Porto Alegre: Inovação urbana é a palavra-chave para a retomada do crescimento da Capital

Porto Alegre: Inovação urbana é a palavra-chave para a retomada do crescimento da Capital

Agenda Cidade Destaque

A exatos 16 meses das eleições municipais, a Federasul recebeu nesta quarta-feira (05), a atual presidente da Câmara Municipal, Mônica Leal (PP); o futuro comandante da Casa e vice-presidente, em 2019, vereador Reginaldo Pujol (Democratas) e Valter Nagelstein (MDB), ex-presidente do Parlamento da capital e virtual candidato ao Paço, em 2020. Com o tema “Repensando Porto Alegre”, Nagelstein abriu os trabalhos da primeira edição do Tá na Mesa, no mês de junho. Crítico do atual modelo de gestão desempenhada por Nelson Marchezan (PSDB), afirmou que “nossa cidade está em completo estado de abandono. A estrutura pública de Porto Alegre não se comunica bem interna e externamente. Cada cabeça legisla em causa própria. Falta comando e conhecimento sobre a realidade e necessidade de cada bairro e vila de nossa cidade”, disse Valter.

Outra situação apontada pelo parlamentar é o constante e profundo preconceito/perseguição ao empreendedor. ”. Existe um projeto, de uma grande administradora de shoppings, que está parado há 12 anos dentro da Prefeitura. O mesmo conglomerado conseguiu uma licença para abrir um de seus empreendimentos, em Canoas, em menos de 2 meses. Isso indica que não estamos conectados com a realidade do mundo”, afirmou Nagelstein.

CREDITO ROSI BONINSEGNA (1)(1)
Presidente Simone Leite (centro à direita), junto de Mônica Leal; Valter Nagelstein (esq.) e Reginaldo Pujol(dir.) no Tá na Mesa desta quarta-feira. Foto: Rosi Boninsegna

De acordo com a atual legislação, a capital gaúcha possui um Decreto (16.811/2010), que inibe a criação de novas bancas de flores, frutas e revistas. Tal dispositivo é datado da metade da década passada. “É impossível concebermos a ideia de que em um país que está sendo impactado pelo desemprego, o Poder Público continue a desencorajar e reprimir o empreendedorismo. Se isto não existisse, tenho a certeza que facilitaria a vida de muitas pessoas, além de promover inclusão social e reprimir a ilegalidade”, disse Mônica Leal.

Na sequência, o vereador Reginaldo Pujol fez um apanhado histórico do município, e afirmou que “Porto Alegre precisa superar o preconceito e desestatizar ao máximo sua estrutura. Ou reativamos economicamente ou perderemos a capacidade socioeconômica e nos tornaremos uma cidade mais abandonada, marginalizada e sem atrativo algum”, disse.

Conhecida pela postura firme, a presidente Monica Leal seguiu a mesma linha de seus antecessores. Com críticas ferrenhas ao atual Plano Diretor da Capital, que está há quase uma década em discussão e sem profundas modificações, a vereadora disparou: “O Plano Diretor é algo macro, repleto de detalhes e micropartes. Ele é complexo e não pode ser votado a toque de caixa. É por meio deste plano que a cidade de Porto Alegre pode recuperar o seu potencial para fomentar e melhorar o ambiente de negócios e ser indutora do crescimento”, afirmou.

Mediando o debate, a presidente Simone Leite perguntou como pensar a Porto Alegre do futuro. Todos concordaram que a cidade precisa modernizar-se, tanto no aspecto físico, com obras de mobilidade e infraestrutura, quanto no legal, com a derrubada de Decretos, Normas e diversos dispositivos que acabam por travar o crescimento econômico. De acordo com Valter Nagelstein, o município precisa investir mais em educação e conscientização dos problemas ambientais e suas consequências, e também, formas inovadoras de se combater os obstáculos crônicos da cidade, como alagamentos, ocupações irregulares e comércio clandestino, além de pautas sociais, como moradores em situação de rua e dependentes químicos. “Porto Alegre precisa ser referência em inovação. Precisamos investir pesado em infraestrutura e tecnologia, tudo aliado com gestão e fiscalização, e dar continuidade ao que está dando certo, e não recomeçar do zero novamente. Estamos perdendo o status e o brilho de uma capital, para cidades do nosso entorno, e com razão. Temos uma joia a ser lapidada, que é o 4º Distrito, na Zona Norte”, afirmou.

