Acampamento Farroupilha: Confirmados bailes com Os Monarcas, Joca Martins, Luiz Marenco,  João Luiz Corrêa,Grupo Rodeio, Tche Guri, Baitaça, Xiru Missioneiro…

Acampamento Farroupilha: Confirmados bailes com Os Monarcas, Joca Martins, Luiz Marenco, João Luiz Corrêa,Grupo Rodeio, Tche Guri, Baitaça, Xiru Missioneiro…

Agenda Cidade Cultura Destaque Porto Alegre Turismo

Acampamento Farroupilha de Porto Alegre, que no ano passado recebeu 1,3 milhão de visitantes, será realizado no Parque Maurício Sirotsky Sobrinho de 7 a 20 de setembro e promete trazer mais uma vez para o centro da capital do Estado um pedacinho do campo e da história do Rio Grande. A organização do evento está a cargo do Movimento Tradicionalista Gaúcho e a Prefeitura Municipal será responsável pela fiscalização. O convênio para cessão do parque já foi assinado e o acordo prevê todo apoio necessário da Administração para realização do evento, porém sem o aporte de recursos financeiros. A notícia foi recebida sem surpresas pelo MTG, uma vez que já em 2016 o evento foi realizado sem verba pública. Uma ampla programação artística, cultural, campeira e festiva está sendo organizada pela equipe técnica da entidade para públicos de todas as idades. Uma das atrações é o Circuito Instrumental, realizado no palco central de 11 a 15 de setembro, com apresentações de danças tradicionais gaúchas e grupos instrumentais, tendo participações especiais de artistas como a Orquestra de Bombo Leguero e Ernesto Fagundes, Quinteto de Garibaldi, Familia Lima, Renato Borghetti, e Camerata Pampeana.

Os bailes também prometem atrair um número expressivo de apreciadores da música e das danças gaúchas de salão, com atrações como Os Monarcas, Joca Martins, Alma Gaudéria, Luiz Marenco, Machado e Marcelo do Tche, João Luiz Corrêa, Os Mateadores, Grupo Rodeio, Tche Guri, Gurias Gaúchas, César Oliveira e Rogério Melo, Moisés Oliveira, Baitaça, Grupo Quero Quero, Xiru Missioneiro, Grupo Minuano, Bruneyto y Santafé, Beira d´Estrada e Roger Moraes.

Para as crianças, o Acampamento Farroupilha reservará uma programação toda especial. Além de vivências com horta e animais na fazendinha, elas também poderão curtir oficina de danças folclóricas, teatro de bonecos, cantos e contos do Rio Grande do Sul e causos oferecidos em parceria com o Sesc.

Para o dia 20 de setembro está previsto o desfile tradicional e para o dia 17 de setembro, domingo, a partir das 10h, o Desfile Temático – Espetáculo Os Idealistas da Revolução Farroupilha e os 70 Anos do Acendimento da Chama Crioula, em realização conjunta da Fundação Cultura Gaúcha e Ministério da Cultura. Serão 1200 participantes divididos em nove invernadas, em um grande ‘teatro a céu aberto’. Estarão em evidência os idealistas revolucionários; os fatos marcantes no período de 1835 a 1845, da Revolução ao Tratado de Ponche Verde; e o Grupo dos 08, entre outros.

Segundo o presidente do MTG, Nairo Callegaro, os piquetes instalados no Acampamento Farroupilha desenvolverão projetos culturais evidenciando a gastronomia, o artesanato, a cultura e a história dos gaúchos. “Faremos uma grande festa para celebrar nossos usos, nossos costumes, estreitando o laço entre tradicionalistas e não tradicionalistas”, afirma. Segundo ele, seguindo a tradição de edições passadas, a proposta é levar ao público o maior número possível de atrações gratuitas, proporcionando o acesso a todos, sem distinção de posição social ou financeira.

