Porto Alegre: Alexandre Grendene e Nora Teixeira doam mais R$ 20 milhões para a construção do Hospital do complexo Santa Casa

Porto Alegre: Alexandre Grendene e Nora Teixeira doam mais R$ 20 milhões para a construção do Hospital do complexo Santa Casa

Agenda Cidade Destaque Porto Alegre prefeitura Saúde Tecnologia Trabalho
A partir de abril de 2022, o Brasil irá contar com mais uma opção de assistência à saúde para a sua população: a Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre passará a ser integrada por mais um hospital: o Hospital Nora Teixeira. A unidade irá se somar às outras sete já existentes no quarteirão do Centro Histórico de Porto Alegre, totalizando nove hospitais de propriedade da Santa Casa (incluindo o Hospital Dom João Becker, em Gravataí, incorporado em agosto de 2018) e um sob sua gestão (Hospital de Santo Antônio da Patrulha). O custo total da obra do Hospital Nora Teixeira está previso em R$ 177 milhões entre fundações, obra civil, equipamentos e mobiliário de seus 13 andares.
O Hospital Nora Teixeira irá entregar mais saúde à população, com a edificação de uma nova emergência para usuários do SUS, além de outros serviços que irão garantir a sustentabilidade do empreendimento, como unidades de internação exclusivas para pacientes usuários de planos de saúde e particulares. Nos 26.550m² do hospital, além da nova emergência SUS (que passará dos 600m² atuais para 2.325m²), haverá 50 vagas de estacionamento, 30 leitos de internação obstétrica, 37 leitos de internação traumatológica, 27 leitos de UTI, 37 leitos de internação cirúrgica e bariátrica, 37 leitos para internação oncológica e 30 leitos de internação multiuso.
Para a edificação da nova emergência SUS – que integra este prédio – a Santa Casa recebeu, em fevereiro, a doação de R$ 40 milhões pelo casal Alexandre Grendene e Nora Teixeira e, um novo ato de doação foi realizado durante o evento de lançamento da pedra fundamental, nesta sexta-feira (22/03). O casal de empresários destinou outros R$ 20 milhões para a ampliação e qualificação da área assistencial de urgência e emergência SUS da Santa Casa, somando R$ 60 milhões em doação para a construção da emergência, tratando-se de doação plena, sem qualquer benefício fiscal.
O evento de lançamento da pedra fundamental do Hospital Nora Teixeira, que se insere na semana de comemoração ao aniversário de Porto Alegre, foi marcado por dois momentos: a primeira parte, no Anfiteatro Hugo Gerdau, quando houve a apresentação do projeto do novo hospital e a assinatura do termo aditivo da nova doação do casal Alexandre Grendene e Nora Teixeira; seguida de descerramento de placa da pedra fundamental do Hospital Nora Teixeira com a realização do rito da cápsula do tempo, quando as autoridades presentes inseriram no solo uma cápsula contendo materiais históricos referente ao local em que o empreendimento será edificado, marcando o início oficial das obras.

Em 2018, a Santa Casa realizou 1.008.660 consultas, 59.970 internações, 67.160 cirurgias e 6.523.906 serviços diagnósticos. Deste volume, 69,2% de paciente/dia (lei da filantropia) é SUS, o qual é deficitário de longa data. Diante disto, a instituição tem o desafio de gerar recursos próprios para viabilizar o custeio do prejuízo originário do subfinanciamento de assistência SUS. Somente no ano passado, este valor ficou em R$ 164 milhões, pagos pela instituição por meio de receitas de outros convênios e particulares, garantindo assim, o equilíbrio econômico e financeiro da Santa Casa.
Além deste empreendimento, a Santa Casa está também investindo outros R$ 150 milhões originários da Bancada Federal Gaúcha, possibilitando reformar toda a área assistencial SUS da instituição. Nestes dois projetos, estão sendo investidos mais de R$ 327 milhões para promover mais saúde aos gaúchos, com mais segurança e qualidade assistencial.
Hospital Nora Teixeira
Sua implementação será ao lado do Hospital Santa Clara, entre as avenidas Oswaldo Aranha e João Pessoa, e sua construção será composta por: Central de Recebimento e Almoxarifado; Almoxarifado Médico; Estacionamento; Nutrição; Emergência SUS e Centro de Diagnóstico por Imagem; Bistrô e Loja; Internação Obstétrica, Central de Materiais e Esterilização; Internação Traumatologia; Unidade de Terapia Intensiva; Internação Cirúrgica; Internação Oncológica e Internação Multiuso.
A nova emergência SUS da Santa Casa exclusiva para atendimento de adultos – que terá sua área quadruplicada – contemplará:
  • Aumento de leitos fixos na Sala de Observação (todos em boxes individuais), de 13 para 28 (sendo três de isolamento);
  • Criação de 2 Postos de Enfermagem na Sala de Observação, garantindo um atendimento mais ágil ao paciente;
  • Ampliação do número de posições de medicação, passando de 12 para 18, proporcionando mais conforto e segurança aos pacientes;
  • Ampliação do número de salas de acolhimento e consultórios de pronto atendimento, sendo uma sala específica para Eletrocardiografia;
  • Centro de Diagnóstico por Imagem exclusivo para a Emergência, que facilitará o atendimento dos pacientes em atendimento, contando com tomografia, Raio-X e ecografias.
IPTU: inadimplência na Capital é a menor da Região Metropolitana