De acordo com Pujol, o 4º Distrito representa a Porto Alegre que deu certo, pois foi nessa localidade onde a capital viveu seu principal período de pujança econômica, pois conseguiu conciliar a vida doméstica com a do trabalho. “É neste local, que abrigou grandes tecelagens, fábricas de cervejas e laboratórios farmacêuticos, que a capital pode reconquistar e otimizar projetos de inovação”, explicou. Para Mônica, a região como um todo precisa de inúmeras intervenções, tendo como ponto inicial, obras de macrodrenagem e de infraestrutura logística. Valter complementou, dizendo que seguindo este raciocínio, a capital deve ter um plano que utilize ainda mais o Guaíba, como a implantação de um modal hidroviário e que atenda as regiões mais distantes do centro da capital, como o extremo sul.

Concluindo o painel, a presidente da Federasul, Simone Leite, falou que “é preciso seguir firme neste papel de bem representar a sociedade. Que nossa cidade seja berço de uma boa política e do bem gerir a coisa pública”, concluiu.

 

Viva Porto Alegre a Pé faz roteiro pela Vila do IAPI

Viva Porto Alegre a Pé faz roteiro pela Vila do IAPI

Agenda Cidade Cultura Destaque

O projeto Viva Porto Alegre a Pé programou para sábado, 8 de junho, um passeio pelo conjunto Habitacional Passo d’Areia, também conhecido como Vila do IAPI (Instituto de Aposentadoria e Pensão dos Industriários). O ponto de encontro será Postão do IAPI – Rua Marechal José Inácio Da Silva,esquina Alameda Santo Amaro, às 10h. Em caso de chuva o passeio será cancelado. As inscrições devem ser feitas pelo site www.cphpoa.wordpress.com/inscricoes.

Consagrada como patrimônio cultural de Porto Alegre por suas peculiaridades, a Vila do IAPI é resultado da concepção integrada de urbanismo, paisagismo e arquitetura. O conjunto foi construído nos anos 1950 para moradia das classes trabalhadoras da indústria e inaugurado pelo então presidente Getúlio Vargas. Possui traçado viário orgânico com imersão das edificações no verde e urbanismo no modelo cidade-jardim, surgido no final do século XIX na Europa. A ênfase no aspecto social e predefinição das habitações repercutiram na autonomia do conjunto em relação à cidade e no fortalecimento das relações comunitárias locais.  A variação das tipologias e linguagens arquitetônicas foram fundamentais para valorizar as moradias, reforçando a imagem da Vila do IAPI.

A orientação será da arquiteta, Manuela Franco Lopes da Costa, especialista em Restauração de Edificações e Conjuntos Históricos pela UFBA e servidora da Coordenação da Memória Cultural de Porto Alegre.

imagem182150
Bairro IAPI Foto: Ricardo Giusti/PMPA

Viva Porto Alegre a Pé
Vila do IAPI
Sábado, 8, às 10h
Encontro no Postão do IAPI – Rua Marechal José Inácio Da Silva esquina Alameda Santo Amaro.                                                                                                                                                                    Em caso de chuva o passeio será cancelado

Organização
Centro de Pesquisa Histórica – Coordenação da Memória Cultural – Secretaria Municipal da Cultura
Inscrições: https://cphpoa.wordpress.com/inscricoes/

Aceg se prepara para a festa dos Destaques do Futebol Gaúcho 2019

Aceg se prepara para a festa dos Destaques do Futebol Gaúcho 2019

Agenda Cidade Destaque Esporte

A Associação dos Cronistas Esportivos Gaúchos, Aceg, realiza dia 10 de Junho, mais uma edição da festa dos Destaques do Futebol Gaúcho. A premiação será no restaurante do Hotel Master Cosmopolitan, com início às 19h30 e reunirá autoridades do Estado, cronistas, jogadores e ex-jogadores de futebol. Nesta edição os apresentadores serão a jornalista Vera Armando e o jornalista e diretor da Aceg, Davis Wagner.

bagé3A exemplo de outros anos, haverá entrega de troféus àqueles que foram destaque no Gauchão 2019. A escolha foi feita através do voto dos associados da Aceg e conta com categoriasBagé2 como o Melhor Jogador, Gol de Placa, Melhor Treinador, dentre outras. Autoridades do esporte e da política, como o governador Eduardo Leite, o prefeito da capital Nelson Marchezan Jr. e os presidentes da dupla GreNal, Romildo Bolzan Jr. e Marcelo Medeiros receberam o convite em mãos.

