Saúde: Psoríase Brasil lança Frente Parlamentar no Congresso Nacional em Campanha do Dia Mundial 2017

Saúde: Psoríase Brasil lança Frente Parlamentar no Congresso Nacional em Campanha do Dia Mundial 2017

Agenda Comportamento Destaque Direito Educação Poder Política Saúde

A psoríase é uma doença inflamatória crônica da pele, sistêmica, de base genética, não contagiosa, geralmente aparece nos joelhos, cotovelos, unhas, mãos, pés e couro cabeludo, podendo atingir todo o corpo. A manifestação ocorre com mais incidência entre 20 e 40 anos, mas também pode se manifestar em outras faixas-etárias. Pessoas com psoríase têm mais chance de desenvolver artrite psoriásica, causando mutilações e desfiguração. Diabetes, Doença de Crohn, doenças cardiovasculares, obesidade e depressão são comumente diagnosticadas nos pacientes com psoríase. Para a OMS é um problema de saúde pública. A entidade com sede no Rio Grande do Sul, União das Associações de Portadores de Psoríase do Brasil – liderou a criação da Frente Parlamentar Mista pela Causa da Psoríase e Artrite Psoriásica, no Congresso Nacional, com o apoio de parlamentares e da Sociedade Brasileira de Dermatologia – SBD. A instalação da Frente Parlamentar será dia 19 de outubro, na Câmara dos Deputados, em Brasília, como uma das atividades da Campanha Nacional pelo Dia Mundial da Psoríase 2017,estabelecido pela OMS a ser celebrado internacionalmente em 29 de outubro.A Frente Parlamentar tem como objetivos gerais o

Exposição acerca da gravidade da doença psoríase. Na foto: Presidente da Psoríase Brasil Gládis Lima
“ Este ano avançamos na Campanha do Dia Mundial da Psoríase e vamos marcar a data com a instalação da Frente Parlamentar Mista”, comemora Gládis Lima Foto:CMPA

aperfeiçoamento da legislação e a implementação de políticas públicas nacionais que visem a melhoria do atendimento e do acesso ao diagnóstico e ao tratamento à doença por parte do SUS e de convênios particulares, entre outras ações. De acordo com a Organização Mundial da Saúde – OMS -, a psoríase é um problema de saúde pública que atinge cerca de 125 milhões de pessoas em todo o mundo. No Brasil, estima-se que mais de cinco milhões padeçam com psoríase.

Pelo terceiro ano consecutivo, a Psoríase Brasil, associação civil sem fins lucrativos, estará no Congresso Nacional promovendo campanha de conscientização e buscando a adesão de parlamentares e do público. Dias 18 e 19 deste mês, a presidente da Psoríase Brasil, Gládis Lima, e sua equipe, estarão no Espaço Mário Covas da Câmara dos Deputados distribuindo materiais informativos, projetando vídeos sobre a doença e as dificuldades vividas diariamente pelos pacientes. Como mote da Campanha 2017 serão apresentados dados sobre a baixa qualidade de vida de quem tem psoríase. O lançamento da Frente Parlamentar é resultado do trabalho contínuo executado pela entidade no Congresso Nacional.

“A partir de nossas atividades em busca de políticas públicas voltadas aos pacientes com psoríase, conhecemos deputados e senadores preocupados com a causa da saúde que se sensibilizaram com o tema. Este ano avançamos na Campanha do Dia Mundial da Psoríase e vamos marcar a data com a instalação da

Frente Parlamentar Mista pela Causa da Psoríase e Artrite Psoriásica”, comemora a presidente da Psoríase Brasil, Gládis Lima. O evento de instalação será em 19/10, das 8h às 10h, no Restaurante Escola Senac Gastronomia, Anexo IV da Câmara dos Deputados. A Frente Parlamentar tem como presidente o Deputado Dr. Sinval Malheiros, na vice-presidência a Deputada Carmen Zanotto e o Senador Álvaro Dias, e como Secretário-Geral o Deputado Dr. Jorge Silva.

A União das Associações de Portadores de Psoríase do Brasil é uma entidade civil sem fins lucrativos que congrega associações regionais brasileiras de pacientes com Psoríase. Criada em 2000, em Porto Alegre (RS), a Psoríase Brasil foi oficializada em 2010 e, desde então, passou a ter representatividade nacional e internacional. A entidade tem como parceira a SBD e, em 2016, constituiu seu Comitê Científico composto por médicos dermatologistas. A Psoríase Brasil atua em todo o País e é membro de entidades internacionais como a IFPA – Federação Internacional das Associações de Psoríase -, Latinapso – Rede Latino-Americana de Psoríase – e IAPO – Internacional Alliance of Patient’s Organizations.

