Universidade italiana de Pádua reconhece Raul Randon como Doutor Honorem por empreendedorismo

Universidade italiana de Pádua reconhece Raul Randon como Doutor Honorem por empreendedorismo

Destaque Educação Negócios

Nesta sexta-feira, 26/05, o presidente do Conselho de Administração das Empresas Randon, Raul Anselmo Randon, recebeu na Itália o título de Doutor da Universidade de Pádua. Trata-se da Laurea Doutor Honorem em Ingegneria Gestionale atribuída ao primeiro empreendedor brasileiro a ser laureado, especialmente considerando sua dedicação no âmbito social. De toga e chapéu, e prestigiado por toda a família Randon, – o fundador das Empresas Randon também recebeu, dos calouros da Universidade,  uma coroa de loureiro. A cerimônia é concluída com a execução do hino “Gaudeamus Igitur” pelo coral Concertus Musicus Patavinus.

Com suas origens na Vila Muzzolon, no Vêneto, bem próxima do local onde recebe a distinção, Raul Randon se disse honrado com o título de Doutor, tão raro e importante, concedido apenas a duas pessoas por ano.

Ao longo de sua história, a Universidade apontou apenas outro brasileiro, o escritor Jorge Amado, em 1996. E nas últimas edições laureou o diretor de cinema Steven Spielberg e Malala Yousafzai,Prêmio Nobel da Paz.

Ao fazer a comunicação durante viagem de Raul Randon à Itália em 2016, o reitor Rosario Rizzuto lembrou o rigor da instituição e da legislação italiana desde o processo de seleção até a escolha final. Após a cerimônia solene, Raul Anselmo Randon passa a exibir o título de “Dott. Ing.” (Doutor Engenheiro).

 

Literatura: Oficina de criação literária com Cíntia Moscovich inicia no fim de maio

Literatura: Oficina de criação literária com Cíntia Moscovich inicia no fim de maio

Agenda Cidade Comunicação Cultura Destaque Educação Porto Alegre

A jornalista, mestre em Teoria Literária e Patrona da Feira do Livro 2016 de Porto Alegre, Cíntia Moscovich está abrindo inscrições para a o módulo 1 da Oficina de Criação ministrada por ela.  Escritora talentosa Cíntia foi indicada ao Jabuti em 1997 por “O Reino das Cebolas” e diretora do Instituto Estadual do Livro do Rio Grande do Sul de 2001 a 2002. Vencedora do Prêmio Açorianos de Literatura na categoria Narrativa Longa, em 1999, pela novela “Duas Iguais – Manual de amores e equívocos assemelhados”. Também foi indicada ao Prêmio Portugal Telecom pelo livro “Arquitetura do Arco-íris” e vencedora pelo maravilhoso “Essa Coisa Brilhante que é a Chuva” em 2013 na categoria Contos.

Reunindo pequenos grupos, a OFICINA DO SUBTEXTO dá ênfase à memória sensorial e à prática da escrita, visando à publicação dos melhores textos em livro ao final dos encontros. O curso dedica-se à criação de textos ficcionais, com ênfase no conto, e se divide em dois módulos de aula, cada um deles totalizando 12 encontros semanais. Serão realizados diversos exercícios de escrita criativa e de sensibilização para o texto, além de tarefas práticas e teóricas. Também serão realizados exercícios de escrita de contos e minicontos, com o emprego dos diferentes tipos de narradores e perspectivas narrativas, técnicas de desbloqueio e de percepção do texto.

As aulas acontecem sempre às segundas-feiras, no Markt 705, na Bordini, 705, das 18h30min às 21h. Exigente com seus alunos, Cíntia ressalta a necessidade da dedicação deles para com a Oficina: “É imprescindível que os alunos realizem as tarefas para casa. Escrever fora do ambiente de aula é parte do aprendizado. Os alunos devem reservar tempo suficiente para se dedicar a escrever conforme solicitado, dentro dos limites previamente especificados.”

Serviço:

OFICINA DO SUBTEXTO

O que: Oficina do Subtexto, laboratório em 12 encontros, ministrada por Cíntia Moscovich.

Quando: Segundas-feiras, das 18h30min às 21h

Onde: Markt, 507 (Bordini, 507). Inscrições e informações através do email oficinasubtexto@gmail.com ou pelo telefone 3346-6340. Relis completo em www.cintiamoscovich.com

Quando: 12 encontros a partir de 29 de maio (Maio 29, junho, 5, 12, 19, 26, julho: 3, 10, 17, 24, 31 , agosto 14 e 21)

Quanto: três pagamentos mensais de R$ 500,00. Para pagamentos à vista serão concedidos 5% de desconto.

