‘Não posso recusar um convite que não foi feito’, diz Cortella sobre menção de Haddad

‘Não posso recusar um convite que não foi feito’, diz Cortella sobre menção de Haddad

Cultura Destaque Direito Educação

Na segunda-feira, o candidato do PT à Presidência sugeriu o nome de Mário Sérgio Cortella para o Ministério da Educação. O filósofo afirmou que foi apenas convidado para conversar sobre a possibilidade e aceitou. “Aliás, eu aceitaria conversar com qualquer candidato”, ressaltou. Cortella afirmou que o fato de os dois manterem uma relação de amizade e respeito seria um ponto de partida, mas não necessariamente de chegada.

Ouça o PODCAST de Mario Sérgio Cortella na CBN

Porto Alegre: Aliança Francesa promove 11º Festival da Canção Francesa dia 20 no Salão de Atos da Ufrgs

Porto Alegre: Aliança Francesa promove 11º Festival da Canção Francesa dia 20 no Salão de Atos da Ufrgs

Agenda Cidade Cultura Destaque

No sábado, 20 de outubro, às 20h, a Aliança Francesa de Porto Alegre realiza a 11ª edição do Festival da Canção Francesa. O evento acontecerá no Salão de Atos da UFRGS, em Porto Alegre. A entrada é franca, por ordem de chegada, com doação de 1 quilo de alimento não perecível. As portas serão abertas às 19h.

O espetáculo é composto pela apresentação de dez candidatos gaúchos que interpretarão sucessos da canção francesa e francófona. O grande prêmio da noite para o primeiro colocado é uma viagem a Paris, além de uma vaga na final nacional, que acontecerá no dia 7 de novembro, em São Paulo. Os selecionados em 2018 são André Flores, Anna Paz, Camila Orsatto, Elisa Lima, Jess Rose, João Fogliatto, Maria Claudia, Nina Rouge, Philipe Philippsen e Taísi Cunha.

O objetivo do Festival da Canção Francesa é revelar novos talentos e promover a democratização do acesso à cultura. O evento, já tradicional na Capital gaúcha, a cada ano reúne mais apreciadores da música e cultura francófonas. O evento simboliza a missão das Alianças Francesas de promover a língua francesa e realizar a difusão cultural, sempre promovendo o intercâmbio entre a França e o Rio Grande do Sul.

Repertório

Do clássico ao contemporâneo, o repertório dos candidatos de 2018 agrada a todos os gostos e públicos. Rock, pop e clássicos compõem a programação, com músicas interpretadas por artistas como Édith Piaf, Cœur de Pirate, Joyce Jonathan, Ben l’Oncle Soul e Zaz, entre outros.

A banda que vai preparar os candidatos nos ensaios e acompanhá-los no dia da final é composta pelo diretor artístico do Festival Otávio Moura (bateria), Bruno Vargas (baixo), Claudinho Fuhrmann (guitarra), Jackson Spindler (piano) e Angelo Primon (violão). No show do intervalo, enquanto os jurados fazem as deliberações, o espetáculo fica por conta da Petit Poá, banda da vencedora da Final Nacional de 2017, Kézia Borges. A gaúcha venceu a etapa nacional do Festival interpretando a canção Padam Padam, de Édith Piaf.
11º FESTIVAL DA CANÇÃO FRANCESA
Sábado, 20 de outubro de 2018, às 20h
Salão de Atos da UFRGS: Av. Paulo Gama, 110 – Bom Fim, Porto Alegre
Entrada franca, por ordem de chegada, com doação de 1 quilo de alimento não perecível.

 

 

Créditos das fotos: Fábio Alt| Cenário: Audio Porto

Divulgados os finalistas do Prêmio Press 2018. São cinco concorrentes em cada uma das 17 categorias de premiação.

Divulgados os finalistas do Prêmio Press 2018. São cinco concorrentes em cada uma das 17 categorias de premiação.

Agenda Cidade Comportamento Comunicação Cultura Destaque Trabalho

Ao longo de 41 dias de Voto Popular e Voto Profissional, foram registradas 418 mil indicações pelo site da revista Press (www.revistapress.com.br), envolvendo cerca de 380 nomes de profissionais de imprensa sendo indicados.