Além de jogadores e comissões técnicas dos clubes, profissionais da imprensa esportiva também são homenageados com troféus e placas, sendo esta uma forma de recordar e agradecer ao trabalho de antigos cronistas, assim como jornalistas e radialistas que ainda trabalham na imprensa.

A realização do evento é da Associação dos Cronistas Esportivos Gaúchos, com patrocínio do Sam’s Club, Schin, Planalto e Master Hoteis. O apoio é da Impresul, Weefee e Rema Arte Esporte.

 

bagé4

Porto Alegre:  Beira-Rio recebe jogo amistoso entre Brasil e Honduras

Porto Alegre: Beira-Rio recebe jogo amistoso entre Brasil e Honduras

Agenda Cidade Destaque

Pela décima segunda vez, o Estádio Beira-Rio será palco de um jogo da Seleção Brasileira. No dia 9 de junho, o Brasil enfrenta a seleção de Honduras, em amistoso que antecede a Copa América 2019. No último confronto com os hondurenhos, em 2015, também na casa colorada, teve vitória brasileira por 1 a 0 com gol de Roberto Firmino. A iniciativa é uma parceria da Confederação Brasileira de Futebol – CBF, BRIO e o Sport Club Internacional. A partida integra o calendário de comemorações dos 110 anos do Inter e os 50 anos do Estádio Beira-Rio.

Os ingressos poderão ser adquiridos a partir desta terça-feira (4), das 10h às 18h, na bilheteria do Gigantinho, nas lojas Multisom e na Federação Gaúcha de Futebol, ou pelo site da CBF https://www.cbf.com.br. Os valores variam entre R$80 e R$450. Para quem for ao jogo de carro já pode reservar online sua vaga de estacionamento, acessando www.estapar.com.br/reservabeirario ou pelo aplicativo com o custo de R$40. Sócios do Inter têm 10% de desconto. No dia da partida, o valor sai por R$50. Confira abaixo o serviço completo do amistoso:

 

• Arquibancada Inferior (sem cadeiras / em pé): R$80 inteira
• Arquibancada Inferior (sem lugar marcado): R$150 inteira
• Arquibancada Superior (sem lugar marcado): R$150 inteira
• Cadeiras Coração do Gigante (sem lugar marcado): R$250 inteira
• Cadeiras Tribuna: R$350
• Cadeiras Camarote Superior: R$350
• Cadeiras Camarote Av. Padre Cacique: R$400
• Cadeiras Camarote Av. Edvaldo Pereira Paiva: R$450

 

Gigantinho

Avenida Padre Cacique, 891, das 10h às 18h

 

Multisom – Praia de Belas

Av. Praia de Belas, 1181 – loja 26 – Praia de Belas

Horário: 10h as 22h

 

Multisom – Iguatemi

Av. João Wallig, 1800 – Loja 109 – Passo D’Areia

Horário: 10h as 22h

 

Multisom – Andradas

Rua dos Andradas, 1546 – Loja 01/02 – Centro Histórico

Horário: 10h as 17h

 

Multisom Bourbon Ipiranga

Av. Ipiranga, 5200 – Loja 145 – Jardim Botânico

Horário: 10h as 22h

 

Federação Gaúcha de Futebol

Av. Ipiranga, 10 – Praia de Belas

Horário: 10h as 17h

 

Os proprietários de cadeiras perpétuas poderão adquirir um ingresso de Arquibancada Superior Livre (sem lugar marcado) com 50% de desconto. A venda ocorrerá até quinta-feira 06/06, na Bilheteria do Gigantinho, das 10h às 18h. A compra deve ser realizada pelo titular, sendo que cada cadeira perpétua dá direito a um ingresso com desconto. É necessária a apresentação da carteirinha na compra e no acesso ao jogo.