Mais de 80% das pessoas que sofrem de dor de cabeça recorrem à automedicação. É o que mostra pesquisa da Academia Brasileira de Neurologia (ABN), divulgada hoje

Mais de 80% das pessoas que sofrem de dor de cabeça recorrem à automedicação. É o que mostra pesquisa da Academia Brasileira de Neurologia (ABN), divulgada hoje

Comportamento Destaque Educação Saúde

Pesquisa da Academia Brasileira de Neurologia (ABN), divulgada hoje, revela que 81% dos entrevistados recorrem à automedicação para tratar dor de cabeça. Também é comum que as pessoas (50%) aceitem a indicação de remédios feita por não profissionais. O auxílio de médicos para tratar o sintoma é uma opção para 61% dos entrevistados. Foram respondidos, de forma espontânea, 2.318 questionários online, distribuídos pelas redes sociais. O estudo foi divulgado como parte das atividades do Dia Nacional de Combate à Cefaleia, que ocorre em 19 de maio.

“O número de pacientes que estão tomando medicação sem orientação foi um dado que nos deixou alarmados”, afirmou o neurologista Marcelo Ciciarelli, membro da ABN e coordenador da pesquisa. Ele destacou que a automedicação pode, muitas vezes, aumentar a frequência da dor, bem como a intensidade. O aconselhável, segundo o médico, é procurar um profissional quando ocorrem mais de três crises por mês, por mais de três meses.

A pesquisa identifica que 87% dos entrevistados sofrem de enxaqueca. Ciciarelli explica que esse é um tipo primário da cefaleia – nome científico para a dor de cabeça – quando ela é a própria doença, e não o sintoma de outra, como ocorre em uma gripe, por exemplo. Entre as características clínicas da enxaqueca estão: dor em apenas um lado e de forma latejante; com intensidade moderada a forte; com intolerância a barulho e a luz; e associada a enjoo. Cerca de metade dos entrevistados sofrem com a doença de forma crônica, com ocorrência de dor por mais de 15 dias por mês.

Entre os que sofrem de enxaqueca episódica, 28% disseram estar desempregados. Para aqueles com doença crônica, o percentual sobe para 33%. Esse grupo também é o que mais abusa de analgésicos. Mais de 70% dos entrevistados disseram tomar três ou mais doses semanais do medicamento.

O objetivo da pesquisa, ao identificar o perfil dos que sofrem de dor de cabeça, é alertar para os casos em que ela deve ser tratada para que não se torne uma doença crônica. O tratamento, explica Ciciarelli, é preventivo e envolve o uso de remédios, mas também a adoção de outras práticas, como atividades físicas, ajuste no sono, alimentação saudável e ingestão de água. (Agência Brasil)

Lançamento do Instituto Tênis reúne empresários em Porto Alegre

Lançamento do Instituto Tênis reúne empresários em Porto Alegre

Destaque Educação Esporte Poder Porto Alegre

 O lançamento do Instituto Tênis em Porto Alegre reuniu mais de 50 empresários na manhã deste sábado (29) na Capital gaúcha, entre eles Jorge Paulo Lemann, fundador e idealizador da instituição, que jogou uma partida com Nelson Sirotsky, conselheiro do Instituto Tênis Brasil e patrocinador do núcleo Porto Alegre.

Na abertura do encontro, Lemann falou sobre sua relação com o esporte. “O tênis me ensinou muitas coisas, entre elas que só se consegue os objetivos com esforço, que é preciso ter metas e que perder significa a oportunidade de aprender algo e melhorar”, disse o empresário.

O trabalho começará na Capital gaúcha com o Projeto Massificação, voltado a crianças de 6 a 10 anos, de escolas públicas municipais e estaduais. Aquelas que se destacarem receberão apoio multidisciplinar e serão expostas a um ambiente altamente competitivo, a fim de desenvolver e extrair o máximo desses talentos.

“Os beneficiados serão as crianças, que terão a oportunidade de crescer praticando o esporte e, futuramente, talvez ainda consigamos garimpar um novo tenista no ambiente de Porto Alegre”, disse Nelson Sirotsky. Ele convidou os empresários a apoiarem a iniciativa e destacou que o objetivo é ampliar a atuação com a implementação de outros núcleos no Estado.