A partir desta 4ª feira, dia 17, a lista quíntupla será submetida a um júri composto por 60 personalidades convidadas pela revista Press, que poderão votar em apenas um nome por categoria. O mais votado em cada uma delas será o vencedor e receberá o troféu de Melhor do Ano.

O resultado será conhecido na grande festa do Prêmio Press 2018, que acontecerá na noite de 12 de novembro, no Teatro Dante Barone.

O Homenageado Especial, que receberá o Troféu Sistema Fiergs é o jornalista e empresário Paulo Gilvane, diretor da Agência Radioweb.

Já o Troféu Advertising, que tem o patrocínio do SBT-RS e da ABAP terá como homenageado o diretor de Marketing da Ipiranga, Jerônimo Santos.

A 19ª edição do Prêmio Press tem o patrocínio de Sistema FIERGS, Sistema FECOMERCIO, SICREDI, CIEE- RS, CORSAN e o apoio de ABAP, SBT,  Assembleia Legislativa e BAND.

 

 

Finalistas do PREMIO PRESS 2018

 

ESTAGIÁRIO DO ANO – Troféu CIEE-RS

Bruno Flores – Rádio Grenal

Camila Maciel – TV Record

Eduardo De Bem  — Correio do Povo

Lucas Arruda – Rádio Grenal

Ramiro Madureira – Rádio Hospício Tricolor

 

REPÓRTER DE RÁDIO DO ANO

Arthur Cipriani – Rádio Jovem Pan

Cristiano Silva – Rádio Guaíba

Diogo Rossi – Rádio Grenal

Eduardo Paganella – Rádio Gaúcha

Márcio Neves – Grêmio Rádio Umbro

 

REPÓRTER DE TELEVISÃO DO ANO

Andrei Rosseto – SBT

Evandro Hazzy – Band TV

Leonardo Müller  – RBS TV

Ticiano Kessler – Band TV

Vanessa Pires – TV Record

 

REPÓRTER DE JORNAL/REVISTA DO ANO – Troféu Sistema FECOMÉRCIO

Andre Mags – Metro Jornal

Franceli Stefani – Correio do Povo

Igor Natusch – Jornal do Comércio

João Ávila – NH

Leonardo Oliveira – Zero Hora

 

COLUNISTA DE JORNAL/REVISTA DO ANO – Troféu Fernando Albrecht

David Coimbra – Zero Hora

Luiz Carlos Silveira Martins (Cacalo) – Diário Gaúcho

Paulo Germano – Zero Hora

Rosane de Oliveira – Zero Hora

Taline Oppitz – Correio do Povo

 

COMENTARISTA DE TELEVISÃO DO ANO

André Machado – Band TV

Carolina Bahia – RBS TV

José Antonio Pinheiro Machado – SBT

Mauricio Saraiva – RBS TV

Nando Gross – TV Record

 

COMENTARISTA DE RÁDIO DO ANO – Troféu Ruy Carlos Ostermann

Alex Bagé – Rádio Band

Carlos Guimarães – Rádio Guaíba

Cesar Cidade Dias – Radio Band

Maurício Saraiva – Rádio Gaúcha

Roberto Pato Moure – Rádio Grenal

 

APRESENTADOR DE TELEVISÃO DO ANO – Troféu SICREDI

Andre Haar – TV Record

Cris Barth – Band TV

Eloi Zorzetto – RBS TV

Felipe Vieira – SBT

Marcelo Coelho – SBT

 

APRESENTADOR DE RÁDIO DO ANO

Cristiano Oliveski – Grêmio Rádio Umbro

Kleriton Vargas  – Rádio Grenal

Milton Cardoso – Rádio Band

Rafael Marconi – Rádio Pampa

Rogério Mendelski – Rádio Guaíba

 

JORNALISTA DO WEB DO ANO

Demian Diniz  — www.blogdodemian.com.br

Jairo Kuba – www.rdgalera.com

Leonardo Oberher – www.portalobertime.com

Raphaela Suzin – www.correiodopovo.com.br

Ricardo Wortmann – www.cornetadorw.blogspot.com

 

 

