“Meu tempo passou”, Marco Antônio Pereira confirma que deixa o rádio; do Coletiva.net

“Meu tempo passou”, Marco Antônio Pereira confirma que deixa o rádio; do Coletiva.net

Comunicação Destaque

O narrador Marco Antônio Pereira conversou com a equipe de Coletiva.net e confirmou que está deixando definitivamente o rádio. “Meu tempo passou. Chegou a hora de dar espaço aos mais jovens”, declarou ele, que aproveitou para dizer que deve tudo ao rádio: “Tenho o que tenho e sou o que sou por causa dele. Porém, meu ciclo se encerrou”. Agora, o comunicador pretende investir em outros projetos. Um deles é ingressar no setor náutico em Santa Catarina, onde já tem uma lancha que aluga para passeios, festas e pesca em alto-mar. Em dezembro, ele se despede do Rio Grande do Sul.

Ao portal, Marcão, como é chamado, contou que no início do ano, antes de acertar com o Grupo Bandeirantes, em fevereiro, já estava decidido a deixar a narração, no entanto, acabou aceitando o convite da empresa. “Foi uma experiência bacana, foi tudo muito bom, assim como toda minha trajetória de mais de 30 anos”, falou, ao lembrar os tempos de Grupo RBS, rádio Guaíba e Grenal, onde ficou por breves três meses e dividiu os microfones com o filho Henrique Pereira.

Segundo o narrador, ele chegou a receber outras propostas para trabalhar em rádio depois que deixou a Band, mas declinou todas. “É realmente hora de parar. Perdi a ambição. Tenho na bagagem oito Copas do Mundo e viajei o mundo todo. Pronto”, declarou. Ele aproveitou para agradecer aos ouvintes que o acompanharam ao longo de sua trajetória, que se iniciou na Rádio Progresso, em Novo Hamburgo, em 1981. Depois de um período no Paraná, na Rádio União de Toledo, voltou a trabalhar no Estado pela Rádio Difusora. (Coletiva.net)

Gabarito do Enem já está disponível, por Mariana Toakrnia/Agência Brasil

Gabarito do Enem já está disponível, por Mariana Toakrnia/Agência Brasil

Comunicação Destaque Notícias

Estão disponíveis os gabaritos oficiais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou os gabaritos de cada uma das provas aplicadas e os cadernos de questões na íntegra. O material está disponível na página do Enem. Os resultados individuais do Enem serão divulgados no dia 18 de janeiro.

O Inep disponibilizou também todos os vídeos da videoprova em Língua Brasileira de Sinais (Libras) no Canal no Youtube. Segundo a autarquia, Isso permitirá que os surdos e os deficientes auditivos tenham como estudar para futuras edições do Enem em sua primeira língua. As respostas das questões estão no gabarito do caderno verde. Além disso, estão disponíveis as provas ampliada e superampliada, que são azuis para o primeiro domingo e amarelo para o segundo; e as provas ledor, de cor laranja.

Mesmo com o gabarito, os candidatos não conseguirão saber a nota que tiraram, porque o sistema de correção do Enem usa a metodologia da teoria de resposta ao item (TRI), que não estabelece previamente um valor fixo para cada questão. O valor varia conforme o percentual de acertos e erros dos estudantes naquele item.

Assim, se a questão tiver grande número de acertos será considerada fácil e, por essa razão, valerá menos pontos. O estudante que acertar um item com alto índice de erros, por exemplo, ganhará mais pontos por ele. Dessa forma, o candidato só saberá a sua nota nas provas objetivas após a divulgação do resultado final, em janeiro.

Na última segunda-feira (12), o Inep anulou uma das questões da prova de matemática por já ter sido usada em um vestibular da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em 2013, descumprindo os requisitos de ineditismo e sigilo do exame. A autarquia instaurou sindicância para apurar responsabilidades.

O Enem foi aplicado nos dias 4 e 11 de novembro a mais de 4 milhões de estudantes em todo o país. No primeiro domingo, os estudantes fizeram provas de linguagem, ciências humanas e redação. No segundo domingo, fizeram provas de ciências da natureza e matemática.