A previsão é de que o projeto receba um aporte de cerca de R$ 1 milhão em três anos. Os patrocinadores gaúchos que formam o núcleo Porto Alegre são Maromar Investimentos (family office do empresário Nelson Sirotsky), Zaffari (do empresário Airton Zaffari) e Cedria Investimentos (family office de César Bettanin). Em âmbito nacional, o Instituto Tênis conta com o patrocínio da Fundação Lemann, do Banco Itaú dentre outras empresas a nível nacional e internacional. A instituição tem projetos aprovados pelo Ministério do Esporte para captação de recursos via isenção fiscal, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte.

 

Sobre o Instituto Tênis

Idealizado por Jorge Paulo Lemann e um grupo de empresários, o modelo de atuação pautado no mundo dos negócios do Instituto Tênis traz para o esporte uma metodologia com base nos conceitos e princípios da meritocracia, concedendo bolsas de esporte a atletas com alto talento e potencial.

Participam do projeto jovens desde os 6 anos até o nível profissional, por meio de um programa diferenciado que envolve especialistas e uma ampla rotina de treinamento, em sete núcleos no Brasil: Barueri (SP), Araras (SP), Santana de Parnaíba (SP), Mogi das Cruzes (SP), Franca (SP), Vila Velha (ES) e Brasília (DF). Porto Alegre será o oitavo núcleo do instituto.

Atualmente, 40 atletas oriundos de diferentes regiões no país fazem parte da equipe do Instituto Tênis em São Paulo. Todos recebem treinamento e acompanhamento interdisciplinar que inclui profissionais de psicologia, preparação física, fisioterapia, nutrição e assessoria educacional.

Além do apoio da Lei do Incentivo ao Esporte, do Ministério do Esporte, o Instituto conta com patrocínio do Itaú, da Vivo e da Fundação Lemann e co-patrocínio das empresas Adidas, B3, ACHE, Alupar, Brasal, Raízen e Babolat. São empresas parceiras a SONNE, a FLOW, o INA, Optimum Nutrition e a Consultoria Falconi.

 

Mais sobre o Instituto Tênis

Ano de Fundação 2002
Objetivo Formar o tenista número 1 do mundo até 2033
Núcleos nacionais Barueri (SP), Araras (SP), Santana de Parnaíba (SP), Mogi das Cruzes (SP), Franca (SP), Vila Velha (ES), Brasília (DF) e Porto Alegre (RS)
Crianças impactadas pelo projeto 12.000
Crianças jogando tênis semanalmente 2.600
Professores de Educação Física e de Tênis capacitados 400
Atletas de competição 42
Atletas competindo profissionalmente 3
Patrocinadores em Porto Alegre Maromar Investimentos, Zaffari e Cedria Investimentos
Patrocinadores nacionais Fundação Lemann e Itaú
Participa da Lei de Incentivo Fiscal via Ministério do Esporte Sim

 

Como participar do Projeto em Porto Alegre:

A primeira instituição convidada para receber o projeto-piloto em Porto Alegre foi a Escola Estadual de Ensino Fundamental Bahia, no bairro Boa Vista. A seleção de outras escolas será feita pelo Instituto Tênis, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre. Escolas interessadas e mais informações podem ser obtidas pelo e-mail contato@institutotenis.org.br.

Passa no Senado projeto que destina à Educação dinheiro recuperado com corrupção. Matéria segue agora para a Câmara

Passa no Senado projeto que destina à Educação dinheiro recuperado com corrupção. Matéria segue agora para a Câmara

Comportamento Cultura Destaque Direito Direito do Consumidor Economia Educação Negócios Poder Política

Aprovada hoje no Senado, segue agora para a Câmara dos Deputados a proposta que destina, prioritariamente, à Educação recursos públicos recuperados em ações de combate à corrupção. De autoria do senador Cristovam Buarque (PPS-DF), o Projeto de Lei do Senado (PLS) 291/2014 passou nesta terça-feira, na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), em decisão terminativa.