IPTU: inadimplência na Capital é a menor da Região Metropolitana

Cidade Comunicação Notícias Política Porto Alegre prefeitura

A Receita Municipal da Secretaria da Fazenda divulgou nessa sexta-feira, 15, dados do IPTU. O índice de inadimplência em 2017 ficou em 7.31%, o menor entre os municípios da Região Metropolitana. Em relação ao IPTU 2018, a inadimplência até fevereiro está em 10,41%. De acordo com o secretário municipal da Fazenda, Leonardo Busatto, o Município ainda está atuando sobre aqueles que não efetuaram o pagamento. “A tendência é que, ao longo de 2019, a inadimplência do IPTU 2018 alcance patamar inferior à verificada para o IPTU 2017.”

A prefeitura deixa de arrecadar com a falta de pagamento aproximadamente R$ 50 milhões por ano, o que acaba afetando setores fundamentais para a cidade. “Os recursos arrecadados de IPTU em parte são vinculados, devendo destinar 15% para a saúde e 25% para a educação. Os 60% restantes podem ser direcionados para áreas que a administração do município considere prioritárias, como infraestrutura, saneamento e pagamento do funcionalismo”, disse Busatto.

Conforme o superintendente-adjunto da Receita Municipal, Christian Fouchard Justin, um trabalho ostensivo de cobrança vem sendo realizado nos últimos anos, que iniciam por um contato pessoal, passando pela negativação, protesto extrajudicial, cobrança judicial, podendo resultar até em leilão do imóvel do inadimplente. “Somente em janeiro e fevereiro, foram concluídas negociações de 4.768 casos de IPTU. Alertamos que é importante buscar a regularização antes que essas ações mais ostensivas se iniciem, pois, após iniciadas, os custos para negociação são maiores, podendo envolver custas judiciais”, afirmou.

Em Porto Alegre, o trabalho realizado de recuperação de créditos tem sido eficiente. “Somos a capital do Brasil com maior retorno, muito à frente das demais. A tendência é que cada vez mais os contribuintes paguem o IPTU em dia, visto que as ações de cobrança acabam tornando a regularização tardia mais onerosa”, disse Chistian Fouchard.

Como regularizar a dívida – Na Área de Atendimento da SMF, é possível parcelar qualquer débito em atraso e colocar em débito em conta, evitando assim um novo esquecimento. Além disso, visando a facilitar e agilizar as negociações, está disponível um número de Whatsapp da Receita Municipal (51 99348-9424), onde é possível parcelar o imposto e receber a primeira guia de pagamento e o formulário para débito em conta.

O pacífico convívio entre fiscais da EPTC e flanelinhas na área azul

O pacífico convívio entre fiscais da EPTC e flanelinhas na área azul

Cidade Destaque Porto Alegre prefeitura

A imagem acima é um retrato nítido de dois dos maiores males do trânsito de Porto Alegre. O primeiro é a ação livre e impune dos flanelinhas. Mesmo em local e horário de cobrança de estacionamento, o flanelinha age sem medo, achacando e ameaçando os motoristas. O outro mal, logo à frente, é a incompetência da EPTC. Mais preocupado em multar, o funcionário da Empresa Pública de Transporte e Circulação não demonstra autoridade, tampouco reprime o flanelinha.

O registro foi feito às16h de quinta-feira, na Praça da Matriz, no coração da Capital.

No mesmo local estavam ainda outro azulzinho, dois fiscais da Área Azul e outros dois flanelinhas.

