo”, afirmou o presidente do IEE, Pedro De Cesaro,. O co-fundador, ex-presidente e atual conselheiro do IEE, Roberto Rachewsky entende que não há determinismo histórico. Cada pessoa constrói o seu futuro.” E citou o exemplo de William Ling, fundador do IEE, como ele: “William resolveu tornar sua vida melhor e buscou parceiros para criar o Instituto.”

De Cesaro e Rachewsky participaram da reunião-almoço MenuPoa nesta segunda-feira, 11/11, promovida pela Associação Comercial de Porto Alegre. O tema foi IEE, 35 anos formando líderes.  Na abertura do evento, o presidente da Associação Comercial, Paulo Afonso Pereira, lembrou que, em meados de 1984, cerca de 30 jovens empresários entre os 20 e 30 anos de idade receberam uma carta-convite para uma reunião. “No encontro, do qual participaram pelo menos 20 deles, foi plantada a semente do que se tornou o Instituto de Estorimudos Empresariais que, em três décadas e meia de existência, ajudou a mudar a história de várias gerações de jovens idealistas como aqueles.”

O autor da carta-convite que convocou o grupo de jovens para aquela reunião de 1984 foi o empresário William Ling. Então com 27 anos, ele se tornou o primeiro presidente do IEE. “Em 1988, o Instituto criou o Fórum da Liberdade. Ao longo das edições já realizadas, o Fórum reuniu mais de 300 palestrantes, sendo 103 deles estrangeiros, cinco ganhadores do Prêmio Nobel, sete chefes de Estado, 53 lideranças políticas nacionais e internacionais e 16 ministros de Estado. Hoje, o evento é reconhecido mundialmente.”

Durante o evento, De Cesaro, comentou que a Constituição promulgada em 1988 está ultrapassada. “Não queremos o fim do Estado, mas que ele se torne mais eficiente, enxuto. O Rio Grande do Sul está quebrado há muitos anos, temos que repensar a máquina pública.”

Para Rachewsky, a Constituição de 1988 nunca foi funci0nal. “Entre seus legados está o conflito distributivo insolúvel. Uma das missões do IEE é buscar caminhos para que esse conflito se torne um processo de criação de valor colaborativo.”

Em relação a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de que ninguém poderá ser preso senão em decorrência de sentença penal condenatória transitada em julgado, Rachewsky considerou uma afronta a sociedade brasileira. Para De Cesaro, um dos pilares do liberalismo é o estado de Direito, “que no Brasil muda o tempo todo. É um problema institucional gigantesco.”

Poa Jazz Festival conecta o público e artistas de diferentes regiões em duas noites de música no BarraShoppingSul

Poa Jazz Festival conecta o público e artistas de diferentes regiões em duas noites de música no BarraShoppingSul

Destaque

Durante as últimas duas noites, o Centro de Eventos do BarraShoppingSul recebeu uma verdadeira maratona de música instrumental, com os oito shows promovidos pelo Poa Jazz Festival 2019. Em sua quinta edição, o evento reuniu mais de duas mil pessoas que conferiram apresentações de nomes internacionais vindos da Holanda, França e Estados Unidos e também de grandes artistas da cena instrumental nacional e local.

Apresentado pelo jornalista Lucio Brancato, o festival iniciou na sexta-feira com uma homenagem ao jornalista, escritor, pesquisador e crítico musical Juarez Fonseca por sua brilhante e incansável trajetória nas diversas áreas em que atua. Logo em seguida, o pianista Cristian Sperandir e seu quinteto subiram ao palco, abrindo a rodada de shows com uma emocionante homenagem a Geraldo Flach. A noite seguiu com o jazz europeu do Jasper Blom Quartet, a música instrumental animada e cheia de brasilidade do jovem septeto Silibrina, e encerrou com um reencontro histórico do grupo Raiz de Pedra, que se apresentou com sua formação original após um hiato de 19 anos.

unnamed(1)
O show da banda americana Davina & The Vagabons foi um dos grandes momentos desta edição. Foto: André Feltes

No sábado, a abertura do festival ficou por conta do Sexteto Gaúcho, que apresentou sua música autoral, com canções do recém-lançado álbum Bicho Solto, além de grandes sucessos do choro brasileiro, como a música Ternura, do compositor e arranjador K-Ximbinho. Em seguida, jazz e hip hop se uniram no palco em uma junção inédita do grupo Rafuagi com os músicos da banda Quarto Sensorial. A noite seguiu com longos aplausos à cantora francesa Cyrille Aimée e ao violonista brasileiro Diego Figueiredo pela interpretação de clássicos como a canção La Vie En Rose e o bolero Sabor a Mí. Fechando as apresentações da quinta edição, a banda americana Davina & The Vagabonds animou o público com um show divertido e cheio de personalidade, sendo o grande sucesso do festival neste ano.

