Paim Comunicação lança Laboratório de Experiências do Consumidor. Centro de pesquisa é resultado de uma parceria com a Escola de Negócios da PUCRS

Paim Comunicação lança Laboratório de Experiências do Consumidor. Centro de pesquisa é resultado de uma parceria com a Escola de Negócios da PUCRS

Comportamento Direito do Consumidor Economia Negócios Notícias Tecnologia Trabalho

Entender o comportamento do consumidor sempre foi um dos maiores desafios das marcas – e de quem trabalha para aumentar a sua competitividade. É o caso da Paim, que há quase 30 anos desenvolve soluções de comunicação para os seus clientes e que lança, nesta segunda-feira, 4 de novembro, o seu mais novo centro de pesquisa: o Laboratório de Experiências do Consumidor (Labex), uma área de 100m2 no sexto andar do prédio 50 da PUCRS. Resultado de uma parceria do braço de inovação da Paim – o PaimLab – com a Escola de Negócios da universidade, o espaço simula uma loja tradicional que, por meio de um mobiliário adaptável, permite criar múltiplos formatos, desde o segmento de cosméticos até o ramo alimentício. A primeira parceria já está definida: será com uma das marcas de sapatos femininos da Grendene, a Zaxy – os consumidores serão convidados a participar de estudos que avaliarão a experiência no ambiente da loja integrada ao e-commerce da marca.

190LABEX-e1561575113409
O primeiro projeto é com a Zaxy, marca do grupo Grendene Foto: Camila Cunha

Em meio às prateleiras, o primeiro laboratório da Região Sul dedicado a estudar as experiências de consumo está equipado com programas de realidade virtual, rastreamento de visão, mapas de calor e reconhecimento facial – tudo com a intenção de mapear a jornada do cliente e detectar padrões de escolha. “O Labex se propõe a ser um espaço de pesquisa multidisciplinar. Além da abordagem da Comunicação e de Negócios, ele também envolve áreas como Psicologia, Marketing, Computação e Arquitetura”, explica Kim Gesswein, diretor de Inovação da Paim, professor da Escola de Comunicação, Artes e Design da PUCRS e um dos coordenadores do Labex ao lado de Vinícius Sittoni Brasil e Stefânia Ordovás de Almeida, docentes da Escola de Negócios.

A Paim Comunicação se movimenta a partir de um ecossistema de serviços empenhada em contribuir com a competitividade de marcas, ideias e empresas, colocando a tecnologia a serviço da emoção. Com 28 anos de atuação, a Paim acredita na competência, na verdade e na ética como requisitos para a criatividade eficaz e para a inovação que faz sentido. Além da atuação no Labex, a busca pelas soluções de ponta está presente no cotidiano da equipe, com o suporte de suas estruturas junto a plataformas de inovação: PaimLab Tecnosinos, no RS, e InovaBra, em São Paulo. A equipe interdisciplinar deste ecossistema hoje é formada por parceiros de pesquisa e serviços complementares que operam junto aos 172 profissionais da Paim, que atendem 33 clientes no Brasil e na América Latina.

Para as marcas, espaços como o Labex representam a oportunidade de realizar testes para entender mais sobre o comportamento do consumidor, ampliando a competitividade dos seus produtos, melhorando a experiência de compra e explorando novas possibilidades tecnológicas. “Em vez de investir em espaços específicos ou de fazer testes nas próprias lojas, elas poderão testar modelos e fórmulas no Labex”, explica Vinícius. “As marcas precisam estar próximas do consumidor para serem relevantes. É muito importante acompanhar o que acontece em toda a jornada do consumidor”, comenta César Paim, presidente da empresa.