O texto de Cristovam Buarque estabelece que esses recursos sejam destinados ao fundo criado em 2010 para receber recursos da exploração do pré-sal. Esse fundo garante recursos para o desenvolvimento social e regional, nas áreas de educação, cultura, esporte, saúde pública, ciência e tecnologia e meio ambiente. A lei determina que 75% da metade dos recursos sejam destinados à Educação e 15%, à Saúde. (Agência Brasil)

Colégio denuncia universitária por agressão e apologia ao nazismo em estágio

Colégio denuncia universitária por agressão e apologia ao nazismo em estágio

Destaque Direito Educação Poder Política

A diretora do Colégio Estadual Paula Soares, em Porto Alegre, denunciou à polícia uma estagiária por ter praticado apologia ao Nazismo e agredido uma aluna. O caso, que veio à tona nesta quinta-feira, ocorreu há cerca de três semanas e a universitária foi imediatamente afastada do estágio que havia começado no colégio.

Conforme a diretora Genecy Terezinha Godois Segala, no último dia 23, uma estagiária anunciou que era nazista e que ela seria a autoridade em sala de aula, já nos primeiros minutos de contato com uma turma para a qual ensinaria Filosofia. A estagiária, que é aluna de Filosofia na PUCRS e iniciava seu estágio docente para uma turma de 3º ano do ensino médio, ainda teria agredido fisicamente uma aluna.

“A aluna contou que a estagiária, no momento em que a professora regente saiu da sala, se apresentou, de uma maneira inacreditável. ‘Eu sou nazista e exijo de vocês que toda vez que eu entrar vocês façam a saudação’. Eles começaram a rir e acharam que era uma provocação, mas ela continuou falando: ‘Aqui eu sou a autoridade, eu mando, vocês obedecem’. Daí uma aluna foi perguntar algo, ela disse para a aluna ficar de pé, a aluna não ficou, ela foi lá e puxou a orelha e deu um tapa na coxa da jovem. E neste momento foi que a turma percebeu que era sério”, relata a diretora, que viu sua sala ser invadida por alunos após o episódio.

Conforme a diretora, a estagiária foi imediatamente chamada à sala da direção e confirmou o relato dos alunos, assinando inclusive uma ata em que o episódio está descrito. Após a assinatura da ata, em conversa reservada com a diretora, a estudante de filosofia teria dito que aprendeu em casa, com o pai, a doutrina nazista. “Perguntamos para ela se ela tinha agido mesmo daquela forma e ela disse que sim. ‘Eu sou assim, fui criada assim, sou desta forma e não vou mudar. Ela disse, ‘eu concordo com tudo que fizeram (os nazistas), eu só não concordo com as mortes (praticadas pelos nazistas)’ Ela me disse: ‘No natal do ano passado eu passei com meu pai e o meu pai fez na noite de Natal um discurso enaltecendo a figura do Hitler e as pessoas se cumprimentam fazendo o gesto nazista’. Ela me disse que lá em Carazinho todo mundo é assim”, afirmou a diretora.

Segundo a diretora Genecy, em pesquisa pelo nome do pai da universitária na internet, foram encontradas fotos em que ele está ao lado de uma estátua do Hitler repetindo a saudação nazista.

O titular da 1ª Delegacia de Polícia, delegado Paulo César Jardim confirmou que investiga o caso. A Secretaria Estadual de Educação, em nota, informou que afastou a estagiária da escola e comunicou a PUCRS que a aluna do curso de filosofia não está mais autorizada a realizar estágios na rede estadual.

A Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), através de sua assessoria de imprensa, informou que a instituição está avaliando internamente a situação de forma acadêmica e pedagógica. E por se tratar de um assunto delicado, está prestando apoio a todas as partes envolvidas, para que haja uma resolução do caso. A instituição esclareceu ainda que a aluna é bacharel em Filosofia pela PUC e que cursa atualmente licenciatura. E que no histórico acadêmico nunca havia apresentado reação semelhante a apresentada durante seu estágio no Colégio Estadual Paula Soares. (Reportagem de Gabriel Jacobsen/Rádio Guaíba, com informações de Guilherme Kepler/Rádio Guaíba)

Emendas parlamentares asseguram R$ 10,8 milhões para Porto Alegre

Emendas parlamentares asseguram R$ 10,8 milhões para Porto Alegre

Cidade Direito Economia Educação Negócios Notícias Poder Política Porto Alegre prefeitura

O Executivo municipal garantiu o cadastramento integral das propostas incluídas nas emendas parlamentares de 2017, que asseguram R$ 10,8 milhões de recursos do Orçamento Geral da União para Porto Alegre. Os valores serão destinados a investimentos essenciais nas áreas de infraestrutura, R$ 3,05 milhões; saúde na ordem de R$ 2,9 milhões; segurança, R$ 2,4 milhões; esporte, R$ 2 milhões; cultura R$ 250 mil; e direitos humanos, R$ 100 mil.