REPÓRTER FOTOGRÁFICO DO ANO

Alina Souza – Correio do Povo

Fredy Vieira – Jornal do Comércio

Mauro Schaefer – Correio do Povo

Richard Ducker – www.ducker.com.br

Rodrigo Ziebell – SSP-RS e Agencia FramePhotoe

 

REPÓRTER CINEMATOGRÁFICO DO ANO

Cleriston Caimi – Free-lance/Band TV

Juares Dagort – Grêmio TV

Gerson Paz – TV Record

Marcelo Campedelli – Band TV

Rogério Aguiar – Band TV

 

LOCUTOR/APRESENTADOR DE NOTÍCIAS – Troféu Milton Ferrreti Jung

Artur Chagas – Rádio Gaúcha

Elói Zorzetto – RBS TV

Maria Luiza Benitez – Rádio Guaíba

Sinara Félix – Rádio Guaíba

Sergio Stock – Band TV

 

JORNALISTA DESTAQUE DO INTERIOR – Trófeu SICREDI

Augusto Pinz – Canguçu em Foco

Fernando Soares – O Pioneiro/Caxias do Sul

Maicon Rech – Rádio Viva/Caxias do Sul

Maurício Rebelatto – RBS TV/Santa Maria

Sabrina Strack – Jornal Repercussão/ Campo Bom

 

MELHOR PROGRAMA DE RÁDIO DO ANO – TROFÉU CORSAN

Contra-Ataque – Radio Grenal

Classe Especial – Rádio Guaíba

Dupla em Debate – Rádio Grenal

Pretinho Básico – Rádio Atlântida

Repórter Bandeirantes – Rádio Band

 

MELHOR PROGRAMA DE TELEVISÃO DO ANO

Band Mulher – Band TV

Galpão Crioulo – RBS TV

Masbah! – SBT

Rio Grande no Ar – TV Record

Virando o Jogo – RDC TV

 

JORNALISTA DO ANO

André Machado – Rádio Band

Carlos Guimarães – Rádio Guaíba

David Coimbra – Rádio Gaúcha/Zero Hora

Jeremias Werneck – Rádio Grenal

Milton Cardoso – Rádio Band

Gramado: Natal Luz terá investimento de R$ 25 milhões em 2018; por Miron Neto

Gramado: Natal Luz terá investimento de R$ 25 milhões em 2018; por Miron Neto

Crianças Cultura Destaque Economia Negócios Tecnologia Trabalho Turismo
Foi lançada esta semana, a 33ª edição do Natal Luz que acontece de 25 de outubro a 13 de janeiro de 2019 com novidades e muitas atrações entre grandes shows, espetáculos musicais, desfiles, paradas, concertos, teatro e música em mais de 500 apresentações.
Com investimentos de R$ 25 milhões feitos pela GramadoTur em estrutura, decoração e contratação das atrações, o evento terá a direção artística de Edson Erdmann(foto), que pretende atrair a participação empolgada do público, reunindo a família e proporcionando alegria e diversão dignas do legítimo espírito natalino. Ou como destacou Erdmann, “a emoção irá conduzir as histórias que vamos contar e cantar”.
Para o Presidente da autarquia municipal de turismo, Edson Néspolo, “o Natal Luz de Gramado proporciona sonhar acordado e voltar a ter sentimentos que há muito tempo estavam escondidos dentro do coração”. Néspolo destacou ainda a importância do Natal Luz em âmbito nacional e internacional e ratificou o objetivo de fazer uma das maiores edições do Natal Luz de Gramado.
images (2)
Porto Alegre: GNC Cinemas promove sessões gratuitas para crianças de instituições

Porto Alegre: GNC Cinemas promove sessões gratuitas para crianças de instituições

Agenda Cidade Cultura Destaque Vídeo

O GNC Cinemas irá proporcionar a um grupo de cerca de 700 crianças de entidades assistenciais de Porto Alegre uma imersão no universo da fantasia na próxima quarta-feira, 10 de outubro, nos complexos dos shoppings Praia de Belas e Iguatemi. Em comemoração ao Dia das Crianças, a rede oferece sessão gratuita do filme PéPequeno, às 14h, para alunos de instituições voltadas para o bem-estar da criança. Além de curtirem o filme, os convidados também ganharão pipoca e refrigerante/água.