 

Inauguração do Labex

Data: 4 de novembro (segunda-feira)

Horário: 16h (experimento prático apenas para a imprensa) e 17h (abertura oficial do Labex)

Local: Sexto andar do prédio 50 da PUCRS

Psiquiatra Nelio Tombini lança site e reforça trabalho nas redes sociais com insights comportamentais

Psiquiatra Nelio Tombini lança site e reforça trabalho nas redes sociais com insights comportamentais

Comportamento Cultura Destaque Saúde Tecnologia Trabalho

Nelio Tombini, psiquiatra, escritor, palestrante e consultor especializado em relações institucionais e corporativas, acaba de lançar seu site www.neliotombini.com.br.  Autor do livro A Arte de Ser Infeliz , o médico criou uma forma simples e verdadeira de se comunicar com as pessoas sobre problemas e questões que perpassam a vida de todos nós. São esses insights que ele leva para suas palestras por todo o Brasil e que têm como mote o tema Desarmando as Armadilhas Emocionais.

nelio_400x400Em 1989, criou o Serviço de Doenças Afetivas da Santa Casa de Porto Alegre, onde foi coordenador da Psiquiatria por 18 anos. Foi responsável por implementar terapias de grupo para dar conta das demandas dos pacientes do SUS. Atualmente, desenvolve um projeto de suporte psicológico aos médicos residentes na Santa Casa. Fundou e dirige a Clínica de Psicoterapia Breve – Psicobreve. Colaborador de vários veículos de comunicação, já escreveu artigos para o jornal Zero Hora, Jornal do Comércio, Pioneiro e NH. Tem inserções frequentes na Rádio e TV Gaúcha e na Band. Colunista do programa Happy Hour BandNews FM de Porto Alegre.

Empresas como Claro São Paulo, Fasa América Latina, Unimed, Panvel, Petrobras, Tintas Killing, RBS e laboratórios Weinmann já contrataram suas palestras, além de instituições e órgãos públicos como Santa Casa de Porto Alegre, Prefeitura de Porto Alegre, Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, AJURIS, Universidade de Caxias do Sul, IPE, Amrigs, Federasul e Hospital Mãe de Deus, entre outros.

O psiquiatra, escritor e palestrante desenvolve workshops sobre conflitos emocionais no trabalho e levou para o YouTube a série de vídeos “5 minutos com o psiquiatra Nelio Tombini”, nos quais aborda os aspectos emocionais vinculados ao cotidiano.

 

http://neliotombini.com.br

https://www.instagram.com/drneliotombini/

https://www.facebook.com/psicobreve/

https://www.youtube.com/user/Psicobreve

Saúde: Palestrantes internacionais falam sobre câncer de pulmão no Hospital Moinhos de Vento

Saúde: Palestrantes internacionais falam sobre câncer de pulmão no Hospital Moinhos de Vento

Agenda Notícias Saúde Tecnologia Trabalho

O Rio Grande do Sul é o estado com maior incidência de câncer de pulmão do país. Entre as capitais, Porto Alegre lidera o ranking. Diante desses dados alarmantes, o Hospital Moinhos de Vento promoverá encontros para discutir o avanço da doença na população gaúcha. Entre sexta-feira (1º) e sábado (2), será realizado o II Simpósio Internacional de Câncer de Pulmão.

Arquivo Pessoal (2)O encontro contará com uma série de mesas redondas. “A intenção é discutir, de forma multidisciplinar, os diferentes aspectos da doença e a aplicação das novas tecnologias disponíveis para o tratamento da neoplasia”, diz o coordenador da Unidade de Oncologia Torácica do Moinhos de Vento, Guilherme Geib. No Hotel Sheraton, a programação trará 30 palestrantes nacionais e três oncologistas internacionais.

“Enormes avanços no manejo ocorreram nos últimos anos, como o rastreamento e diagnóstico precoce com a tomografia de baixa dose, tratamento com a cirurgia robótica, imunoterapia e terapias alvo. Tudo isso e vários outros aspectos serão abordados no simpósio”, explica o chefe do Serviço de Pneumologia do Moinhos de Vento, Marcelo Gazzana.