O trabalho de mobilização foi realizado pelo setor de convênios do Tesouro Municipal da Secretaria Municipal da Fazenda, Assessoria do Gabinete do Prefeito, e pelas demais secretarias envolvidas no processo de inclusão e cadastramento das propostas. O setor de convênios do Tesouro Municipal é responsável pelo gerenciamento de todos os convênios, contratos e usuários no Sistema SICONV, e também pelo assessoramento às secretarias, fazendo a interface entre os Ministérios e a Caixa Federal.

RS: Justiça manda Estado destinar 35% da receita de impostos à Educação a partir de 2018

RS: Justiça manda Estado destinar 35% da receita de impostos à Educação a partir de 2018

Destaque Direito Direito do Consumidor Economia Educação

A Justiça gaúcha determinou que o Estado garanta o repasse de pelo menos 35% da receita proveniente de impostos para a educação pública em 2018. A decisão deriva de uma ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público, através da Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público. De acordo com a determinação, o encaminhamento desses valores deve ser feito até 15 de setembro de 2017.

A medida prevê, ainda, que a providência seja repetida nos exercícios subsequentes, até o julgamento final do processo. Na ação, o MP sustenta que “não vinha sendo aplicado o limite mínimo de 35% da receita resultante de impostos em prol do ensino público gaúcho, conforme determina a Constituição Estadual”. Ainda no texto, a promotora de Justiça que assinou a ação, Daniele Schneider, salienta que “há um reiterado descumprimento da norma por parte do Estado, mais especificamente desde o ano de 2004, o que causou prejuízos à educação.”

Ainda no ano passado, o governo anunciou uma série de cortes nos gastos públicos, em todos os setores. No quesito educação, o então secretário Vieira da Cunha garantiu a manutenção de todos os projetos em andamento, mesmo com corte de 13% em relação ao orçamento do ano anterior. Ele admitiu, porém, que projetos futuros corriam risco. (Rádio Guaíba)

Recuo na Previdência aumenta distorções. Professores poderão conviver com ao menos três regimes diferentes

Recuo na Previdência aumenta distorções. Professores poderão conviver com ao menos três regimes diferentes

Destaque Economia Educação

Com a retirada de servidores municipais e estaduais da reforma da Previdência, os professores, categoria que reúne mais de 2 milhões de profissionais no país, poderão conviver com ao menos três regimes diferentes para a aposentadoria. A situação do magistério, segundo especialistas, exemplifica as distorções criadas com o recuo do governo na reforma. A mudança poderá ampliar a desigualdade na educação, com os professores buscando vagas nos municípios com melhores regimes de aposentadoria. A reportagem completa está em O Globo.

Porto Alegre recebe hoje a maior feira mundial de intercâmbio estudantil no BarraShoppingSul

Porto Alegre recebe hoje a maior feira mundial de intercâmbio estudantil no BarraShoppingSul

Agenda Cidade Comunicação Cultura Destaque Direito do Consumidor Economia Educação Negócios Porto Alegre Turismo

A FPPEDUMedia traz ao Brasil neste mês de março a primeira edição de 2017 da EDUEXPO, a maior feira mundial de educação no exterior, criada em São Paulo e hoje marca com presença em mais de 30 países. Depois de receber mais de 50 mil pessoas no ano passado, seis cidades brasileiras voltam a ser contempladas com o evento. Para inscrições, basta se cadastrar e imprimir a credencial para apresentar na recepção da feira pelo www.eduexpos.com/mundo. Mais informações pelo 51 – 99737375 / 33881935.

Em Porto Alegre, a EDUEXPO recebe visitantes neste sábado(18 de março), no Barra Shopping Sul (Av. Diário de Notícias, 300), das 14h às 19h com a presença dos governos de três países (França, Canadá e Holanda) e cerca de 50 universidades e escolas de quatro continentes. Os interessados poderão encontrar todos os tipos de cursos, desde Ensino Médio, como também graduação, pós-graduação, mestrado, doutorado, MBA, cursos de idiomas, técnicos, estágio e trabalho remunerado. Outro ponto alto do evento é a série de seis seminários que estarão acontecendo durante o período da feira, também gratuitos e proferidos em português. As palestras irão apresentar oportunidades de cursos, novas áreas de estudos e bolsas de estudos (box abaixo). Já no momento da inscrição, o estudante se conecta à plataforma EDUFindMe, uma rede social que promove a ligação direta entre o aluno e as instituições que irão participar da feira.

