Bolsonaro anuncia que não vai vetar fusão da Embraer Presidente avaliza negócio com a Boeing em reunião com Aeronáutica dias após se dizer preocupado com empresa

Bolsonaro anuncia que não vai vetar fusão da Embraer

Após reunião com ministros e representantes da Aeronáutica, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) anunciou que não vetará a fusão da Embraer com a Boeing. Pouco antes de encerrar o encontro, ele usou as redes sociais para afirmar que o governo não se opunha ao andamento do acordo. “Ficou claro que a soberania e os interesses da nação estão preservados. A União não se opõe ao andamento do processo”, escreveu. Na ultima semana, Bolsonaro chegou a colocar em dúvida o acordo, referindo-se à participação brasileira na nova companhia, que poderia acabar no futuro. Em nota, as empresas afirmaram que vão dar continuidade aos trâmites da operação. Os termos do acordo devem ser ratificados pela Embraer e submetidos à aprovação dos acionistas e autoridades regulatórias. A expectativa é que a negociação seja concluída até O final de 2019.

Leia mais na Folha de S.Paulo

Comunicação Destaque Notícias