 No Praia de Belas, serão contemplados o Instituto de Amparo ao excepcional (Inamex), CRAS Magistério, Instituição Calábria, SCFV CIJ Monteiro Lobato/CRAS Restinga, Abrigos Novo Tempo e Arco Íris, Associação Sol Maior, Pão dos Pobres, Amariles, Unidos da Paineira, Estadual indígena Nhamandu Nhemopuã. No Iguatemi, ViaVida, Renascer, EMEF Professor Gilberto Jorge Gonçalves da Silva,  Lar Santo Antônio dos Excepcionais e Projeto Surfar.

A sessão especial conta a história de um yeti, criatura conhecida como o Abominável Homem das Neves, que está indo na contramão do que todos os seus semelhantes acreditam: ele tem a certeza de que os seres humanos, para eles até então um mito, realmente existem, mesmo que todos da sua espécie neguem com veemência. Mas ele não irá desistir tão fácil de provar sua tese.

Porto Alegre: Capitólio comemora 90 anos com programação especial

Porto Alegre: Capitólio comemora 90 anos com programação especial

Cidade Cultura Destaque Porto Alegre prefeitura

No próximo dia 12 de outubro, Porto Alegre celebra uma data que poucas cidades no mundo têm o privilégio de festejar: os 90 anos de existência de um grande cinema de rua, inaugurado no período áureo dos imponentes palácios de cinema (na década de 20 do século passado), o Cine Theatro Capitólio. Depois de permanecer durante duas décadas fechado, em março de 2015 reabriu suas portas totalmente restaurado e readaptado para ser, além de uma sala de exibição, um espaço de guarda e preservação da memória do cinema gaúcho, agora com o nome de Cinemateca Capitólio Petrobras. Para marcar este aniversário, a Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia da Secretaria Municipal da Cultura e a Fundacine RS, responsáveis pela gestão do espaço, localizado no coração do Centro Histórico de Porto Alegre (na rua Demétrio Ribeiro, 1085), prepararam uma programação especial comemorativa, distribuída ao longo de todo o mês de outubro.

Entre as atrações, a exibição especial, às 21h do dia 12 de outubro, exatamente 90 anos após sua estreia em Porto Alegre, do filme que inaugurou o Cine Theatro Capitólio, em 12 de outubro de 1928, a produção francesa Casanova (1927), de Alexandre Volkoff, considerado um dos títulos mais ousados do cinema silencioso. Estrelado pelo célebre ator russo Ivan Mosjoukine, Casanova notabilizou-se como a primeira grande produção a levar para as telas a vida do conquistador Giacomo Casanova.

A partir de 13 de outubro, a mostra Obras-Primas de 1928 exibe dez grandes filmes realizados no ano da abertura do Cine Theatro Capitólio: A Turba, de King Vidor, A Paixão de Joana d’Arc, de Carl Theodor Dreyer, Braza Dormida, de Humberto Mauro, O Homem das Novidades, de Buster Keaton e Edward Sedgwick, A Queda da Casa de Usher, de Jean Epstein, O Circo, de Charles Chaplin, Solidão, de Pál Fejős, A Montanha do Tesouro, de Aleksandr Dovjenko, A Concha e o Clérigo, de Germaine Dulac, e Vento e Areia, de Victor Sjöström.

Antes disso, no período de 4 e 12 de outubro, o espetáculo Das Cinzas Coração, com direção de Jéferson Rachewsky, irá apresentar uma combinação de cinema e teatro, inspirando-se nas comédias cinematográficas dos anos 1920, especialmente nos filmes realizados por Buster Keaton e protagonizados por Sybil Seely, que serão projetados após a apresentação, com acompanhamento ao vivo do músico Arthur de Faria.

Também foram programadas três sessões de pré-estreias, com a presença de suas equipes: os longas gaúchos A Cidade dos Piratas, de Otto Guerra (no dia 13 de outubro), e Música Para Quando as Luzes se Apagam, de Ismael Caneppele (no dia 21 de outubro), e o longa português Djon África (no dia 15 de outubro), com a presença do diretor João Miller Guerra e do ator Miguel Moreira, este em parceria com a distribuidora Vitrine Filmes, habitual colaboradora da Cinemateca Capitólio Petrobras.