A diretora operacional da FPPEDUMedia no Brasil, Daniela Ronchetti Perkins, destacou os principais atrativos da feira. “É um grande momento para quem quer planejar uma viagem de estudos ou até mesmo um curso de lazer. Na EDUEXPO, os interessados terão a oportunidade de conversar com diretores de universidades de excelência, como a University of California, instituição norte-americana que teve mais de 100 integrantes do seu corpo docente laureado com o Prêmio Nobel e a St Mary’s University Twickenham, classificada por acadêmicos do mundo como um dos dez melhores centros de estudos britânicos. Os estudantes vão poder esclarecer suas dúvidas, negociar valores e ficar sabendo tudo sobre vistos e documentação diretamente com os governos dos países mais escolhidos pelos brasileiros”, afirmou.

Segundo a (Associação de Agências de Intercâmbio do Brasil), em 2015 cerca de 220 mil brasileiros viajaram ao exterior, e os dados preliminares indicam que o crescimento em 2016 foi de 10%.

AGENDA DE SEMINÁRIOS EM PORTO ALEGRE

Holanda – um país de grandes oportunidades

18 Março, das 15h10min às 15h40min – A Holanda foi eleita o terceiro melhor ensino superior do mundo e exerce liderança em qualidade de pesquisa científica. Hoje, são ofertados mais de 2100 opções de programas de estudo totalmente ministrados em inglês em diversas áreas de conhecimento. Além do força acadêmica, o Reino dos Países Baixos é o 2º maior país exportador de alimentos e produtos agrícolas, é sede de grandes empresas como Unilever, Shell e Philips. é a a casa da Corte Internacional de Justiça (Haia), tem a cidade mais inteligente do mundo (Eindhoven) e é o 7º país mais feliz do mundo por conta da sua qualidade de vida. Entre os tópicos abordados na apresentação estão: • Por que estudar na Holanda? • O ensino superior holandês. • Áreas do conhecimento • Bolsas de estudos • A vida do estudante na Holanda.

Cursos de Gestão em Hospitalidade na Suíça: passaporte para uma carreira internacional!

18 Março, das 15h50min às 16h20min – A área de hospitalidade, conceito que engloba turismo, hotelaria, lazer e eventos é, sem dúvida, um dos setores da economia que mais cresce em todo o mundo. Segundo dados do World Travel & Tourism Council, até 2023 serão criados cerca de 340 milhões de empregos nessa área, um crescimento de 28% no mercado de trabalho. Esses números têm atraído cada vez mais profissionais interessados na área e, principalmente, em uma carreira internacional. Além da grande oferta de vagas, outro motivo que atrai os profissionais para este segmento é o amplo leque de possibilidades que a carreira oferece. São cerca de 35 áreas de atuação dentro e fora do país. Entre as áreas possíveis para um especialista em hospitalidade estão gestão de restaurantes, alimentos e bebidas, vendas, relações públicas, gestão de eventos, recursos humanos, finanças, marketing, gestão de marcas de luxo, design de hotéis e consultoria, em diversos tipos de empresa como spas, cias aéreas, cassinos e até setor de imóveis.

Estude na França: oportunidades, cursos, procedimentos de candidatura e bolsas para brasileiros

18 Março, das 16h30min às 17h – O Campus France Brasil vai apresentar o sistema de ensino superior na França, as vantagens de se estudar nesse país, as possibilidades de bolsas de estudo e de pesquisa, as modalidades de intercâmbio existentes e as regras para obtenção do visto de Estudante.

Estude no Québec

18 Março, das 17h10min às 17h40min – O Governo do Québec vai mostrar as vantagens de estudar nessa província.

Advance Your Global Career at a Top University in California (único proferido em inglês)
18 Março, das 17h50min às 18h20min – Seminário sobre cursos da Universidade da Califórnia, instituição norte-americana que teve mais de 100 integrantes do seu corpo docente laureado com o Prêmio Nobel.

Canadá um mundo de possibilidades – Ministrado pelo Governo do Canadá

18 Março, das 18h30min às 19h – Neste seminários será apresentado as várias oportunidades de estudos no país.

 

Ø Para participar, basta se cadastrar no site da EDUEXPO (www.eduexpos.com/mundo). Mais informações pelo 51 – 99737375 / 33881935.