A nota do exame poderá ser usada para concorrer a vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e para participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Edição: Maria Claudia

Fonte: Agência Brasil

Bolsonaro responde sobre decisão de Cuba deixar Mais Médicos

Bolsonaro responde sobre decisão de Cuba deixar Mais Médicos

Comunicação Destaque Notícias

O presidente eleito Jair Bolsonaro respondeu em sua conta no Twitter na tarde desta quarta-feira (14) sobre a decisão do governo cubano em sair do programa Mais Médicos.

Bolsonaro afirma que condicionou a “continuidade do programa Mais Médicos a aplicação de teste de capacidade, salário integral aos profissionais cubanos, hoje maior parte destinados à ditadura, e a liberdade para trazerem suas famílias. Infelizmente, Cuba não aceitou”, declarou.

Leia mais no R7

Ministério da Saúde de Cuba anuncia que país sairá do programa Mais Médicos

Ministério da Saúde de Cuba anuncia que país sairá do programa Mais Médicos

Comunicação Destaque Notícias

O governo de Cuba anunciou, na manhã desta quarta-feira, que deixará de participar do programa Mais Médicos. A decisão vem após o presidente eleito, Jair Bolsonaro, afirmar que pretende modificar os termos de colaboração com o país caribenho. Em vigor há cinco anos, o programa traz médicos de outros países para atuarem em regiões em que há déficit de profissionais de saúde, e contava com milhares de especialistas em saúde vindos da ilha para o Brasil.

“O presidente eleito do Brasil, Jair Bolsonaro, com referências diretas, depreciativas e ameaçadoras à presença de nossos médicos, declarou e reiterou que modificará os termos e condições do Programa Mais Médicos, com desrespeito à Organização Pan-Americana da Saúde e o que foi acordado com Cuba “, diz a nota do Ministério da Saúde de Cuba.

Leia mais em O Globo

‘Sou um combatente contra a corrupção’, diz Onyx sobre nova acusação de caixa dois, por Daniel Gullino e Eduardo Bresciani/O Globo

‘Sou um combatente contra a corrupção’, diz Onyx sobre nova acusação de caixa dois, por Daniel Gullino e Eduardo Bresciani/O Globo

Comunicação Destaque Notícias

O ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta quarta-feira ser um “combatente contra a corrupção”, ao rebater uma nova acusação de caixa dois da J&F, controladora da JBS. Onyx, um dos mais próximos assessores do presidente eleito Jair Bolsonaro, não fez referência direta ao suposto repasse, mas classificou a informação como “requentada”, afirmou não conhecer os delatores e disse que o “sistema” tenta envolvê-lo com corrupção.

No ano passado, Onyx confirmou ter recebido R$ 100 mil da empresa em 2014, não declarados à Justiça Eleitoral, conforme dito por delatores. No entanto, de acordo com o jornal “Folha de São Paulo”, uma planilha entregue à Procuradoria-Geral da República (PGR) indica que ele teria recebido outros R$ 100 mil em 2012, também via caixa dois. Naquele ano, Onyx não disputou a eleição, mas era presidente do DEM no Rio Grande do Sul.

Leia mais em O Globo

Livros: O Jornalista Roberto Jardim disponibiliza Democracia Fútbol Club em e-book

Livros: O Jornalista Roberto Jardim disponibiliza Democracia Fútbol Club em e-book

Comunicação Cultura Destaque

Depois de lançada na plataforma literária Medium, em maio, com mais de 4 mil acessos desde então, a série Democracia Fútbol Club, do jornalista Roberto Jardim, agora está disponível em e-book, no site da Amazon. O livro digital conta com ilustrações do argentino Gonza Rodríguez, tem prefácio do jornalista Juca Kfouri e custa R$ 11,10.

DemoCoverA obra, editada pelo próprio Jardim, é fruto de quase dois anos de pesquisas e entrevistas. A partir desse material, o autor da coletânea Além das 4 Linhas (Vento Norte Cartonero, 2016/esgotado), conta a trajetória de 11 jogadores de futebol e um técnico politicamente engajados.

Em 171 páginas, a série traça os perfis de profissionais que acreditavam ou acreditam que, além de jogar bola, também podem fazer algo de positivo pela sociedade. São 11 atletas e um treinador com algo mais em comum do que apenas a bola e o gramado. Todos têm histórico de ligação com alguma luta social. Seja contra uma ditadura, contra o racismo ou por melhoras nas condições de vida de todos.