Valor do Ingresso Inteiro: R$ 150,00
Ingresso com 50% de Desconto: R$ 75,00

Maria Elena Johannpeter participa do SAS Forum Brazil

Maria Elena Johannpeter participa do SAS Forum Brazil

Agenda Cidade Comportamento Destaque

Referência nacional quanto o tema é voltado para o Social, Maria Elena em sua fala, irá destacar a relevância do crescimento do Capital Social em uma nação: valores éticos de uma sociedade, capacidade associativa, grau de confiança dos seus cidadãos e consciência cívica. Faz parte da apresentação uma máxima que a gaúcha costuma sempre ressaltar em seus pronunciamentos: “Trabalhar os valores internos faz despertar na pessoa o seu verdadeiro valor, o que a torna mais ativa e socialmente transformadora do mundo ao seu redor”. Maria Elena P. Johannpeter representa a ONG Parceiros Voluntários no SAS Forum Brazil, promovido pelo SAS, em 6 de junho, às 10h, no Villa Blue Tree, em São Paulo. A primeira edição do SAS Forum Brazil, marcada para os dias 5 e 6 de junho, terá uma agenda totalmente dedicada a temas relacionados às novas tecnologias, como Big Data, transformação digital, inovação, Internet das Coisas, Inteligência Artificial, Indústria 4.0, cibersegurança, ciência de dados, entre outros. Durante dois dias, a programação contará com palestras, apresentações de casos de sucesso e debates.

Promovido pelo SAS, líder global em Analytics, o Forum – cujo tema é A revolução analítica e os novos instrumentos da transformação digital -, terá uma série de palestras e apresentações voltadas para empresas do setor público e privado. Estão programadas, ainda, apresentações de casos de sucesso de empresas e órgãos como Itaú, SKY, B3, JBS, HDI Seguros, Claro, Nestlé, Portobello, Dataprev, TCU, Capes, entre outros.

Entre os palestrantes já confirmados, estão Luiza Trajano, presidente do conselho de administração do Magazine Luiza; Maria Elena P. Johannpeter, presidente do Conselho de Administração da ONG Parceiros Voluntários; Denis Balaguer, diretor de Inovação da EY; Martha Gabriel, professora, pesquisadora e escritora; Gustavo Fosse, diretor de TI do Banco do Brasil; Antranik Haroutiounian, diretor de Pesquisa e Desenvolvimento do Bradesco; Auna Mattar, diretora de Big Data, Analytics e IA na TIM Brasil; e Lucas Mendes, diretor-geral da WeWork no Brasil.

Também estarão presentes alguns dos principais executivos e especialistas do SAS, como Cássio Pantaleoni, presidente do SAS Brasil; Marvio Portela, vice-presidente do SAS América Latina; Wilson Raj, diretor global de Customer Intelligence; David Stewart, diretor de Soluções de Inteligência de Segurança para Bancos; Dan Harmeson, diretor global de Estratégias de IoT; e John Sjaastad, diretor global de Risk Consulting.

SERVIÇO

SAS Forum Brazil 2019
Datas: 5 e 6 de junho
Local: Villa Blue Tree – Rua Castro Verde, 266 – Jardim Caravelas – São Paulo – SP
Inscrições gratuitas: https://www.sas.com/br/forum

Porto Alegre: Primeira edição do Quinta Blues ocorre nesta quinta, 06 de junho, no UM Bar&Cozinha

Porto Alegre: Primeira edição do Quinta Blues ocorre nesta quinta, 06 de junho, no UM Bar&Cozinha

Agenda Cidade Destaque Porto Alegre

Nesta quinta-feira, 06 de  junho, às 19h30, o UM Bar&Cozinha promove uma novidade em sua programação musical: além dos já consolidados Quarta com Bossa e UM Piano Bar&Cozinha, que ocorre aos  sábados, o chef Carlos Kristensen e a restaurantrice Luciane Pacheco lançam a Quinta Blues, que contará com Fernando Noronha, um dos maiores guitarristas do gênero no país.

fernando-noronha-photo-marcoshermes-1Fernando Noronha é um dos maiores guitarristas de blues do Brasil. Ao longo de sua trajetória musical, Noronha se destacou na cena mundial do blues, realizou diversas turnês pela América Latina, dez turnês europeias e duas nos EUA e Canadá. Desde 1995, Fernando Noronha & Black Soul tem viajado por todos os maiores festivais de Blues e Jazz pelo mundo, como o Montreal Jazz Festival no Canadá, Augusti Blues Festival na Estônia e Santiago International Jazz Festival no Chile.

A ideia, segundo o casal que comanda o UM, é que a noite de blues tenha edições mensais no restaurante, que já promove uma intensa programação mensal de música no local, destacando nomes como Anaadi, Andrea Cavalheiro, Rê Adegas e Adriana Defentti, entre outras cantoras.