“O grande destaque desse ano foi a presença do público, que compareceu em massa nos dois dias, e claro, os shows. É difícil se ter em um festival shows com uma qualidade muito próxima, mas os grupos que se apresentaram tiveram um desempenho fantástico”, aponta Carlos Branco, que assina a curadoria e produção do festival ao lado de Carlos Badia e Rafael Rhoden. “Apesar de todas as dificuldades, a quinta edição do Poa Jazz foi um grande sucesso. Nesta edição, tivemos o menor orçamento de todos, em comparação com as anteriores, mas mesmo assim a estrutura funcionou bem. Tivemos que cancelar uma das três noites do festival e procuramos manter o máximo possível das atrações confirmadas, mesmo ficando um tanto extenso com quatro atrações por noite. Mas em um ano em que vários festivais e projetos foram cancelados no Brasil, o Poa Jazz ficou de pé e saiu forte, com uma bela edição. Agora vamos partir para a sexta edição, esperando que o ano que vem seja mais tranquilo em relação à captação e à crise econômica. Para 2020, já temos confirmada a participação do músico recifense Amaro Freitas”, completa Branco.

unnamed(2)
Após 19 anos longe dos palcos, a banda Raiz de Pedra se reencontrou em um show histórico. Foto: André Feltes

Além das duas noites de música, o Poa Jazz Festival 2019 também tem promovido, desde a última quarta-feira (6), diversas atividades paralelas em diferentes pontos da cidade, como o lançamento do filme Zuza Homem de Jazz, em sessão comentada pelo crítico musical Zuza Homem de Mello, e uma série de ações formativas gratuitas, como masterclasses para músicos, além de debates e palestras sobre temas culturais.

A última atividade do festival neste ano ocorre nesta segunda-feira (11) com uma roda de conversa sobre políticas culturais e os diferentes caminhos para apresentar propostas para governos e organizações privadas. O encontro será mediado por Carlos Badia e terá participação dos produtores Ana Fagundes, Evandro Soares, Luciano Balen, Rafa Rafuagi e Camila Sequeira, além de André da Rosa Pereira, executivo financeiro da Dufrio, e a visão da empresa sobre investimentos em patrocínios e apoios culturais. A atividade inicial às 19h, no Centro Cultural da UFRGS, com entrada franca.

O Poa Jazz Festival tem patrocínio máster do BarraShoppingSul, patrocínio da Dufrio, apoio cultural de Outback Steakhouse, Instituto de Artes da UFRGS, Departamento de Difusão Cultural da UFRGS, Centro Cultural da UFRGS, Person Piano, UM Bar & Cozinha, StudioClio, Dado Bier, Veterana Cerveja & Beertruck e Pâtissier. O evento é uma realização das empresas Branco Produções, Fly Audio e Experimentais – Cria Cultura, através dos produtores e curadores Carlos Branco, Rafael Rhoden e Carlos Badia, e do Ministério da Cidadania, através da Secretaria Especial da Cultura.

SERVIÇO
Última atividade do Poa Jazz Festival 2019
Debate Políticas culturais: caminhos e propostas para governos e projetos privados
Com André da Rosa Pereira, Ana Fagundes, Evandro Soares, Luciano Balen, Rafa Rafuagi e Camila Sequeira, e mediação de Carlos Badia
Segunda-feira, dia 11 de novembro, às 19h
Centro Cultural da UFRGS (Rua Eng. Luiz Eglert, 333 – Farroupilha)
Entrada franca

Porto Alegre: Opinião Produtora e Prefeitura assinam contrato de administração do Auditório Araújo Vianna e Teatro Túlio Piva