Fazem parte do time os uruguaios Agustín Lucas, Obdulio Varela e Pedro Graffigna, além do técnico José Ricardo de León; os brasileiros Afonsinho, Sócrates e Reinaldo; os franceses Lilian Thuram e Éric Cantona; o argentino Claudio Tamburrini; o chileno Carlos Caszely; e o argelino Rachid Mekhloufi.

O livro traz, ainda, duas reportagens publicadas no primeiro título lançado por Jardim e também no Medium. Os textos, que entram numa espécie de acréscimos, também envolvem futebol, política e história. O Elástico de Rivellino em Augusto Pinochet conta como um jornalista brasileiro salvou a vida de cinco chilenos usando apenas uma camisa do Corinthians. Já La Vuelta Olímpica al Revés lembra um momento de alívio, vindo de dentro das quatro linhas, em meio aos anos de chumbo da ditadura uruguaia.

índiceO que: Democracia Fútbol Club e outras histórias: o jogo de bola além das quatro linhas

Autor: Roberto Jardim

Onde: www.amazon.com.br

Quanto: R$ 11,10

RS: GNV terá reajuste de preço a partir desta sexta-feira

RS: GNV terá reajuste de preço a partir desta sexta-feira

Comunicação Destaque Notícias

A Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul (Sulgás) informou em comunicado ao Sulpetro – Sindicato que representa os postos de combustíveis no RS – o aumento de 8,95% previsto para 16 de novembro (sexta-feira) para o Gás Natural Veicular (GNV). Conforme a Companhia, a alteração se deve ao aumento dos preços praticados nos contratos de compra de gás.

O Sulpetro ressalta que o mercado é livre e competitivo em todos os segmentos, cabendo a cada posto revendedor decidir se irá repassar ou não ao consumidor os reajustes, bem como em qual percentual, de acordo com suas estruturas de custo. O Sindicato, entretanto, entende ser imprescindível manter a sociedade informada para que a revenda não seja responsabilizada por alterações no preço ocorridas em outras etapas da cadeia e que, muitas vezes, são apenas repassadas pelos postos.

PF teme ação do tráfico para resgatar deputado preso, por Bernardo Mello Franco/O Globo

PF teme ação do tráfico para resgatar deputado preso, por Bernardo Mello Franco/O Globo

Comunicação Destaque Notícias

Investigadores da Operação Furna da Onça discutiram o risco de uma ação de traficantes para resgatar o deputado estadual Chiquinho da Mangueira (PSC), preso na quinta-feira passada.

A preocupação foi mencionada por uma delegada no grupo de mensagens que reúne policiais federais e procuradores que atuam no caso.

Chiquinho é um dos dez deputados acusados de receber um “mensalinho” do esquema comandado pelo ex-governador Sérgio Cabral. Ele também é suspeito de ter recebido informações sigilosas sobre a operação da semana passada.

Em outubro, garantiu a reeleição pelo PSC, partido do governador eleito do Rio, Wilson Witzel. Teve 22.141 votos.

O deputado já foi acusado de ligação com traficantes do morro da Mangueira, na zona norte do Rio. Em 2003, chegou a ser alvo de um pedido de abertura de processo na Assembleia Legislativa por quebra de decoro parlamentar.

Leia mais em O Globo

RS: Aneel aprova edital de leilão de linhas de transmissão no Rio Grande do Sul

RS: Aneel aprova edital de leilão de linhas de transmissão no Rio Grande do Sul

Comunicação Destaque Notícias

Em leilão marcado para 20 de dezembro na B3, em São Paulo, serão licitados cinco lotes de concessões de linhas de transmissão no Estado. Ao todo, as obras devem representar a injeção de mais de R$ 5,3 bilhões no Rio Grande do Sul, além de criarem quase 13 mil empregos diretos. Este será o maior leilão de infraestrutura realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nos últimos quatro anos, uma vez que ele conta com 16 lotes nacionalmente, que demandam investimentos de R$ 13,17 bilhões e 7.152 quilômetros de linhas de transmissão. Os contratos serão assinados em 22 de março.

Leia mais no Jornal do Comércio