O Couvert Artístico é R$ 25,00 e as reservas devem ser feitas pelo telefone (51) 3239.6751. O UM fica na Av. Mariland, 1388. Para mais informações acesse: facebook.com/ umbarecozinha ou instagram @umbarecozinha

 

Quinta Blues – com Fernando Noronha

06 de junho, 19h30

Couvert Artístico: R$ 25,00

Reservas (51) 3239.6751

Porto Alegre: Projeto concede Prêmio Tradicionalista a Nairioli Callegaro

Porto Alegre: Projeto concede Prêmio Tradicionalista a Nairioli Callegaro

Agenda Cidade Cultura Destaque

 

  • Movimentação de plenário. Na foto: vereador Reginaldo Pujol.
    Vereador Reginaldo Pujol (DEM) é o proponente. Foto: Débora Ercolani/CMPA

    Está em tramitação, na Câmara Municipal de Porto Alegre, projeto de resolução, de autoria do vereador Reginaldo Pujol (DEM), que concede o Prêmio Tradicionalista Glaucus Saraiva ao fundador do CTG Chimangos, Nairioli Antunes Callegaro.

Natural de Santo Ângelo, Nairioli nasceu em 5 de março de 1965. Engenheiro civil por formação, foi vice-presidente da Associação dos Comerciantes de Materiais de Construção (Acomac) e conselheiro fiscal da cooperativa Sicredi Metrópolis. Atuante no tradicionalismo gaúcho, fundou, aos 18 anos de idade, o CTG Chimangos, na Capital, sendo o primeiro patrão. Fez dele sua entidade e uma convicção familiar.

Com 20 anos de idade, na gestão do presidente Domingos Albea, foi convidado para ser secretário geral do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), do qual é presidente na atual gestão. Foi também vice-presidente no período de 2014 a 2015. Foi vice-coordenador da Primeira Região Tradicionalista por quatro gestões, coordenador em 2011 e 2012, período da aquisição da sede da Região Tradicionalista, tesoureiro da Associação dos Amigos da Tradição e Folclore (AATF) em 2007 e 2008 e presidente em 2009 e 2010.

Porto Alegre: Câmara debate cumprimento da Lei dos Táxis nesta terça

Porto Alegre: Câmara debate cumprimento da Lei dos Táxis nesta terça

Agenda Cidade Notícias Porto Alegre

A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal (CCJ) realizará, na manhã desta terça-feira (4/6), reunião onde irá debater o cumprimento da Lei Geral dos Táxis em Porto Alegre. O encontro será a partir das 10h, na sala 303 do Palácio Aloísio Filho, sede do Legislativo da Capital. É esperada a presença, além dos vereadores integrantes da CCJ, da representação da Procuradoria Geral do Município (PGM) e da Empresa Pública de Transportes e Circulação (EPTC). A atividade é aberta ao público.

ADVB: 47° Prêmio Exportação RS premia vencedores nesta quinta-feira

ADVB: 47° Prêmio Exportação RS premia vencedores nesta quinta-feira

Agenda Cidade Economia Negócios Notícias Tecnologia

Nesta quinta-feira, dia 06 de junho, a partir das 19h30, na Casa NTX, na Avenida das Indústrias, 1395, Porto Alegre, o Conselho do Prêmio Exportação RS reconhecerá os líderes no segmento exportador gaúcho. A imprensa está convidada para o 47° Prêmio Exportação RS, conhecido como o maior reconhecimento do Sul do País ao segmento exportador. Considerado o maior evento do segmento do país, o Prêmio Exportação RS distingue empresas que obtiveram os melhores resultados mercadológicos e desenvolveram estratégias inovadoras para expor e comercializar seus produtos no mercado internacional. Em 2018, foram reconhecidas 55 empresas, que se destacaram por seus resultados de exportações em variados setores da economia.

O Conselho do Prêmio Exportação RS é formado por lideranças das 17 instituições que possuem alguma relação de suporte ou apoio ao cenário exportador gaúcho. São as seguintes organizações: ADVB/RS, Apex-Brasil, Agenda 2020, Badesul, Banco do Brasil, Banrisul, BRDE, FARSUL, Federasul, Fecomércio-RS, FIERGS, Movimento Brasil Competitivo, Superintendência dos Portos do Rio Grande do Sul, PwC Brasil, PGQP, Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo do RS e UFRGS.

O Prêmio, que este ano reconhecerá o desempenho de 51 empresas, anunciadas em maio, é promovido por 17 entidades ligadas ao cenário exportador do estado. A distinção destaca as empresas em categorias quantitativas, com base em dados de exportação do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior – MDIC, e qualitativas, com base na expertise das entidades representadas no Conselho do Prêmio. Veja quais foram as empresas vencedoras aqui.