 

Projeto denomina 14 ruas em homenagem a artistas na zona Norte de Porto Alegre; por Lucas Rivas/Rádio Guaíba

Projeto denomina 14 ruas em homenagem a artistas na zona Norte de Porto Alegre; por Lucas Rivas/Rádio Guaíba

Agenda Cidade Comunicação Cultura Destaque Porto Alegre prefeitura Turismo

O presidente da Câmara Municipal de Porto Alegre, vereador Cassio Trogildo (PTB), protocolou um projeto de lei que denomina 14 logradouros do Loteamento Vitória da Conquista, nos bairros Rubem Berta e Santa Rosa de Lima, ambos localizados na zona Norte da Capital. De acordo com o vereador, a proposta foi elaborada a pedido da comunidade e homenageia ícones culturais, como pintores, escritores e escultores brasileiros e de renome internacional.

Para regularizar a área, a Prefeitura teve de tomar posse de uma antiga área privada e cadastrar as vias da região. Como o projeto envolve a denominação de ruas, não é necessária votação em plenário. O texto deve, porém, ser aprovados nas Comissões Constituição e Justiça (CCJ), de Urbanização, Transportes e Habitação (Cuthab) e de Educação, Cultura, Esporte e Juventude (Cece). Nessa segunda-feira, a proposta chegou a CCJ. Trogildo se eximiu de destacar o principal artista contemplado no projeto. “Não faria uma injustiça em querer nominar qual (dos 14 artistas) eu acharia mais importante no ponto de vista cultural”, disse.

Conforme o projeto, os nomes dos ruas foram escolhidos pelos próprios moradores. Confira:

– Rua Ariano Vilar Suassuna: logradouro não cadastrado conhecido como Rua B, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Escritor brasileiro;

– Rua Tarsila do Amaral: logradouro não cadastrado conhecido como Rua C, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Pintora brasileira;

– Rua Clarice Lispector: logradouro não cadastrado conhecido como Rua E, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Escritora naturalizada brasileira;

– Rua Edgar Allan Poe: logradouro não cadastrado conhecido como Rua G, localizado no Bairro Rubem Berta, com base na Lei Complementar nº 320, de 1994, e alterações posteriores. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Escritor norte-americano;

– Rua José Saramago: logradouro não cadastrado conhecido como Rua O, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Escritor português;

– Rua Oscar-Claude Monet: logradouro não cadastrado conhecido como Rua P, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Pintor francês;

– Rua Michelangelo: logradouro não cadastrado conhecido como Rua Q, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Pintor italiano;

– Rua Salvador Dalí: logradouro não cadastrado conhecido como Rua S, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Pintor catalão;

– Rua Van Gogh: logradouro não cadastrado conhecido como Rua T, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Pintor holandês;

– Rua Cora Coralina: logradouro não cadastrado conhecido como Rua U, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Poetisa brasileira;

– Rua Aleijadinho: logradouro não cadastrado conhecido como Rua Mil Novecentos e Trinta e Nove, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Escultor brasileiro;

– Rua Di Cavalcanti: logradouro não cadastrado conhecido como Rua Mil Novecentos e Quarenta, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Pintor brasileiro;

– Rua Leonardo da Vinci: logradouro não cadastrado conhecido como Rua Mil Novecentos e Quarenta e Um, localizado no Bairro Rubem Berta. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Pintor, escultor e inventor italiano;

– Rua Gabriel García Márquez: logradouro não cadastrado conhecido como Rua R, localizado no Bairro Santa Rosa de Lima. As placas denominativas conterão, abaixo do nome do logradouro, os seguintes dizeres: Escritor colombiano.

Disney World terá hotel de Star Wars e atração da Marvel; por Artur Luiz Andrade/Panrotas

Disney World terá hotel de Star Wars e atração da Marvel; por Artur Luiz Andrade/Panrotas

Cultura Destaque Economia Mundo Negócios Tecnologia Turismo

A sessão sobre Walt Disney World, no evento D23, que ocorre em Anaheim, na Califórnia, e reúne todos os executivos da Disney em encontros com fãs de todo o mundo, foi bastante reveladora sobre as novidades que virão até 2021, quando WDW comemora 50 anos.

default
Bob Chapke, diretor de hotéis e resorts da Disney fez os anúnciso

Um hotel temático de Star Wars, uma atração de Tron, no Magic Kingdom, similar à do parque de Xangai, atrações de Ratatouille e Guardiões da Galáxia, no Epcot, um terceiro novo navio para a Disney Cruise Line, um teleférico ligando Epcot e o Hollywood Studios, além de alguns hotéis, e um novo sistema de transporte chamado de Minnie Van são algumas das estreias, que se somam a Toy Story Land, em 2018, e Star Wars: Galaxy’s Edge, em 2019, ambas no Hollywood Studios.