Semana de Porto Alegre: Que tal uma selfie com O Laçador? Visitação ao monumento será ampliada entre 27 e 31 de março

Semana de Porto Alegre: Que tal uma selfie com O Laçador? Visitação ao monumento será ampliada entre 27 e 31 de março

Agenda Cidade Cultura Destaque Porto Alegre prefeitura

O público terá oportunidade de ver  bem de perto o monumento O Laçador, obra mais importante do escultor Antônio Caringi. Entre os dias 27 e 31 de março, uma estrutura temporária de andaime será montada em volta do monumento, na qual o público poderá subir para observar o símbolo oficial da capital. O Laçador foi feito por Caringi em 1954, tendo como modelo o folclorista Paixão Côrtes, e venceu um concurso com o objetivo de ser o Símbolo do Gaúcho.  Naquele ano, em exposição internacional, a escultura em gesso foi apresentada na Cidade de São Paulo. Somente em 20 de setembro de 1958, já fundido em bronze, O Laçador foi inaugurado no local original, no extinto Largo do Bombeiro. Em 1992, por Lei Municipal, a estátua foi declarada Símbolo Oficial de Porto Alegre.

5c77d2f7695f59.78925586Em 2007, a estátua foi transferida de local para onde se encontra atualmente, “Sítio do Laçador”, sendo instalada em uma estrutura elevada, numa espécie de “coxilha”, o que distanciou a estátua dos transeuntes, dos que se aproximam para vê-la. Além do andaime que cercará a obra de Antônio Caringi,  localizado próximo ao antigo terminal do Aeroporto Salgado Filho, no bairro São João, os visitantes contarão também com área com cobertura provisória, bancos, banheiros químicos e food trucks. Uma equipe da Secretaria Municipal da Cultura estará no local informando sobre a história do monumento e a respeito o processo de restauração do mesmo que começará em breve. A estrutura oferecida não terá custo aos cofres públicos.

Essa será uma oportunidade única para aqueles que querem conhecer melhor O laçador, antes do monumento ser retirado do local em que se encontra para passar por processo de restauração.  O Sindicato das Indústrias da Construção Civil no Estado do Rio Grande do Sul (Sinduscon) é responsável pelo projeto de restauro do monumento.

A atividade, iniciativa da Secretaria Municipal da Cultura, com apoio da JOG Engenharia de Andaimes, integra a programação da Semana de Porto Alegre, que ocorre entre os dias 21 e 30 de março. As visitações serão realizadas das 9h ao meio-dia e das 14h às 18h.


Serviço
Visitação ao Monumento Laçador
De 27 de março (quarta-feira) a 31 de março (domingo)
das 9h às12:00 e das 14h às18h
Atividade gratuita

Porto Alegre: Divulgados indicados ao Prêmio Açorianos de Música 2017/2018

Porto Alegre: Divulgados indicados ao Prêmio Açorianos de Música 2017/2018

Agenda Cidade Cultura Destaque Porto Alegre prefeitura

A Secretaria da Cultura de Porto Alegre, através da  coordenação de Música, divulgou os indicados  ao Prêmio Açorianos de Música 2017/2018. Os vencedores do Prêmio serão conhecidos em cerimônia a ser realizada no dia 27 de março, às 20h, no Teatro Renascença (av  Erico Veríssimo, 307) dentro das comemorações da Semana de Porto Alegre.

Indicados por categorias

Erudito

Disco
Ernst Mahle: A Integral para violoncelo e piano – Hugo Pilger & Guilherme Sauerbronn;
Chiquinho & Radamés – Quinteto Persch & Arthur de Faria;
Improcreations – Amao Quartet
Homage: Compositoras do Brasil e da Itália – Susie Geordiadis & Angolina Sensale

Compositor
Ernst Mahle
Catarina Domenici
Amao Quartet
Radamés Gnatalli
Chiquinho do Acordeon

Intérprete
Hugo Pilger – Ernst Mahle: A Integral para violoncelo e piano
Susie Geordiadis – Homage: Compositoras do Brasil e da Itália
Guilherme Sauerbronn – Ernst Mahle: A Integral para violoncelo e piano
Angiolina Sensale – Homage: Compositoras do Brasil e da Itália
Glauber K. de Souza – Amao Quartet

Instrumentista

Adriano Persch – (Quinteto Persch)
André Machado – (Quinteto Persch)
Daniel Castilhos – (Quinteto Persch)
Ezequiel de Toni – (Quinteto Persch)
Luciano Rohden – (Quinteto Persch)