No jantar de premiação, direcionado às empresas, convidados, autoridades e imprensa, o Conselho do Prêmio Exportação RS também entregará o prêmio Personalidade Competitividade Internacional 2019 à Marcos Oderich, Diretor Comercial e de Relações com o Mercado da Conservas Oderich S/A. A distinção é oferecida todos os anos a uma liderança empresarial ou profissional que atue no comércio exterior e que tenha realizado ações de incentivo à inserção de produtos brasileiros no mercado externo.

Presidente da ADVB/RS, Rafael Biedermann Mariante Foto: Assessoria Fotográfica

Durante a semana que passou, o presidente da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Rio Grande do Sul – ADVB/RS, Rafael Biedermann Mariante, participou do FBV talks na 7ª edição da Feira Brasileira de Varejo, em Porto Alegre. Ele conversou com o público sobre a “Nova ADVB/RS”, os desafios contemporâneos que as organizações enfrentam diariamente no estado e os pilares básicos do novo ecossistema. O presidente explicou que para haver um crescimento econômico é preciso que as empresas monitorem o retorno de experiência do cliente. “A experiência tem que ser boa tanto para o cliente como para os colaboradores, há de se ter um propósito. Precisamos propiciar um momento mágico para eles”, disse Rafael.

Durante os três dias do evento a entidade contou com um espaço exclusivo para receber profissionais e interessados para apresentar as iniciativas da ADVB/RS que visam fomentar a cultura do marketing e vendas no Rio Grande do Sul. “O mercado passa por um cenário de mudança. Entidades que representam empresas e profissionais, como é o nosso caso, devem perceber e acompanhar esses movimentos no comportamento do consumidor. Por isso a importância de estarmos presentes em um evento dessa magnitude, em que podemos trocar conhecimento sobre as tendências do que vem por aí”, finalizou.

47° PRÊMIO EXPORTAÇÃO RS

Data: 06 de junho de 2019 (quinta-feira)
Horário:  19h30
Local: Casa NTX – Av. das Indústrias, 1395, Porto Alegre

 

Marketing político: Inscrições abertas para o 1º Prêmio CAMP da Democracia

Marketing político: Inscrições abertas para o 1º Prêmio CAMP da Democracia

Agenda Câmara dos Deputados Destaque Poder Política

Conhecer e falar sobre democracia tem se tornado assunto rotineiro em qualquer grupo social. É fundamental para a população e para a consolidação das instituições públicas, dar maior visibilidade a temática e as ações que envolvem a escolha de futuros candidatos. O Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político (CAMP) lança este ano, o “1º Prêmio CAMP da Democracia” para trazer a discussão os valores e práticas que envolvem o assunto e para a valorização dos profissionais que trabalham de perto com campanhas eleitorais no país.   Evento de Premiação acontece dia 29 de agosto de 2019, em São Paulo.

CAMPO CAMP é um grupo fundado em 2018, apartidário que busca diálogo com todas as esferas de poder para a promoção de uma Reforma Política mais conectada com a vontade popular e com a realidade do mercado. Formado por profissionais de marketing político, como consultores, jornalistas, estrategistas e pesquisadores de opinião, entre suas principais ações estiveram a assinatura do termo de cooperação com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no combate à disseminação de notícias falsas – “Fake News” e; do manifesto da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) em favor da aprovação da “Lei de Proteção de Dados Pessoais”. Também lançou a web série chamada “Diálogos da Democracia”, em parceria com a Fabrika Filmes e, realizou o “1º Seminário: Estratégia, Comunicação e Democracia”, em Brasília.

As inscrições para o “1º Prêmio CAMP da Democracia”   já estão abertas e podem ser feitas pelo site do CAMP – nessa primeira fase de divulgação até 30 de junho, há desconto para os “cases” concorrentes. O prêmio é nacional e, dirigido a todos os profissionais que atuam com marketing político, independentemente de suas formações acadêmicas e, poderão ser inscritos trabalhos realizados entre 2016 e 2018, em qualquer das categorias temáticas.
Serão 22 categorias, entre campanhas para vereador, deputado distrital, deputado estadual, deputado federal, senador, prefeito, governador e presidente, além de melhor campanha para entidade de classe, de defesa de interesses e institucionais das administrações municipais, estaduais e federal. Também existem categorias específicas, como melhor site, uso de pesquisa de opinião, inserção de TV, spot de rádio, jingle, estratégia de redes sociais, contribuição acadêmica, uso de humor, foto ou imagem estática, logomarca e slogan, a exemplo do que ocorre em outras premiações no exterior.