As atrações foram anunciadas pelo chairman de Walt Disney Parks and Resorts, Bob Chapek, que informou a localização da atração baseada no filme Tron: bem ao lado da Space Mountain, no Magic Kingdom, que também ganhará um teatro. O Shanghai Disneyland, aberto em 2016, já possui a atração Tron Lightcycle Power Run, que brilha à noite tanto por fora quanto pode dentro, mas não foi revelado se a atração do Magic Kingdom será exatamente igual à chinesa.

HOTEL DAS ESTRELAS
O hotel de Star Wars promete ser uma imersão no mundo da série mais famosa do planeta e a Disney promete experimentar novidades jamais vistas em seus hotéis. A categoria será de luxo e todas as janelas possibilitarão que os hóspedes observem o espaço.

AT D23 EXPO 2017, DISNEY PARKS CHAIRMAN BOB CHAPEK ANNOUNCES NEW STAR WARS-THEMED HOTEL FOR WALT DISNEY WORLD RESORT -- During D23 Expo 2017, Walt Disney Parks & Resorts Chairman Bob Chapek announced plans to create the most experiential concept ever in an immersive Star Wars-themed hotel at Walt Disney World Resort. Dedicated entirely to the galaxy of Star Wars, it will be a one-of-a-kind experience where a luxury resort meets a multi-day adventure in a galaxy far, far away.
 

O Disney Skyliner, um sistema de transporte por gôndolas, como um teleférico, ligará os hotéis Caribbean Beach, Pop Century, Art of Animation e Disney Riviera Resort (novo, o 15º do Disney Vacation Club) e os parques Epcot e Hollywood Studios.

Já a frota da Disney Cruise Line será de sete navios em 2023,quase dobrando a capacidade atual, de quatro embarcações. Disneyland Paris ganhará o Disney’s Hotel New York – The Art of Marvel, hotel baseado no mundo de heróis como Iron Man, The Avengers e Spider-Man (Homem de Ferro, os Vingadores e Homem Aranha).

HOLLYWOOD STUDIOS
O parque que passará pelas maiores transformações terá Toy Story Land no verão de 2018 e a terra de Star Wars, batizada de Star Wars: Galaxy’s Edge, em 2019. Detalhes de Star Wars foram anunciados no dia anterior, também em D23. A área terá duas atrações, incluindo uma que coloca os participantes no meio de uma batalha entre a Resistência e a Primeira Ordem. Os visitantes também poderão voar na Millennium Falcon, a nave de Han Solo e Chewbacca, e ainda encontrar personagens como BB-8, Chewbacca, Rex and Kylo Ren. A área de Star Wars será aberta primeiro na Disneyland, na Califórnia, e depois em Orlando, no Hollywood Studios.

A Pixar, além de Orlando, também estará na Califórnia, com um novo show de fogos em Disneyland, e a tematização do píer em Disney California Adventure. A reportagem completa está no site PANROTAS.

Master Premium Cosmopolitan promove show Tributo Elis Regina com Camila Lopez

Master Premium Cosmopolitan promove show Tributo Elis Regina com Camila Lopez

Cidade Cultura Notícias Turismo Vídeo

O Hotel Master Premium Cosmopolitan promove show tributo a Elis Regina para inaugurar a nova sala de eventos, que leva o nome da cantora, no dia 11 de julho. A recepção inicia às 19h, apenas para convidados do hotel. Após, a banda Camila Lopez e o Arrastão dá vida às canções clássicas da artista a partir das 20h no restaurante do hotel.  A iniciativa da Rede Master faz parte das novas ações de relacionamento da companhia com parceiros.