Também se destaca na programação a exibição dos filmes premiados na Mostra Gaúcha de Curtas do Festival de Gramado – Um Corpo Feminino, Fè Mye Tale, Sem Abrigo, Grito, Mulher Ltda, Nós Montanha, Abismo e A Formidável Fabriqueta de Sonhos Menina Betina –, que serão debatidos por seus diretores no dia 14 de outubro. A sessão ocorre em parceria com a Associação Profissional de Técnicos Cinematográficos do Rio Grande do Sul.

Outra importante entidade do cinema gaúcho, a Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul, se junta a essas atividades comemorativas, propondo a realização de um debate sobre a preservação dos cinemas de rua, com a presença dos especialistas João Luiz Vieira, da Universidade Federal Fluminense, e a historiadora e pesquisadora Alice Trusz. A atividade ocorre em 20 de outubro, às 16h, e será seguida pela projeção do filme Bancando o Águia (1924), de Buster Keaton.

No dia 25 de outubro, o Programa de Alfabetização Audiovisual, braço educativo da Cinemateca Capitólio Petrobras, promove uma visita de escolas da Rede Municipal de Educação ao prédio e ao acervo da Cinemateca, seguida pela exibição do filme O Saci (1951), de Rodolfo Nanni, com apoio do Centro Técnico do Audiovisual. O projeto conta também com formação docente para os educadores que acompanham as turmas.

Em 27 de outubro, Dia Mundial da Preservação Audiovisual, a Cinemateca Capitólio Petrobras recebe duas sessões: Sinfonia Amazônica (1951), de Anélio Latini Filho, primeiro longa de animação realizado no Brasil, e o longa experimental Pontal da Solidão (1974), de Alberto Ruschel, em exibição comemorativa do centenário de nascimento do ator e diretor gaúcho, em sua única incursão na direção. Ainda na área da preservação audiovisual, principal missão do renovado Capitólio, no dia 13 de outubro acontece o resgate histórico de Novos Horizontes, longa-metragem de Ítalo Mangeroni Leopoldis, realizado em 1934, que será debatido pela historiadora e pesquisadora Alice Trusz.

O Projeto Raros, tradicional sessão da Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia, que celebrou sua 200ª edição em 2018, ganha uma edição luxuosa, realizada com o apoio do Instituto Moreira Salles, com a exibição de Trás-os-Montes (1976), filme mítico do cinema moderno português, realizado por António Reis e Margarida Cordeiro, que será mostrado no dia 19 de outubro, às 20h, com cópia em DCP (Digital Cinema Package) restaurada pela Cinemateca Portuguesa.

O Centro de Documentação e Memória da Cinemateca Capitólio Petrobras inaugura em 12 de outubro uma exposição sobre a trajetória da tradicional sala de cinema, com cartazes de filmes ali exibidos ao longo dos anos, documentos, equipamentos e a projeção de depoimentos de diferentes personagens ligados à história do espaço e à sua restauração, registrados pelo cineasta Beto Souza, e editados por alunos do Curso de Realização Audiovisual da Unisinos.

Porto Alegre: Nelson Sirotsky autografa dia 24, O Oitavo dia. Livro escrito junto com Leticia Wierzchowski narra fatos da vida pessoal e profissional de um dos maiores empresários de comunicação do País

Porto Alegre: Nelson Sirotsky autografa dia 24, O Oitavo dia. Livro escrito junto com Leticia Wierzchowski narra fatos da vida pessoal e profissional de um dos maiores empresários de comunicação do País