Regional

Disco
Aluizio Rockembach – Dona Maria
Luciano Maia & Gujo Teixeira – Pra se Ouvir Tomando um Mate
Luiz Carlos Borges – Jaguaretês – Luiz Carlos Borges canta Telmo de Lima Freitas
Ângelo Franco & Arthur Bonilla – Ângelo & Arthur
Yamandu Costa & Renato Borghetti – Yamandu Costa & Renato Borghetti

Compositor
Telmo de Lima Freitas
Luciano Maia & Gujo Teixeira
Juliano Gomes
Aluízio Rockembach
Diego Muller & Érlon Péricles

Intérprete

Aluizio Rockembach – Dona Maria
Juliano Gomes – Proscrito
Ângelo Franco – Ângelo Franco & Arthur Bonilla
Luciano Maia – Pra se Ouvir Tomando um Mate
Luiz Carlos Borges – Jaguaretês

Instrumentista

Yamandu Costa – Yamandu Costa & Renato Borghetti
Renato Borghetti – Yamandu Costa & Renato Borghetti
Arthur Bonilla – Ângelo Franco & Arthur Bonilla
Kiko Freitas – Jaguaretês – Luiz Carlos Borges canta Telmo de Lima Freitas
Guto Wirtti – Yamandu Costa & Renato Borghetti

Instrumental

Disco
Luminoso – Elias Barboza
Além – Kiai Grupo
A Margem – Marmota
Bons Ventos – Cristian Sperandir
Arrebol – Mafuá Trio Instrumntal


Compositor

Elias Barboza
Leonardo Bittencourt
Cristian Sperandir
Felipe Karam
Rodrigo Nassif


Intérprete

Leandro Oliveira – 100 anos de Pixinguinha
Felipe Karam – De Sol a Sol
Latino-América Duo – Latino-América Duo
Elias Barboza – Luminoso
Cristian Sperandir – Bons Ventos

Instrumentist
a
Elias Barboza – Luminoso
Lucas Fê – Além
Leonardo Bittencourt – A Margem
Cristian Sperandir – Bons Ventos
Biba Meira – Suave Coisa Nenhuma

POP

Disco

Yantux ao Vivo – Yanto Laitano
Todo Mundo vai Mudar – Dingo Bells
Baixar Armas – Duca Leindecker
Famoso Quem? – Tiago Ferraz
Mystic Love – Erick Endres

Compositor
Arthur de Faria
Thiago Ramil
André Paz
Bebeto Alves
Duca Leindecker


Intérprete

Rodrigo Fischmann – Todo mundo vai mudar (Dingo Bells)
Daniel Debiagi – Sem Chover em Teus Olhos
Tiago Ferraz – Famoso Quem?
Diogo Brochmann – Todo mundo vai mudar (Dingo Bells)
Negra Jaque – Deus que Dança

Porto Alegre: Bancada do PP propõe rua da Legalidade e da Democracia na Hípica

Porto Alegre: Bancada do PP propõe rua da Legalidade e da Democracia na Hípica

Cidade Destaque Poder Porto Alegre prefeitura

Está em tramitação, na Câmara Municipal de Porto Alegre, projeto de lei de autoria da Bancada do PP que denomina Rua da Legalidade e da Democracia o logradouro público cadastrado conhecido como Rua Sete Mil e Noventa e Três, localizado no Bairro Hípica.

546f74fe7b9cc5.13932619
Equipes de sinalização da EPTC instalaram e depois retiraram placas com o nome de Avenida da Legalidade e da Democracia, na hoje Avenida Castelo Branco. Foto: Cristine Rochol/PMPA

Na exposição de motivos, os vereadores contam a história da democracia do país, desde o final do Império até o governo de Getúlio Vargas. O projeto fala sobre a democratização de 1945, que derrubou o Estado Novo, regime ditatorial de Vargas, e conta a história da Campanha da Legalidade, movimento civil-militar liderado pelo então governador do Rio Grande do Sul, Leonel Brizola, e pelo general José Machado Lopes. Seu objetivo era garantir a posse do então vice-presidente da República, João Goulart, após a renúncia do presidente Jânio Quadros.

 

Porto Alegre: Prefeitura publica novas regras para padrão de vestimenta dos taxistas; por Mauren Xavier/Correio do Povo

Porto Alegre: Prefeitura publica novas regras para padrão de vestimenta dos taxistas; por Mauren Xavier/Correio do Povo

Cidade Destaque Poder Política Porto Alegre prefeitura

Os taxistas homens poderão utilizar novamente bermudas no período do verão e as mulheres terão uma nova padronização de vestimentas em Porto Alegre. As novas regras deverão ser publicadas no Diário Oficial de Porto Alegre até a próxima segunda-feira pela Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), atendendo a uma solicitação dos próprios profissionais. Segundo a resolução, a bermuda deverá ser de jeans, sarja ou social em qualquer cor. É necessária que seja lisa e com comprimento sobre o joelho, ou abaixo deste.