A Psoríase Brasil realiza trabalho de advocacy em prol dos pacientes e pela implementação da Resolução da OMS que, em maio de 2014, reconheceu a psoríase como uma doença grave, incapacitante, não transmissível, dolorosa, desfigurante e para a qual não existe cura. A Psoríase Brasil está constantemente lutando pela atualização dos Protocolo Clínico de Diretrizes Terapêuticas – PCDT – para que o Ministério da Saúde inclua nas políticas públicas nacionais medicamentos mundialmente comprovados ao tratamento de psoríase. Em 2017, a entidade fez forte campanha para a inclusão de tratamentos imunobiológicos na Consulta Pública da Agência Nacional de Saúde – ANS – de atualização do Rol de Procedimentos em Saúde. Como a solicitação foi negada pela ANS com argumentos não satisfatórios à Psoríase Brasil nem à SBD, segue a batalha por sua inclusão.

Universitária gaúcha é condenada por divulgar conversas íntimas de namorado com amiga

Universitária gaúcha é condenada por divulgar conversas íntimas de namorado com amiga

Comportamento Destaque Direito
 A 4ª Turma Recursal do Rio Grande do Sul manteve decisão que condena uma universitária pela divulgação, no Facebook, de conversas privadas do namorado dela com uma colega dele. Ao concluir que a publicação “ultrapassou o limite do tolerável, constrangendo a autora publicamente”, os juízes mantiveram a decisão que obriga a estudante a indenizar a amiga do namorado por danos morais no valor R$ 1,5 mil.

A postagem, feita em meados de 2016, trazia conversas via WhatsApp e Facebbok, dando conta de um possível relacionamento entre o namorado da ré e sua colega. Em um dos trechos da conversa, o homem convidava a colega para fazer sexo virtual.

A mulher implicada na publicação, além de negar qualquer relacionamento com o namorado da ré, reclamava o prejuízo à sua imagem. O pedido dela foi de R$ 17,6 mil de ressarcimento pelos danos morais. O valor indenizatório fixado pela Justiça, entretanto, foi de R$ 1,5 mil.

O caso chegou até a 4ª Turma Recursal porque a ré recorreu, alegando que só pretendera atingir o seu parceiro e que excluíra a postagem no mesmo mês. (Rádio Guaíba)

Blogueiros lançam maior portal de Viagem com Filhos do Brasil

Blogueiros lançam maior portal de Viagem com Filhos do Brasil

Comportamento Comunicação Crianças Destaque Tecnologia Turismo


Neste dia 12 de outubro, Dia das Crianças, 50 blogueiros brasileiros lançam o maior portal de conteúdo de viagem com filhos em português. O site Viagens com Filhos (http://www.viagenscomfilhos.com.br/) entra no ar com conteúdo sobre o mundo inteiro, e reúne roteiros, dicas, fotos e vídeos sobre mais de 50 países e 50 destinos no Brasil, todos voltados para quem viaja em família. Unidos, os blogueiros de todo os cantos do país somam mais de um milhão de seguidores nas redes sociais. “O Viagens com Filhos já nasce como o maior conjunto de influenciadores dessa área”, diz Patrícia Tayão, do blog Viajar Hei (http://www.viajarhei.com).


O Viagens com Filhos reúne, em um único lugar, os milhares de conteúdos produzidos por todos os blogueiros em suas andanças pelo mundo. Os relatos vão desde país que viajam com bebês até os que já embarcam com adolescentes, passando por famílias numerosas ou com filhos únicos, com gêmeos (ou trigêmeos!) e que fazem todo estilo de jornada: econômica, de luxo, mochilão, motorhome, intercâmbio, troca de casas e até volta ao mundo. É uma variedade garantida pelos vários perfis dos blogueiros. “Muitos, como eu, já eram viajantes inveterados antes dos filhos nascerem, e decidiram passar esse hábito para a nova geração, vencendo preconceitos e dificuldades”, conta Claudia Rodrigues, do blog Felipe, o Pequeno Viajante (http://www.felipeopequenoviajante.com). Felipe, aos 8 anos, é filho de Claudia e já visitou 50 países. “O diferencial do Viagens com Filhos é o fato de que cada um de nós, mães e pais blogueiros, viveu de fato aquela experiência. É isso o que os viajantes que têm crianças mais querem saber: se aquele roteiro, hotel, cidade servem para eles, e as pessoas em quem eles mais confiam para ajudar a tomar uma decisão são justamente as que já estiveram lá com sua família”, explica Francine Agnoletto, do blog Viagens que Sonhamos (http://www.viagensquesonhamos.com.br).