Porto Alegre: Opinião Produtora e Prefeitura assinam contrato de administração do Auditório Araújo Vianna e Teatro Túlio Piva

Agenda Cultura Destaque

A Opinião Produtora (6 Pró-Eventos) e a Prefeitura de Porto Alegre selaram, nesta sexta-feira, 8, o novo futuro do Auditório Araújo Vianna e do Teatro Túlio Piva. Em cerimônia no Paço Municipal, o prefeito Nelson Marchezan Júnior assinou o contrato que concede parcialmente, por dez anos, a gestão dos equipamentos culturais à produtora vencedora da licitação. Entre as principais obras previstas com investimento de cerca de R$ 6,76 milhões, estão a restauração da esplanada de acesso e execução do passeio frontal do Araújo Vianna, além da reforma do Túlio Piva.

A contratação faz parte de um amplo pacote de parcerias público-privadas (PPP) desenvolvido pelo governo municipal, que envolve concessão de serviços, gestão, reforma e modernização de espaços públicos. De acordo com o prefeito Marchezan Júnior, “esse modelo antecipa entregas de investimentos e serviços à população, gera renda e recursos, contando com a parceria privada por um interesse público. Com segurança jurídica e gigantesca expectativa de fazer da cultura algo transformador”, afirma.
rodrigomachado
Prefeito Nelson Marchezan cumprimenta o diretor da Opinião Produtora, rodrigo Machado. Foto: PMPA

Segundo o secretário municipal de Parcerias Estratégicas, Thiago Ribeiro, o contrato assinado nesta sexta-feira é resultado da adaptação, para Porto Alegre, de um modelo bem-sucedido adotado pelo governo federal na área de infraestrutura. “Na mesma modelagem, colocamos um equipamento extremamente rentável, que é o Araújo Vianna, e, associado a ele, um equipamento público que não seria, por si só, sustentável. Juntos, são suficientes para gerar lucros para a concessionária e viabilizar resultados para a população”, explica.

O marco inicial da revitalização, gestão e operação dos equipamentos culturais pela concessionária foi celebrado pelo secretário municipal de Cultura, Luciano Alabarse. “O que me deixa sensibilizado é, além do escopo do investimento, a contrapartida. A recuperação e entrega do Teatro Túlio Piva têm uma importância simbólica para todos nós, porto-alegrenses”, comemora.
O sócio da empresa contratada, Rodrigo Machado, destaca o desafio de entregar mais cultura aos cidadãos. “Estes são, provavelmente, os minutos mais importantes dos últimos anos para a Opinião Produtora. Um sonho nosso, que hoje se concretiza, neste ato, de assumir um dos espaços mais privilegiados de Porto Alegre, em especial para quem vive a cultura e o entretenimento. Estamos honrados”, afirma.
Sobre a concessão – A concessionária que venceu a licitação apresentando o valor de outorga de R$ 6,1 milhões poderá fazer o uso dos espaços para eventos culturais, ficando vedado qualquer tipo de atividade político-partidária, sindical ou religiosa. Além disso, o contrato prevê que a prefeitura possa utilizar o Auditório Araújo Vianna 30 dias no ano e tenha a preferência em 50% das datas do Teatro Túlio Piva.
O valor da outorga deverá ser pago em 20% até o quinto dia após a assinatura do contrato e será destinado ao Fundo Pró-Cultura do Município de Porto Alegre (Funcultura). Os outros 80%, que serão divididos em 120 meses com reajuste anual pelo IPCA, serão destinados ao Fundo Pró-Defesa do Meio Ambiente ou convertidos em ingressos, os quais serão destinados para atividades sociais de interesse público.
Sobre os dois equipamentos – O Auditório Araújo Vianna tem capacidade para 3.146 pessoas sentadas. De 2007 até junho de 2019, foi gerenciado pela Opus Produtora mediante contrato de permissão de uso. Tem 5.400 metros quadrados (m²) de área construída e estrutura para realização de shows, produções artísticas e outros eventos de nível nacional e internacional.
Já o Teatro de Câmara Tulio Piva, com área construída 1.072m², tem capacidade para 214 pessoas sentadas e está fechado desde 2014. O espaço tem vocação e história de incentivo à cultura local.