Agenda Cultura Destaque Negócios

Desde que foi divulgada a informação de que Nelson Sirotsky tinha aceitado o convite da Editora Sextante, uma das maiores do País, para escrever um livro sobre sua vida pessoal e profissional, há uma curiosidade generalizada sobre o que vai revelar  um dos mais poderosos empresários de comunicação do País. Um homem com poder e influência, que construiu sua carreira sendo observado pela família, amigos, concorrentes e milhões de consumidores de seus jornais, rádios e TVs. Segundo um amigo, Nelson foi corajoso ao extremo, não se poupou e não escondeu nada ao escrever algo que não é uma biografia, mas tem muito pouco de ficção. Apesar do próprio amigo dizer que a vida do Nelson daria um romance. O livro O Oitavo Dia, que Nelson P. Sirotsky autografa dia 24 de outubro na Livraria Saraiva, do Shopping Iguatemi ao lado de Leticia Wierzchowski, co-autora da obra narra fatos reais usando artifícios de narrativa ficcional para construir a estrutura do livro. o título se refere ao oitavo dia de vida de um menino judeu, quando é realizada sua circuncisão. Para quem acompanhou o trabalho, o livro é “praticamente o primeiro ato desse novo Oitavo Dia dele. Uma metáfora para o renascimento, para um novo ciclo, o novo momento de vida do Nelson.”

42989836_302381490353842_6707278567341817856_n

A saga da família Sirotsky, que chega ao Brasil fugindo de perseguições religiosas na Europa, a trajetória pessoal e profissional de Nelson são contadas através de depoimentos, pesquisas e histórias que partem do concreto e passeiam pelo espaço da narrativa e da liberdade ficcional. Relembra a história da RBS iniciada em 1957, quando o pai dele, Maurício Sirotsky Sobrinho entrou como sócio na Rádio Gaúcha em Porto Alegre e segue quando em 1962, já acompanhado de Jayme, o tio, e de outros sócios, iniciou a operação da TV Gaúcha no Rio Grande do Sul. Em 1971, os homens da segunda geração da família começaram a trabalhar na empresa. Nelson atuou 45 anos na empresa familiar, tendo sido presidente de 1991 a 2012. Com 61 anos de existência, a RBS é um dos principais grupos de comunicação do país, atuou também em diversos segmentos – mercado imobiliário, informática, produção audiovisual, televisão por assinatura, internet, canais segmentados de televisão, e-commerce e mercado de capitais.

O oitavo dia conta a trajetória de Nelson e o envolvimento dele com personagens fortes e marcantes da política, economia e sociedade. Mostra  virtudes e fraquezas, apresenta a espiritualidade de Nelson, um lado de Nelson, desconhecido para a maioria das pessoas. Trata dos bastidores dos 21 anos em que esteve na presidência da RBS, dos altos e baixos, de decisões certas de avançar no crescimento do Grupo e erradas que causaram prejuízos financeiros e de imagem. Em determinado ponto revela o pensamento em deixar a presidência da empresa, após a associação com a Telefônica de Espanha, que gerou problemas com a Globo, mas uma crise interna muito maior  dentro da família e da RBS. Detalha as passagens de bastão do “Tio Jayme” para Nelson em 1991 e de Nelson para o sobrinho, Duda Melzer em 2012. Conta ainda a decisão de seguir no comando do Conselho de Administração da RBS até 2015, quando abdicou de qualquer cargo na empresa fundada pelo pai e iniciou uma nova fase da sua vida. Hoje capitaneia a holding familiar MAROMAR (iniciais dos nomes dos filhos Maurício, Roberto e Marina).

42977888_161003014833664_6296468548956979200_n(1)
Leticia Wierzchowski e Nelson Sirotsky autografam dia 24, na Saraiva do Iguatemi e dia 04/11, na Feira do Livro, em Porto Alegre. Foto: Carin Mandelli

Nelson pelo jeito concorda com minhas fontes. Ele mesmo escreve na apresentação: “Este não é um livro de memórias. Não é uma biografia. Não é uma história empresarial. Não é uma obra de ficção. Não é um romance. Não é um livro de revelações. O oitavo dia é um pouco de tudo isso.” O livro que sai pelo selo Primeira Pessoa, da editora Sextante é escrito a quatro mãos em parceria com a romancista Leticia Wierzchowski. Nelson pessoalmente redigiu seis capítulos da obra e os escreve na Primeira Pessoa. Dividido em quatro narrativas que se cruzam, o livro é um misto do relato franco e honesto do protagonista-autor com pesquisas e histórias reais, entrelaçados num fio habilmente urdido pela c0-autora, Leticia Wierzchowski, uma das mais talentosas escritoras do Brasil na atualidade.