A ideia de lançar o portal nasceu dentro do grupo fechado de Facebook chamado Assuntos de Blogs de Viagem com Filhos, criado em 2014 por Claudia Rodrigues e Francine Agnoletto. No grupo, exclusivo para os blogueiros, eles trocam ideias, esclarecem dúvidas e viabilizam projetos em conjunto. Em 2016, a comunidade fez o seu primeiro encontro em Búzios, no Rio de Janeiro, por iniciativa de Patricia Tayão, com o apoio do Convention Visitors Bureau da cidade. O segundo foi em 2017, em Florianópolis, também apoiado pelo CVB da Ilha da Magia. “Com a evolução da troca de informações e experiências, ficou claro que o próximo passo seria uma iniciativa em conjunto que mostrasse para o público a riqueza do que é produzido por todo o grupo”, diz Luciane Aquino, do blog Vou Viajar (http://www.vouviajar.blog.br).

“Juntar todo o conteúdo produzido por dezenas de blogueiros foi ao mesmo tempo fácil e difícil”, explica Daniela Zambelli Xavier, que é programadora e autora do blog Vem Pro Parque (http://www.vemproparque.com.br). Daniela foi a responsável por implementar o site. “O desafio foi o de integrar todas as informações que cada um produz. O que tornou tudo mais simples foi o desejo de se fortalecer mutuamente e oferecer um conteúdo completo para os nossos visitantes”, explica Daniela.

RS:  Sociedade de Psicologia debate individualismo e desamparo

RS: Sociedade de Psicologia debate individualismo e desamparo

Agenda Cidade Comportamento Comunicação Cultura Destaque Saúde

A Sociedade de Psicologia do Estado do Rio Grande do Sul promove debate sobre o tema individualismo e desamparo na atualidade. Os vínculos e sua força frente ao sentimento contemporâneo de vazio e desamparo, efeito da crise da modernidade e sua sociedade de indivíduos. 

O tema da Jornada 2017 da SPRGS, é: Individualismo e Desamparo – a vibração doa vínculos nas raízes da existência como potência social. Buscando fazer intersecções sobre o assunto dentro das áreas de estudo,o quadro de painelistas será bem eclético, e contará com nomes como o sociólogo francês Michel Maffesoli, do jornalista Juremir Machado da Silva, da psicóloga Iara Camaratta Anton e da advogada Sáloa Neme da Silva.

O evento ocorre no dia 21 de outubro, das 8 às 19:30, na sede da IMED( Rua Dona Laura, 1020 -auditório), em Porto Alegre.

Mais informações pelo telefone(51) 3331.8586 e pelo e-mail secretaria@sprgs.org.br

Porto Alegre: Briga na Cidade Baixa termina em confronto com a BM

Porto Alegre: Briga na Cidade Baixa termina em confronto com a BM

Cidade Comportamento Cultura Destaque Porto Alegre Segurança

Um tumulto foi registrado na madruga deste domingo na rua João Alfredo, na Cidade Baixa, na região Central de Porto Alegre. De acordo com a Brigada Militar (BM), servidores da corporação e agentes da Empresa Pública de Transporte e Circulação faziam uma blitz no local quando foram informados de uma briga na região. Ao intervir, por volta das 2h20min, alguns envolvidos passaram a arremessar pedras e garrafas em direção aos servidores da segurança. Para conter a confusão, a BM utilizou bombas de efeito moral e munição antimotim para dispersar o gruto.

Segundo moradores, a confusão demorou cerca de uma hora, com barulhos parecidos com tiros e diversos carros com sirenes ligadas. Até o momento, a informação é que ninguém ficou ferido.