O ponto alto do seminário será a sessão plenária, na sexta, às 18h. O painel reunirá a canadense Natasha Leighl, o francês Elie Fadel e o brasileiro radicado no Canadá Sérgio Faria. O grupo debaterá temas relacionados à imunoterapia do câncer de pulmão, o limite da cirurgia na doença e aspectos relacionados à radioterapia estereotáxica.

Clique aqui e confira a programação completa.

Lei Geral de Proteção de Dados é tema de Almoço Empresarial da CIC Teutônia

Lei Geral de Proteção de Dados é tema de Almoço Empresarial da CIC Teutônia

Economia Negócios Notícias Tecnologia Trabalho

A CIC Teutônia realizou mais uma edição do tradicional Almoço Empresarial. O evento ocorreu no Auditório 03 da entidade e contou com a palestra “Lei Geral de Proteção de Dados – impactos na relação entre empresas e consumidores”, abordado pela advogada Flávia Coêlho Leite.

A LGPD entra em vigor no dia 16 de agosto de 2020 e impacta os segmentos público e privado. A partir da nova legislação, todos os setores deverão investir em segurança de dados coletados dos consumidores em seus sistemas. “O tratamento de dados, seja na coleta, na utilização, na reprodução, no processamento, no armazenamento ou no arquivamento, deverá ser realizado dentro dos princípios e requisitos da legislação, oportunizando mais privacidade na proteção dessas informações”, explicou Flávia.

A partir disso, frisou a advogada, o Brasil pode buscar o alinhamento com o que outros países já fazem, sem prejudicar as relações comerciais. “Isso já ocorre, por exemplo, na União Europeia, e o Brasil deve se adequar a essa tendência mundial, que veio para ficar”, acrescentou.

Entre as áreas impactadas, a palestrante enumerou o setor jurídico, compliance, recursos humanos, marketing, comercial, logística, segurança da informação e financeiro. No que se refere às sanções, estão previstas: advertência, com indicação de prazo para adoção de medidas corretivas; multa simples de até 2% do faturamento, limitada, no total, a R$ 50 milhões por infração; bloqueio dos dados até regularização; multa diária, observado o limite de R$ 50 milhões; publicidade da infração; eliminação dos dados pessoais; e situações adicionais de processos judiciais e danos de imagem/reputação.

“É fundamental conscientizar os empresários sobre como a Lei Geral de Proteção de Dados vai impactar nas relações de negócio e nos processos internos”, concluiu Flávia.

 

Saúde: Estresse crônico ligado ao trabalho em discussão no Cremers

Saúde: Estresse crônico ligado ao trabalho em discussão no Cremers

Comunicação Destaque Notícias Saúde Tecnologia Trabalho

Você sabe o que é Síndrome de Burnout? Mais conhecido como esgotamento profissional, o Burnout é um distúrbio psíquico que acomete especialistas de diversas áreas. Para saber mais sobre o assunto, que é destaque em discussões na comunidade médica, a próxima edição do Cremers Debate apresenta o tema “Estresse crônico no trabalho – Debatendo o Burnout”. O evento ocorre na quinta-feira (31), às 18h30, no Auditório do Cremers (Rua Bernardo Pires, 415), em Porto Alegre.

O presidente do Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul (Cremers), Eduardo Neubarth Trindade, explica a importância em debater a síndrome que é cada vez comum e afeta o desempenho de profissionais. “Trata-se de uma oportunidade para discutir os prejuízos trazidos por esse esgotamento, que afeta os serviços prestados em inúmeros setores. Profissionais cogitam abandonar suas atividades, afetados pelo cansaço, excesso de atribuições e depressão. E um grande e preocupante exemplo disso está na área da saúde”.

O encontro será aberto por Eduardo Neubarth Trindade e pelo presidente da Caixa de Assistência dos Advogados do RS (CAARS), Pedro Alfonsin. Os debates ficarão por conta do médico Jacques Vissoky, especialista em medicina do trabalho e mestre em prevenção de riscos laborais, e da conselheira do Cremers, Niura Tondolo Noro, médica do trabalho e mestre em ergonomia.