42980367_1126198864209802_7199505656531910656_n

 

Pela primeira vez, Thirty Seconds To Mars toca em Porto Alegre neste sábado; por Lou Cardoso/Correio do povo

Pela primeira vez, Thirty Seconds To Mars toca em Porto Alegre neste sábado; por Lou Cardoso/Correio do povo

Cidade Cultura Destaque Porto Alegre

Pela primeira vez em Porto Alegre, Thirty Seconds to Mars toca no Pepsi On Stage (avenida Severo Dullius, 1995, bairro Anchieta) a partir das 21h neste sábado. A banda formada pelos irmãos Jared e Shannon Leto chega à Capital com a Monolith Tour – após se apresentar em São Paulo nessa quinta e depois segue para Curitiba, no domingo – com clássicos da carreira como “Kings and Queens”, “The Kill” e “Up In The Air”, além de músicas do quinto álbum “America”, lançado em abril deste ano. O single “Walk On Water” foi o escolhido para ser o carro-chefe de “America” e ficou durante cinco semanas em primeiro lugar do Billboard’s Rock Airplay Chart e por quatro semanas em primeiro lugar no Mediabase Alternative Chart.

“America” traz uma sonoridade diferente do que a banda costumava ser no início da carreira – o grupo foi formado em 1998, quando o rock era mais pesado e tinha influência hardcore e emo. Agora, os irmãos Leto apostam no pop e música eletrônica, além da energia vocal que Jared consegue manter. O disco estreou em segundo lugar na lista do Billboard 200, um marco na carreira do grupo e traz faixas com artistas como Halsey e A$AP Rock, além de uma música produzida por Zedd. “America” é considerado pela banda com uma representação atual dos Estados Unidos. Algo que eles reproduziram nas diferentes capas do álbum, com listas com nomes de celebridades, políticos, empresas e órgãos do governo americano.

A reportagem completa está no Correio do Povo.
Os ingressos podem ser comprados no Pier X no Shopping Iguatemi ou pelo site do LivePass.

• Serviço

Data: 29 de setembro de 2018 (sábado)

Local: Pepsi On Stage

Endereço: Av. Severo Dullius, 1995 – Anchieta, Porto Alegre – RS, 90200-310

Classificação etária: 14 anos. Menores de 14 anos somente acompanhados dos pais ou responsáveis legais.

Ingressos:

Pista Premium: R$ 260

Meia: R$ 130

Pista: R$ 170

Meia: R$ 85

Mezanino

Inteira: R$ 240

Meia: R$ 120

Porto Alegre: Fito Paez se apresenta o show “La Ciudad Liberada” em dezembro no Auditório Araújo Vianna

Porto Alegre: Fito Paez se apresenta o show “La Ciudad Liberada” em dezembro no Auditório Araújo Vianna

Agenda Cidade Cultura Destaque Turismo Vídeo

Expoente da música e da cultura argentina e latino-americana, Fito Paez volta ao Brasil para três apresentações com realização da Opus Promoções: Porto Alegre (02 de dezembro, no Auditório Araújo Vianna), São Paulo (03 de dezembro, no Teatro Bradesco) e Rio de Janeiro (05 de dezembro, no Teatro Bradesco Rio). Novo álbum de Fito Paez, que apresentará no Brasil, é composto por 18 músicas de sua autoria e com sua já tradicional gama de poesias, músicas, histórias, climas e visões. Uma pena que voa sobre La Ciudad Liberada e deixa as portas abertas para espionar e descobrir sua arte.
Ganhador de cinco prêmios Grammy Latino entre outros muitos prêmios e distinções recebidas por todo o continente.  Fito é um dos maiores músicos latino-americanos de todos os tempos: é autor de El Amor Después Del Amor, disco mais vendido da história do rock nacional argentino. Seu último álbum teve duas indicações ao Grammy Latino nas categorias Melhor Canção do Ano e Melhor Canção de Rock com Tu Vida Mi Vida.
Fito é cineasta, roteirista e diretor dos filmes “Vidas Privadas” e “De Quién Es El Portaligas”. Também é escritor, autor de três livros publicado em toda a América: “La Puta Diabla”, “Diario de Viaje” e “Los Días de Kirchner”. Recebeu o Prêmio Internacional Master of Latin Music da Berklee College of Music, em Boston, tornando-se o primeiro músico latino-americano de rock a receber este importante prêmio.
________________________________________________________________________________

Duração: 100 minutos.