No caso das mulheres, as regras vão valer para o ano inteiro. Uma reclamação das profissionais era que as roupas eram consideradas “masculinizadas”. A partir de agora, elas poderão usar blusa com colarinho em qualquer cor, única (lisa); camisa com colarinho em qualquer cor, única (lisa); saia de comprimento abaixo do joelho em qualquer cor, única (lisa); calça feminina do tipo “pescador”, em qualquer cor, única (lisa); colete, em qualquer cor, única (lisa); sapatilhas e sandálias presas ao pé, exceto do tipo chinelo.

A reportagem completa está no Correio do Povo.

Orla Moacyr Scliar terá programação especial em fevereiro

Orla Moacyr Scliar terá programação especial em fevereiro

Agenda Cidade Comunicação Cultura Marchezan Notícias Porto Alegre prefeitura

Até 24 de fevereiro, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente e da Sustentabilidade (Smams) prossegue com a programação do projeto de verão Orla de Boa. A iniciativa foi viabilizada através da parceria com a empresa Uber, adotante da Orla Moacyr Scliar desde agosto do ano passado. Nos próximos três domingos deste mês, os frequentadores do local poderão desfrutar de uma programação especial. Atividades como aulas de ginástica e zumba, oficinas sobre sustentabilidade e pocket shows em uma tenda com espaço para descanso fazem parte das atividades e atrações do espaço.

“A programação da Uber é voltada ao lazer, mas sempre trabalhando a questão ambiental. O volume de resíduos recolhido semanalmente é de cerca de três toneladas, sendo que o plástico é um dos principais itens descartados. Pensando em como trabalhar esta questão, a empresa confeccionou uma viseira com estes materiais e irá distribuir gratuitamente aos frequentadores da orla que participarem das atividades”, explica o secretário do Meio Ambiente e da Sustentabilidade, Maurício Fernandes. A programação Orla de Boa começou no domingo passado, 3, com atividades e pocket show com Serginho Moah.

“Convidamos a todos para reciclar a relação com Porto Alegre e ficar de boa na Orla. Nosso recado é que a natureza já fez a parte dela no Guaíba, então cada um tem que fazer a sua para manter sempre limpa, deixando o lixo no local adequado”, explica Ruddy Wang, gerente geral da Uber para a Região Sul. A Orla conta com 50 lixeiras duplas (com 20 e 40 litros de capacidade), acrescidas de 10 contentores triplos extras (com capacidade de até 240 litros cada) aos finais de semana.

Programação:
Dias: 10, 17 e 24 de fevereiro
9h às 10h: aula de ginástica funcional
10h às 11h: aula de zumba
10h às 11h: oficina de reciclagem
16h às 21h: DJ
17h às 18h: oficina de reciclagem
18h às 21h: pocket show com Nalanda

*Em caso de chuva, o evento será transferido. Agenda sujeita a confirmação

Porto Alegre: Marchezan valida cronograma de obra do projeto piloto do Cais Mauá em encontro na Associação Comercial

Porto Alegre: Marchezan valida cronograma de obra do projeto piloto do Cais Mauá em encontro na Associação Comercial

Cidade Destaque Marchezan Política Porto Alegre prefeitura

 

O prefeito Nelson Marchezan Júnior anunciou durante o Menu POA, realizado nesta terça-feira, 5, na Associação Comercial de Porto Alegre (ACPA), que o Escritório de Licenciamento da Prefeitura Municipal validou a alteração do cronograma de obra para o projeto piloto do Cais Mauá. “Teremos uma entrega provisória do projeto completo do Cais Mauá. Serão cerca de 600 vagas de estacionamento e dois hectares de área de convivência. É o primeiro passo para viabilizar o Cais Mauá. Vai ser um aperitivo de como é bom vencer a burocracia”, diz o prefeito.

O diretor-presidente do Consórcio Cais Mauá, Eduardo Luzardo, afirma que a área de entretenimento e estacionamento será entregue no dia 26 de março, dia do aniversário de Porto Alegre. “Agradeço o esforço da prefeitura que fez uma grande mobilização para acelerar este processo”, destaca.