Também estiveram presentes na solenidade o secretário adjunto da Cultura, Giovani Tubino; o vereador Mauro Pinheiro; a procuradora-geral adjunta de Domínio Público, Urbanismo e Meio-Ambiente, Simone Somensi; o procurador municipal Carlos Eduardo da Silveira; demais sócios da Opinião Produtora, Diego Faccio e Gabriel Souza; o diretor da Usina do Gasômetro, Mauro Ochmman; o diretor de teatro Bob Bahls; o ator José Vitor Castiel; membros do corpo técnico das secretarias municipais de Parcerias Estratégicas e da Cultura; representantes de entidades civis, empresas e sindicatos.

Comissão da Câmara aprova moção de repúdio a Alberto Fernandéz; da VEJA

Comissão da Câmara aprova moção de repúdio a Alberto Fernandéz; da VEJA

Destaque
A Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados, presidida pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), aprovou nesta quarta-feira, 6, uma moção de repúdio contra o presidente eleito da Argentina, Alberto Fernandéz, devido ao apoio concedido pelo peronista ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso em Curitiba desde 2017.

O requerimento é de autoria do também deputado federal Luiz Philippe de Orleans e Bragança (PSL-SP). Bragança argumenta que o presidente eleito argentino “quebrou o decoro internacional” pelo “ativismo político em questões internas do Brasil e pelo desagravo a uma parcela expressiva da população brasileira”.

Clique e leia a íntegra da notícia no site da VEJA.

ARI divulga lista de homenageados para a Medalha Alberto André

ARI divulga lista de homenageados para a Medalha Alberto André

Agenda Comunicação Notícias

Foi divulgada a lista dos dez homenageados com a Medalha Alberto André 2019, honraria oferecida pela Associação Riograndense de Imprensa (ARI). Os escolhidos deste ano são: Cláudio Brito, Flávio Porcello, Itamar Aguiar, Lauro Quadros, Lizemara Prates, Luciamen Winck, Paula Coutinho, Renato Dornelles, Rodrigo Lopes e Márcia Christofoli (publisher de Coletiva.net). A homenagem tem como objetivo registrar o papel histórico do ex-presidente Alberto André, que esteve à frente da associação por mais de 30 anos, e prestigiar o trabalho dos homenageados.

A cerimônia de entrega da distinção ocorrerá em 21 de novembro, às 19h, no Salão Nobre da entidade, localizado no endereço Av. Borges de Medeiros, 915, no bairro Centro Histórico, Porto Alegre. Luiz Adolfo Lino de Souza, presidente da ARI, cita que “a medalha é um gesto de gratidão de jornalistas para jornalistas, que sempre buscaram uma sociedade melhor com seu trabalho e influência”. (Coletiva.net)

Trabalhos do Programa Agrinho 2019 podem ser encaminhados ao SENAR-RS até 11 de novembro

Trabalhos do Programa Agrinho 2019 podem ser encaminhados ao SENAR-RS até 11 de novembro

Agenda Agronegócio Educação Notícias

Os participantes do Programa Agrinho 2019 têm até o dia 11 de novembro para encaminhar seus trabalhos ao SENAR-RS. O prazo, inicialmente previsto para encerrar no dia 28 de outubro, foi ampliado a pedido das escolas. O material sobre o tema meio ambiente deve ser enviado pelos Correios para o SENAR-RS (Praça Prof. Saint-Pastous, 125, terceiro andar, Cidade Baixa, Porto Alegre). Andrea Krug, gestora do programa, salienta que, para fins de classificação, será considerada a data da postagem.

A partir desta etapa, uma banca composta por seis profissionais das áreas da educação irá avaliar as produções para a premiação em nível regional e estadual. A avaliação irá ocorrer entre os dias 25 e 29 de novembro e os finalistas serão conhecidos até 6 de dezembro. 

Na etapa regional, serão premiados os classificados entre o primeiro e o terceiro lugar de cada uma das 10 regiões. Os primeiros lugares participam da fase estadual. São avaliados desenhos, textos (para os estudantes, de acordo com a faixa etária) e experiência pedagógica (para professores).