SERVIÇO:

O que: O Cremers Debate: “Estresse crônico no trabalho – Debatendo o Burnout”

O evento é gratuito e aberto ao público.

Na ocasião, também será lançada a cartilha “Síndrome de Burnout: O que você precisa saber para enfrentar”.

Quando: Quinta-feira (31), às 18h30

Onde: Auditório do Cremers (Rua Bernardo Pires, 415), em Porto Alegre

Serviços eletrônicos do MPT estarão indisponíveis entre 31 de outubro e 3 de novembro

Serviços eletrônicos do MPT estarão indisponíveis entre 31 de outubro e 3 de novembro

Agenda Notícias Tecnologia Trabalho

Os serviços disponibilizados pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) na Internet estarão inoperantes entre as 20h do dia 31 de outubro e as 14h do dia 3 de novembro, devido à manutenção na infraestrutura de TI da instituição. Portanto, não será possível acessar tanto o portal da Procuradoria-Geral do Trabalho (PGT), quanto os das Procuradorias Regionais do Trabalho (PRTs), nem sistemas como o de peticionamento eletrônico e de protocolo, bem como o correio eletrônico.

Arena do Grêmio recebe certificação pela utilização de energia de fonte renovável

Arena do Grêmio recebe certificação pela utilização de energia de fonte renovável

Economia Esporte Notícias Tecnologia Trabalho

A Arena do Grêmio foi reconhecida, por intermédio da Ludfor Energia Ltda, pelo consumo exclusivo de energia elétrica, proveniente de fontes renováveis, em sua infraestrutura. O documento comprova que o complexo multiuso utiliza somente energia elétrica proveniente de fonte limpa, totalmente renovável e que não agride o meio ambiente, desde o dia 1º de dezembro de 2018.

Segundo o diretor de operações, Paulo Rossi, além dos benefícios da compra de energia via mercado livre esta ação contribui significativamente com a redução das emissões de gases de efeito estufa. “Desde o dia que adotamos esse método já foram mais de 36 toneladas de gás que deixaram de ser emitidos. Quando a economia vem atrelada à sustentabilidade a satisfação é maior ainda. Conseguimos uma economia na conta de energia da Arena superior à 20%, usando energia 100% de fontes renováveis.

“É muito legal ver um lugar como a Arena e toda sua visibilidade, se preocupando em consumir uma energia limpa, contribuindo com o meio ambiente e prestando um serviço para a sociedade como um todo. Além de também incentivar massivamente a conscientização das pessoas sobre este assunto”, analisa o representante comercial da Ludfor, Vinicius Lazzarotto.

A energia elétrica consumida pela Arena do Grêmio é proveniente de usinas de fontes incentivadas pelo Governo Federal, com o objetivo de obter uma matriz energética ambientalmente sustentável e renovável através das fontes: Eólica, Solar, Biomassa e Hídrica de pequeno porte (PCH’s e CGH’s).

Com a utilização de energia de fonte renovável, o complexo reduziu 36,95 toneladas de CO2, o equivalente a 1.021 mudas de árvores, conservadas por 20 anos; 92 transportes rodoviários, de uma tonelada de carga, percorrendo um trajeto de 500km; e 16 toneladas de papel/papelão enviadas para aterro sanitário.

Os dados apresentados e analisados seguem as metodologias internacionais do GHG Protocol Corporate Standard e Greenhouse Gas Protocol Initiative e o Intergovernamental Panel on Climate Change (IPCC), referências no assunto de emissão de gases e energia renovável.

Prefeitos discutem segurança integrada da Região Metropolitana

Prefeitos discutem segurança integrada da Região Metropolitana

Notícias Segurança Tecnologia

Diante da redução dos principais índices de criminalidade em Porto Alegre e na Região Metropolitana, prefeitos se reuniram para discutir ações que mantenham essa trajetória descendente. Compartilhar experiências, entender a dinâmica de trabalho da Brigada Militar e conhecer cases globais sobre o assunto foram os objetivos de uma reunião na Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Porto Alegre (Granpal). O encontro ocorreu nesta quarta-feira (24), em Cachoeirinha.