Em julho, fato semelhante ocorreu na mesma rua, considerada histórico reduto boêmio da cidade. Na ocasião, dia 16 de julho, a BM foi chamada no local com inúmeras reclamações de som alto na rua. Ao chegar a João Alfredo, os policiais militares constataram que, entre as ruas Luiz Afonso e José do Patrocínio, um grupo de pessoas estava parada no meio da via. Ao pedir para se retirarem, o tumulto começou. Pedras e garrafas também foram arremessadas. Não houve registros de prisões e nem de feridos. (Correio do Povo)

Porto Alegre: Semana que antecede o Dia das Crianças deverá ser de grande movimento no comércio

Porto Alegre: Semana que antecede o Dia das Crianças deverá ser de grande movimento no comércio

Agenda Comportamento Crianças Direito do Consumidor Economia Negócios Notícias

Ainda dá tempo de preparar o varejo e decorar as lojas para o Dia das Crianças. Confirmando a tendência das últimas datas comemorativas, o consumidor pretende comprar o presente na semana que antecede o feriado na capital gaúcha. É o que apontou uma pesquisa realizada pela CDL POA e pelo Sindilojas Porto Alegre com consumidores da Cidade. O estudo mostrou que 60,7% deve comprar na semana do Dia das Crianças e 14,3% na véspera do dia 12 de outubro, principalmente para não perderem prazos para eventuais trocas.

Polícia Civil prende três pessoas que negociavam venda de bebê

Polícia Civil prende três pessoas que negociavam venda de bebê

Comportamento Direito Notícias Segurança

A Polícia Civil, por meio da 12ª Delegacia Regional de Polícia de Santana do Livramento, realizou na manhã desta quarta-feira (04), em Novo Hamburgo e Balneário Pinhal, a prisão de três pessoas pela prática de crime de promessa de entrega de filho a terceiro mediante pagamento, estelionato e associação criminosa.

Segundo a delegada Ana Luiza Tarouco, a mãe da criança e intermediários estavam associados para tentar lucrar com a venda do bebê para adoção.

Aguarde mais informações (Rádio Guaíba)

Porto Alegre: Folha de outubro do funcionalismo da Capital deve ser a mais difícil de ser quitada. Projeção da Fazenda aponta déficit de R$ 101 milhões em setembro; por Samantha Klein|Rádio Guaíba

Porto Alegre: Folha de outubro do funcionalismo da Capital deve ser a mais difícil de ser quitada. Projeção da Fazenda aponta déficit de R$ 101 milhões em setembro; por Samantha Klein|Rádio Guaíba

Cidade Comportamento Comunicação Destaque Economia Marchezan

 

 

 

Leonardo Busatto, Secretário Municipal da Fazenda, e Jonas Tarcísio Reis, Diretor-geral do Sindicato dos Municipários de Porto Alegre
debateram diversos assuntos hoje no Esfera Pública/Rádio Guaíba, com Taline Oppitz e Juremir machado da Silva
Com a previsão de que sejam pagos aproximadamente R$ 1,3 mil por matrícula, na próxima sexta-feira, referentes aos salários de setembro, Secretaria da Fazenda de Porto Alegre já projeta o mês seguinte como o pior do ano para quitar os salários do funcionalismo.

Conforme a análise das contas da Prefeitura entre janeiro e agosto, que leva em conta as receitas, despesas e medidas de corte de gastos, o fluxo de caixa de novembro – quando vai ser paga a folha de outubro – é considerado o mais crítico do ano.

Conforme a Secretaria da Fazenda, para a folha de setembro seguem faltando R$ 101 milhões. Já para a de outubro, a projeção é de que faltem R$ 157 milhões. Com isso, o funcionalismo deve receber como depósito inicial aproximadamente R$ 1 mil.

O secretário Leonardo Busatto ressalta que ainda há recursos de impostos a ingressarem no caixa único, mas o déficit deve se manter em aproximadamente R$ 100 milhões, no mês que vem. ”É um cenário difícil, mas todas as medidas de contenção de gastos e os projetos enviados para a Câmara, desde que aprovados, poderão tornar o cenário melhor no ano que vem”.

A folha de setembro do funcionalismo de Porto Alegre, a quarta a ser parcelada em 2017, é estimada em R$ 141 milhões. De acordo com Busatto, o ano deve fechar com déficit de R$ 260 milhões.

Devido ao esgotamento dos recursos em caixa não foi possível o pagamento integral dos salários em uma só parcela, a partir do mês de junho:

  • Junho – faltaram R$ 4 milhões, a primeira parcela paga aos servidores foi de R$ 10.000
  • Julho – faltaram R$ 20 milhões, a primeira parcela paga aos servidores foi de R$ 6.600
  • Agosto – faltaram R$ 58 milhões, a primeira parcela paga aos servidores foi de R$ 3.300

O valor total da folha de pagamento do funcionalismo em setembro será de R$ 141 milhões e a Fazenda sinaliza que haverá novo parcelamento de salários a partir de 29 de setembro. “Todos os recursos disponíveis serão utilizados para pagar os salários dos servidores”, afirmou Busatto.