Os trabalhos foram desenvolvidos a partir das revistas distribuídas a quase 400 mil estudantes e mais de 21,6 mil professores de 2.276 escolas públicas do Estado. A publicação apresentou aos participantes uma série de atividades e histórias que podem ser desenvolvidas com as crianças e os adolescentes em salas de aula. A participação no Agrinho incentiva o aluno a refletir sobre assuntos diferentes dos previstos no currículo regular e aplicar, no dia a dia, o conhecimento adquirido na escola. 

Voltado à comunidade escolar da Educação Infantil e do Ensino Fundamental de escolas públicas gaúchas, o programa beneficia, de forma indireta, as famílias e o ambiente no qual a instituição de ensino faz parte. Um dos objetivos é desenvolver ações que possibilitem o despertar da consciência de cidadania, além de acesso a informações relativas ao tema da edição. 

Piratini recua e desiste de medidas anunciadas no IPVA.  Datas para o pagamento, no entanto, ainda não foram divulgadas; por Flavia Bemfica/Correio do Povo

Piratini recua e desiste de medidas anunciadas no IPVA. Datas para o pagamento, no entanto, ainda não foram divulgadas; por Flavia Bemfica/Correio do Povo

Destaque

Deputados integrantes da base aliada que deixam a reunião com o governador Eduardo Leite (PSDB) confirmam que, após a repercussão negativa, o Executivo vai reverter as medidas anunciadas sobre o IPVA na segunda-feira.

O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Frederico Antunes (PP), está entre os parlamentares que já deixaram o encontro e informaram que as mudanças não vão acontecer.

“O governador deve anunciar a revisão da aplicação. A tendência é de que volte a ser como era antes”, disse em relação à possibilidade dos parcelamentos. “O importante é que a manifestação de parlamentares da base teve eco e o governador, como sempre tem sido, foi sensível, foi humilde no reconhecimento e faz aí a revisão de uma aplicação de uma mudança”, acrescentou Antunes.

O líder da bancada do PSB, deputado Elton Weber, afirmou que, a Leite, os parlamentares se manifestaram enfaticamente para que sejam mantidas as regras atuais. Elas  permitem o parcelamento e  estendem o pagamento pelos primeiros meses do ano, conforme o final da placa. Pelo anunciado ontem pela secretaria da Fazenda, todos precisariam pagar o IPVA em janeiro.

Programa da Regina estreia neste domingo no BahTV

Programa da Regina estreia neste domingo no BahTV

Destaque

A partir do dia 3 de novembro, uma das apresentadoras mais queridas do Rio Grande do Sul, Regina Lima, comandará o Programa da Regina, exibido aos domingos, das 18h às 19h, no Canal Bah!. “Estou muito feliz em estar de volta aos domingos, poder encerrar o final de semana dos gaúchos com informação e leveza que sempre foi a minha marca. Além disso, é uma alegria imensa estar no Canal Bah! e fazer um programa do meu jeito, com as pessoas que eu gosto”, afirma Regina Lima. Com uma hora de duração, o programa, que é uma grande revista eletrônica, vai abordar entrevistas com personalidades, gastronomia, beleza, saúde, moda masculina, cinema e cultura. “Vamos fazer um programa que converse com os gaúchos. Teremos entretenimento sim, mas também vamos discutir assuntos importantes que estão na nossa vida”, afirma Adriano Cescani, diretor da atração.

Gravado na Di Casa Italínea, em Porto Alegre, o programa contará com vários ambientes. “É um sonho para mim. Terei uma linda sala para receber os convidados, uma cozinha maravilhosa, um quarto e um closet, um escritório, tudo moderno para receber meus convidados e os meus colunistas. Adriano Cescani, além de dirigir o programa, será colunista de moda masculina. Ale Reiis falará de beleza, Ale Sauer de cinema, Dani Tonini fará receitas fáceis de culinária e Gabi Corrêa vai trazer dicas sobre organização. Com participações periódicas, a advogada Virgínia Lobato Flores vai esclarecer os assuntos que envolvem questões jurídicas. Gravado e editado pela LEDFilmes, de Luiz Eduardo Rezende e Letícia Pacini, o Programa da Regina contará com equipamentos modernos e de alta tecnologia.