O espaço a ser entregue no final de março junto à Usina do Gasômetro contará com áreas de gastronomia, quadras de beach tênis e bancos para apreciar o pôr do sol. Será um espaço temporário, por até quatro anos, até que todos os armazéns sejam revitalizados e se chegue à execução do projeto original, que prevê shopping e torres. Com a entrega da primeira fase, a expectativa é que seja criada uma demanda que facilite a comercialização mais acelerada dos armazéns e do projeto completo.

180301_Luciano Lanes_PMPA-16
Espaço a ser entregue no final de março contará com área de gastronomia. Foto: Luciano Lanes/PMPA
Porto Alegre: Asun adota canteiro central da Plínio Brasil Milano

Porto Alegre: Asun adota canteiro central da Plínio Brasil Milano

Cidade Comunicação Economia Negócios Notícias Porto Alegre prefeitura

A Secretaria Municipal de Serviços Urbanos de Porto Alegre (SMSUrb) assinou com a rede de supermercados Asun, nesta segunda-feira, 4, o termo de adoção do canteiro central da avenida Plínio Brasil Milano, no bairro Boa Vista. O trecho adotado contempla a via entre a avenida dos Industriários e a avenida Engenheiro Alfredo Corrêa Daudt. Nestes 500 metros, aproximadamente, a empresa vai realizar serviços de roçada, capina, varrição e pintura de meio-fio, pelo prazo de 1 ano, prorrogável por igual período. Em contrapartida, o Asun poderá colocar placas de divulgação da sua marca. A adoção deste trecho do canteiro central da avenida Plínio Brasil Milano desonera os cofres públicos em pelo menos R$ 15.871,78, que é o custo anual de manutenção do local. O valor de R$ 1.322,65 mensais equivale aos serviços básicos de capina, roçada, varrição e pintura de meio-fio.

“Pequenas mudanças ajudam a mudar a cara de Porto Alegre, pois incentivam as pessoas a melhorarem também seus espaços e isto vai sendo copiado por todos na volta. Assim, com a adoção de verdes complementares, buscamos parceiros que pretendam fazer a diferença”, afirma o secretário municipal de Serviços Urbanos, Ramiro Rosário. “Agradecemos à prefeitura pela oportunidade de cuidar do local e nos comprometemos a honrar este espaço, deixando-o mais bonito. A ação não só valoriza a nossa loja, mas também o bairro e a cidade”, diz o diretor da rede Asun, Antonio Ortiz Romacho.

Estiveram presentes também o delegado do Orçamento Participativo (OP) da Região Noroeste e presidente da Associação de Moradores e Amigos do Obirici, Paulo Paquetá, e o conselheiro do OP e presidente da Associação dos Moradores do Higienópolis, Vendelino Gnewuch.

Adoções de Verdes Complementares – São considerados verdes complementares as rotatórias e os canteiros centrais e laterais de vias públicas. Atualmente, há cerca de 400 espaços disponíveis para adoção na Capital, 13 deles estão em processo de análise e 3 concluídos, sendo o quarto processo a adoção da avenida Plínio Brasil Milano.

O Manual de Verdes Complementares e a Carta de Intenção de Adoção podem ser conferidos através do link: https://prefeitura.poa.br/smsurb/projetos/verdes-complementares. O decreto de Adoção de Verdes Complementares foi assinado pelo prefeito de Porto Alegre em março de 2018. Em novembro do mesmo ano, foram encaminhados para a Câmara de Vereadores projetos de lei que visam a concessão e adoção de espaços urbanos por pessoas físicas e jurídicas.

Outros locais adotados – No dia 25 de setembro de 2018, foi assinada a adoção da avenida Goethe (da 24 de Outubro até a Mostardeiro) com as empresas Melnick Even, Zaffari, Panvel e Hospital Moinhos de Vento. Ainda em 2018, foram firmadas as adoções do canteiro da Avenida Edgar Pires de Castro, na esquina com a Avenida Juca Batista, pela Helton Cunha Advogados, e o canteiro central da Avenida Wenceslau Escobar, entre as ruas Almirante Câmara e Afonso Álvares, pelo Restaurante Manifesto.

Locais com edital para adoção – No dia 31 de outubro de 2018, foi lançado edital de Chamamento Público para adoção dos canteiros centrais da Avenida Ipiranga, dividido em três trechos. Já no dia 9 de novembro, os editais para adoção dos canteiros centrais da avenida Severo Dullius e do Largo Edgar Koetz (rodoviária) também foram publicados no Diário Oficial.