Os homicídios reduziram 35,2% na região, entre janeiro e setembro deste ano, em comparação ao mesmo período de 2018. Os roubos e furtos de veículos também vêm apresentando queda: 33,9% e 11,9%, respectivamente. Para o prefeito de Cachoeirinha e presidente de Granpal, Miki Breier (PSB), os resultados na área são animadores. Os números, segundo ele, refletem a política assertiva dos municípios, que apostaram na integração com o Estado como instrumento de combate à criminalidade.

Outro dado que chamou a atenção foi a redução dos confrontos entre polícia e crime organizado. A queda chegou a 70% no último ano – o que vem evitando o risco de balas perdidas e ampliando a sensação de segurança da população. “Temos muito a evoluir no assunto, mas é inegável que vivemos hoje uma situação de mais segurança do que lá atrás”, definiu Breier.

Comandante regional da Brigada Militar, o coronel Oto Eduardo Amorim falou sobre a importância da integração entre os órgãos de segurança, do sigilo das operações e da necessidade de as guardas municipais estarem em harmonia com os demais entes. “Muito se fala, por exemplo, no cercamento eletrônico. Ele é importante, mas as imagens precisam estar no radar do serviço do Estado também”, explicou.

A prefeita de Nova Santa Rita, Margarete Ferretti (PT), seguiu a linha de Breier e agradeceu a forma humana como o comando trata as tropas e a sociedade. O prefeito Daiçon Maciel (Progressistas), de Santo Antônio da Patrulha, pediu que a cidade seja incluída na Região Metropolitana quando o assunto é segurança. “Precisamos reparar este equívoco. A comunidade precisa de mais proteção e serviço de inteligência”, frisou.

Parcerias a serviço do bem comum

Ex-secretário adjunto de Segurança Pública no governo Sartori e diretor do Instituto Cultural Floresta (ICF), Everton Oltramari compartilhou aos gestores públicos os mapas da violência gaúcha e brasileira. Apresentou a Lei de Incentivo à Segurança, detalhou novas formas de financiamento para a área, trouxe exemplos de ações desenvolvidas em cidades fora do Brasil e a detalhou possíveis políticas públicas a serem implantadas.

Oltramari relatou o trabalho da sociedade civil e seu legado, e colocou a ONG à disposição para trabalhar em harmonia com as prefeituras. “Mais estrutura para as operações melhora até a autoestima, a moral da tropa. É preciso trabalho integrado: governo, iniciativa privada e população. O Rio Grande viu os resultados”, disse.

Durante a reunião, o diretor-executivo da Granpal, José Luís Barbosa, informou que intermediará o contato entre as prefeituras e o instituto, buscando viabilizar melhorias para as cidades. “Segurança é um assunto de todos. E a parceria entre os setores público e privado pode contribuir muito para a vida das pessoas também nesta área”, comentou.

Instituto Claro abre inscrições para a 8ª edição do Campus Mobile. Universitários e recém-formados que apresentarem as melhores ideias e soluções de impacto social para serviços mobile ganham uma viagem ao Vale do Silício (EUA)

Instituto Claro abre inscrições para a 8ª edição do Campus Mobile. Universitários e recém-formados que apresentarem as melhores ideias e soluções de impacto social para serviços mobile ganham uma viagem ao Vale do Silício (EUA)

Notícias Tecnologia Trabalho

O Instituto Claro lança a 8ª edição do Campus Mobile, concurso de inovação e empreendedorismo que incentiva a formação de talentos universitários, e recém-formados, para atuar no segmento de conteúdo e serviços mobile. As inscrições podem ser individuais ou em equipe com até três membros e estão abertas até o dia 17 de novembro, e devem ser realizadas pelo site. ( Clique aqui )

Estão aptos a participar universitários que estejam matriculados em um curso de graduação de uma instituição de ensino superior no Brasil ou recém-formados (em 2018 ou 2019). “Temos muito orgulho do crescimento do Campus Mobile e do comprometimento dos participantes ao longo dos últimos anos. Esta iniciativa cumpre um importante papel social enquanto gera soluções que impactam diretamente a vida das pessoas por meio de soluções inovadoras para maior conexão em diversas áreas, da educação aos games”, comenta Daniely Gomeiro, vice-presidente de projetos do Instituto Claro e diretora de Responsabilidade Social e Comunicação da Claro.