Para Zento Kulczynski, diretor do Bah!, é uma satisfação ter mais um ótimo programa na grade de transmissão. “Buscamos sempre a qualidade no nosso canal e isto significa ter programas e figuras de referências como Regina Lima, uma das grandes apresentadora da televisão brasileira”. O Bah! está nas canais 20 e 520 em Porto Alegre e Região Metropolitana e 26 e 526 da NET, para o Vale do Sinos. A programação também pode ser acompanhada em tempo real pelo site www.bahtv.com.br.

Internacional, D’Alessandro e Instituto do Câncer Infantil se unem para ação durante jogo nesta quinta-feira

Internacional, D’Alessandro e Instituto do Câncer Infantil se unem para ação durante jogo nesta quinta-feira

Destaque

Os colorados que forem ao Beira-Rio nesta quinta-feira (31) para assistir à partida contra o Athletico-PR vão acompanhar uma ação especial do Internacional e do D’Alessandro, juntamente com o Instituto do Câncer Infantil (ICI). A começar pela causa estampada na camisa de jogo. Os atletas jogarão a partida das 21h30, válida pelo Brasileirão, com o patch do mascote da instituição na manga. Além disso, antes da bola rolar, oito pacientes assistidos pelo ICI entrarão em campo com os jogadores. A ação, que contará com a presença dos mascotes Saci (Internacional) e Leão da Coragem (ICI), também chamará a atenção da causa do câncer infantojuvenil com uma faixa de conscientização.

daleMSRecentemente, D’Alessandro foi nomeado embaixador do projeto na América Latina e tem atuado lado a lado na luta pela vida com as crianças. Na semana passada, o camisa 10 do Internacional e seus companheiros de time Danilo Fernandes, Sarrafiore, Uendel e Edenilson, juntamente com o mascote Saci, visitaram a instituição, levando alegria e esperança para os assistidos do ICI.

Quem quiser saber como ajudar, basta entrar no site do Instituto do Câncer Infantil ou ficar atento na entrada ao estádio, onde serão distribuídos folders com todas as instruções. Também será possível se inscrever na 26ª Corrida Pela Vida em dois pontos do Beira-Rio: ao lado da passarela, no edifício garagem, e no portão 3.

O quê: ação do Internacional, D’Alessandro e Instituto do Câncer Infantil
Quando: quinta-feira (31), no jogo de Inter x Athletico-PR
Como: Patch na camisa de jogo, crianças do instituto entrando em campo com jogadores, faixa e inscrições para 26ª Corrida Pela Vida.

Saúde: Palestrantes internacionais falam sobre câncer de pulmão no Hospital Moinhos de Vento

Saúde: Palestrantes internacionais falam sobre câncer de pulmão no Hospital Moinhos de Vento

Agenda Notícias Saúde Tecnologia Trabalho

O Rio Grande do Sul é o estado com maior incidência de câncer de pulmão do país. Entre as capitais, Porto Alegre lidera o ranking. Diante desses dados alarmantes, o Hospital Moinhos de Vento promoverá encontros para discutir o avanço da doença na população gaúcha. Entre sexta-feira (1º) e sábado (2), será realizado o II Simpósio Internacional de Câncer de Pulmão.

Arquivo Pessoal (2)O encontro contará com uma série de mesas redondas. “A intenção é discutir, de forma multidisciplinar, os diferentes aspectos da doença e a aplicação das novas tecnologias disponíveis para o tratamento da neoplasia”, diz o coordenador da Unidade de Oncologia Torácica do Moinhos de Vento, Guilherme Geib. No Hotel Sheraton, a programação trará 30 palestrantes nacionais e três oncologistas internacionais.

“Enormes avanços no manejo ocorreram nos últimos anos, como o rastreamento e diagnóstico precoce com a tomografia de baixa dose, tratamento com a cirurgia robótica, imunoterapia e terapias alvo. Tudo isso e vários outros aspectos serão abordados no simpósio”, explica o chefe do Serviço de Pneumologia do Moinhos de Vento, Marcelo Gazzana.

O ponto alto do seminário será a sessão plenária, na sexta, às 18h. O painel reunirá a canadense Natasha Leighl, o francês Elie Fadel e o brasileiro radicado no Canadá Sérgio Faria. O grupo debaterá temas relacionados à imunoterapia do câncer de pulmão, o limite da cirurgia na doença e aspectos relacionados à radioterapia estereotáxica.

Clique aqui e confira a programação completa.