Classificação: Livre. Menores de 14 anos, somente poderão entrar acompanhados dos pais ou responsáveis. Crianças até 24 meses de idade que ficarem no colo dos pais, não pagam.

FITO PAEZ – LA CIUDAD LIBERADA


DOM02DEZ
21:00
HORÁRIO
Auditório Araújo Vianna
Porto Alegre/RS
LOCAL

 

Dionisia VinhoBar: Uma experiência sensorial no mundo do vinho

Dionisia VinhoBar: Uma experiência sensorial no mundo do vinho

Cidade Comportamento Cultura Destaque Direito do Consumidor Economia Gastronomia Negócios Notícias Porto Alegre Turismo
Se você conhece a dona… Quando entra no Dionísia só pode pensar: Isso aqui é a cara da Jaqueline Meneghetti. Tava aqui pensando conheci a moça há mais de 30 anos, nos corredores da Famecos/PUC. Desde lá a figura era descolada e criativa, ou para usar um termo da moda disruptiva. A trajetória pós faculdade enveredou pela publicidade e negócios gastronômicos, sempre com o olhar chique e diferenciado, mas acessível a todos os bolsos… E essa conjugação do prazer de beber bons vinhos, com acompanhamentos certos em um ambiente  moderno e aconchegante criado pelo grande arquiteto Mario Quintana. Por tudo isso, não é exagero dizer que mais que um bar ou loja – abaixo falo das comprinhas possíveis na “lóxinha” – , o Dionisia é um novo conceito de negócio, uma verdadeira experiência sensorial, que quer simplificar o consumo do vinho e aproximar a bebida do consumidor sem que você se sinta assaltado ao passar no caixa.42581066_1432558556846501_4158870343714340864_n
Se você ainda não conhece o Dionísia, vá conhecer. É um espaço especial para quem gosta de vinhos, mas não é um wine bar tradicional, como conhecemos em vários lugares.  Jaqueline pensou e o Mario colocou em pé, um local diferenciado, que tem como um de seus principais atrativos a experiência de provar diversos tipos de vinhos, conhecer regiões, estilos e procedências. E esse é um dos pontos fortes do novo negócio. “O Dionisia traz um conceito que não existe na cidade e Porto Alegre precisa de operações diferentes”, explica Jaqueline. São 64 rótulos à disposição simultaneamente, servidos pelo próprio cliente diretamente em taças com três possibilidades de quantidade – 50ml, 75 ml e 125ml.  “A ideia foi facilitar para quem quisesse experimentar e conhecer diferentes tipos de vinhos de um modo mais simples, provando a partir de pequenas doses e evoluindo conforme seu gosto naquele momento”.
42525096_304110303518733_7870657668774363136_nAlém dos vinhos – nacionais e internacionais, do Velho e do Novo Mundo – o Dionisia oferece espumantes e uma selecionada carta de drinks. No cardápio do restaurante, pratos para compartilhar mas também individuais. A casa, localizada na rua Padre Chagas, 314, no coração do bairro Moinhos de Vento, é dividida em dois andares. O bar fica na parte superior; no térreo uma loja que traz objetos que transitam pelo universo do vinho. São livros sobre a bebida, sobre a gastronomia, sobre a uva, alguns eróticos. E objetos de design concebidos por importantes nomes e marcas da arte brasileira: Heloisa Crocco, com peças em madeira, Tania RResmini e Alma, com cerâmicas, Jacqueline Chiabay e PP acessórios, com produtos em couro e Essência Design, com trabalhos em pedra. Em breve a casa passa a oferecer também pequenos cursos, degustações e harmonizações, envolvendo o vinho e todo seu universo.

42603596_1975687826063443_4342416003037134848_nServiço
Dionisia VinhoBar
Rua Padre Chagas, 314
Aberto de segunda à sábado
Loja das 12h às 22h
Bar das 18h às 24h
Reservas inbox pelas redes sociais
Facebook.com/dionisiavinhobar
@dionisiavinhobar