O Instituto Claro defende ações que promovam transformações na sociedade. Por isso, se esforça na mobilização e valorização do público feminino no âmbito científico, área em que a desigualdade de gêneros ainda é grande. “Mesmo com toda a expansão do mercado nas últimas décadas, a participação feminina em áreas que envolvem tecnologia é baixíssima. Para esta edição, o intuito é engajar mais mulheres para fazer parte desse universo, valorizando e fortalecendo o papel feminino na sociedade”, comenta Daniely.

O Campus Mobile é dividido em cinco etapas: Inscrição das ideias e soluções; Seleção e Divulgação das Ideias e Soluções; Desenvolvimento dos Projetos; Finalização de protótipos; e uma Viagem de Imersão no Vale do Silício, São Francisco (CA), nos Estados Unidos, para concluírem seus projetos. Ao todo, após as inscrições serão selecionados cerca de 90 projetos.

Neste ano, serão ao todo seis categorias, com duas novidades: Saúde e Games. Confira todas as categorias:

Saúde – soluções que previnam ou facilitem o acesso a diagnósticos e tratamentos;
Games – serão aceitos quaisquer jogos para plataformas móveis;
Educação – produtos ou serviços inovadores para dispositivos móveis que promovam e aprimorem a aprendizagem dentro e fora da escola ou o interesse pelos estudos;
Diversidade – projetos que contribuam com o empoderamento, redução da discriminação e promoção de direitos de mulheres e minorias;
Smart Cities – soluções que contribuam para a infraestrutura urbana, tornem os grandes centros mais eficientes e melhorem a vida de seus habitantes;
Smart Farm – traz iniciativas que tenham o objetivo de melhorar a infraestrutura e a vida dos habitantes em regiões rurais.

O Campus Mobile é uma iniciativa do Instituto Claro, com realização do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico e apoio da Escola Politécnica da USP. O programa Campus Mobile estimula o empreendedorismo aproximando o jovem do mercado de trabalho em contato com renomados profissionais que os orientam no desenvolvimento de ideias de aplicativos e serviços.

Grupo Radioativa lança empresa especializada em podcast. America chega ao mercado apostando no conceito de ser uma ‘Netflix do áudio’; do Coletiva.Net

Grupo Radioativa lança empresa especializada em podcast. America chega ao mercado apostando no conceito de ser uma ‘Netflix do áudio’; do Coletiva.Net

Cidade Comunicação Cultura Notícias Tecnologia Trabalho

O Grupo Radioativa, que atua há 25 anos no mercado publicitário, lança uma empresa especializada em podcast. Depois de um ano e meio formando portfolio, a America Podcast chega ao mercado apostando no conceito de “Netflix do áudio”, com séries autorais e para marcas.

Carina Donida, sócia-diretora do Grupo Radioativa, ressalta que o objetivo da empresa vai além de apenas gravar e editar o conteúdo. “Nosso papel é conceituar e planejar de forma estratégica, para só depois produzi-los. Montamos o projeto e vamos até a distribuição nas plataformas digitais”, destaca.

Para isso, a equipe do America Podcast passa a contar com Cláudia Aragón, autora do programa ‘Porto Alegre, Quem Diria!’. Como associada, a jornalista e escritora especializada em narrativas para marcas será responsável pela curadoria de podcasts autorais e pelo planejamento do conteúdo sob encomenda.  Também faz parte do time America Rômulo Kanzen, um dos autores de Crazy Metal Mind.

A America Podcast pode ser acessada aqui.