Os demais valores serão quitados conforme ingressos de receitas até o fim da primeira quinzena de outubro. O calendário de pagamentos com as faixas de valores será anunciado na quarta-feira, 27.

Veja os dados do balanço aqui

Justiça gaúcha garante apresentação no Porto Alegre em Cena de peça proibida em SP; por Ananda Müller/Rádio Guaíba

Justiça gaúcha garante apresentação no Porto Alegre em Cena de peça proibida em SP; por Ananda Müller/Rádio Guaíba

Cidade Comportamento Cultura Destaque Direito Poder Política Porto Alegre prefeitura Saúde Segurança Turismo
 Uma decisão da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre garantiu, na tarde de hoje, a exibição da peça “O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu” no Porto Alegre em Cena 2017. O juiz José Antônio Coitinho negou o pedido de uma advogado, em uma ação individual, para proibir a exibição da peça teatral na cidade, a exemplo do que já foi feito em Jundiaí, no estado de São Paulo. Na ocasião, o juiz paulistano afirmou que “não se olvida a liberdade de expressão (…) mas que não pode ser tolerado o desrespeito a uma crença, religião, enfim, a uma figura venerada no mundo inteiro.”

A peça – um monólogo do Jo Clifford – retrata a história de Jesus Cristo como uma figura transexual. Para Coitinho, magistrado que garantiu a exibição em Porto Alegre, “transexual, heterossexual, homossexual, bissexual, constituem seres humanos idênticos na essência, não sendo minimamente sustentável a tese de que uma ou outra opção possa diminuir ou enobrecer quem quer que seja representado no teatro”.

O juiz ainda garante que a peça propõe uma reflexão sobre o preconceito que recai sobre orientações sexuais das pessoas, e que a atriz e travesti Renata Carvalho corporifica a figura religiosa no tempo presente, com o que não pratica ilícito algum. (Ananda Müller/Rádio Guaíba)

Professor que comparou cerveja escura a mulher negra se torna réu por racismo

Professor que comparou cerveja escura a mulher negra se torna réu por racismo

Comportamento Destaque Direito Educação

Um professor do Instituto Federal Fluminense (IFF), em Campos dos Goytacazes, no Norte do estado, vai ser investigado pelo crime de racismo. A 2ª Vara Federal de Campos aceitou denúncia feita pelo Ministério Público Federal contra o docente Maurício Nunes Lamonica.

Em março do ano passado, o professor postou mensagem nas redes sociais comparando a mulher negra a uma cerveja escura. Em uma foto segurando uma cerveja, ele disse: “Para ninguém achar que eu não gosto de afrodescendente”. E acrescentou: “Nega gostosa. Uh! Foi mal”.

Para a Justiça Federal, a declaração do professor sugere desprezo pela população negra e se encaixa em discriminação pela cor de pele. Na denúncia, o MPF reforça que o racismo não está apenas na comparação entre a cerveja e as mulheres negras, mas também na ironia.

Na denúncia apresentada à Justiça, os procuradores destacaram também o fato de a agressão ter sido feita por um professor, cujo papel é o de educar, e ter sido disseminada pela internet, com rápida repercussão.

Na época, o professor foi denunciado pela Comissão de Igualdade Racial da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Campos, que elaborou uma notícia-crime contra Lamonica.

Racismo coloca em risco a vida de mulheres negras

O movimento de mulheres negras chama atenção para a relação entre machismo e racismo, que reforça estereótipos de gênero, além de contribuir para aprofundar desigualdades. A coordenadora da organização não governamental Criola, Lúcia Xavier, vem alertando para a sexualização de mulheres negras, que é responsável pela desvalorização da vida delas. O resultado, adverte, está no crescente índice de violência.

Pesquisa da Organização Mundial de Saúde (OMS) constatou, por exemplo, que o número de mortes violentas de mulheres negras aumentou 54% em dez anos, entre 2003 e 2013, chegando 2.875 vítimas. No mesmo período, homicídios de mulheres brancas caiu 9,8%.

Defesa

O advogado do professor do IFF, Amyr Moussalem, afirmou que Lamonica não foi notificado e prefere não se pronunciar. Ele adiantou, no entanto, que o acusado vem participando de diversas audiências sobre o tema e inclusive já se retratou publicamente.

Por meio da assessoria de imprensa, o Instituto Federal Fluminense informou que na época do ocorrido abriu um processo administrativo disciplinar para apurar a conduta do professor e decidiu pela aplicação de uma advertência. Segundo o instituto, ele ficou afastado das atividades durante o processo e atualmente voltou a dar aulas no ensino médio. (Agência Brasil)