 

Presidente do Sindha desembarca em Portugal para promover o turismo da Capital

Presidente do Sindha desembarca em Portugal para promover o turismo da Capital

Cidade Destaque Economia Negócios Turismo

O presidente do Sindicato de Hospedagem e Alimentação de POA e Região, Henry Chmelnitsky, está em Portugal para palestrar sobre o papel do empresariado para o desenvolvimento turístico e cultural de Porto Alegre na 39ª edição do evento Conversando sobre Turismo – Gerando Negócios que ocorre durante a III Jornadas Europeias do Turismo até o dia 9 de julho, em Águeda. Além disso, o dirigente também participará de evento da Fundación Cultural Brasil – Europa e Bahiatur, de 9 a 12 de julho, em Berlim, Alemanha.

Em Portugal, o presidente do Sindha ministrará palestra apresentando os aspectos dos porto-alegrenses, seus costumes, a identidade da Capital gaúcha e o que pode ser feito para que Porto Alegre possa ser vista como uma cidade com potencial turístico tendo a gastronomia e cultura como principais motivos para se apreciar. O que reforça a relação entre Porto Alegre e Europa para que atraia pessoas e fomente o forte investimento da entidade no turismo da Capital gaúcha.

“Porto Alegre conserva um aspecto histórico-cultural importante ao mesmo tempo em que busca se modernizar. É um grande esforço que fazemos para colocar a Capital no mapa do turismo mundial. Entendemos o momento crítico que vivemos e acreditamos que devemos agir para transformar e resgatar a autoestima e identidade de Porto Alegre e Região”, afirma Chmelnitsky.

Porto Alegre: Apresentados modelos de parceria para a gestão dos parques

Porto Alegre: Apresentados modelos de parceria para a gestão dos parques

Agenda Cidade Destaque Marchezan prefeitura Turismo

A primeira reunião do grupo de trabalho para a modernização da gestão de parques e praças ocorreu nesta sexta-feira, 7, na sede da Secretaria Municipal de Planejamento Estratégico. Composto por integrantes das secretarias de Parcerias Estratégicas, de Desenvolvimento Social, de Serviços Urbanos e do Meio Ambiente e da Sustentabilidade, o GT recebeu as representantes do Instituto Semeia, Fernanda Aidar e Fernanda Meireles. Elas apresentaram possíveis modelos de parcerias e concessões para os parques e expuseram alguns exemplos de sucesso que já estão ativos no país. O acordo de cooperação entre o Instituto Semeia e a Prefeitura de Porto Alegre foi firmado em 30 de junho deste ano

No encontro, estiveram em pauta projetos com parceiros privados que já foram firmados pelo município, seus pontos positivos e negativos, e questões legais envolvidas. Foi solicitada para cada secretaria participante a lista das possibilidades de serviços de manutenção, operação e gestão que possam ser prestados pela iniciativa privada nos oito parques de Porto Alegre. O Semeia apresentou um manual de modalidades de participação privada em parques
A parceria entre a prefeitura e o Instituto Semeia vai ampliar e aprimorar os instrumentos legais de gestão para incentivar a participação privada e de Organizações Sociais na administração dos parques municipais da cidade. O Plano de Trabalho inclui o auxílio na modernização da legislação e a reformulação dos Termos de Adoção, qualificando os processos de parcerias.
O plano também prevê a elaboração e o compartilhamento de um estudo das melhores práticas de gestão de parques e praças no Brasil e no mundo, por meio de parcerias Participaram da reunião do Grupo de Trabalho, além das representantes da Semeia, o secretário adjunto de Parcerias Estratégicas,  Fernando Freire Dutra, a diretora de projetos da SMPE, Denise Castro, e técnicos das demais secretarias.
Saiba Mais
O Instituto Semeia é uma organização sem fins lucrativos que fomenta parcerias para que os brasileiros tenham acesso a parques melhores.  Atua junto aos governos federal, estadual e municipal no apoio ao desenvolvimento de projetos que visem a inovar os modelos de gestão dos parques naturais e urbanos, de maneira que a sociedade tenha como resultado espaços mais bem preparados para o público.
Nos parques estaduais de Vila Velha, Guartelá e do Monge, no Paraná, o Semeia desenvolveu os estudos e o planejamento de viabilidade econômico-financeira para elaboração do edital para Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI). O projeto busca estimular o turismo sustentável, a conservação da biodiversidade e o desenvolvimento regional. O Semeia também teve participação dando apoio técnico para a realização do projeto de gestão do Parque Estadual da Ilha Grande, no Rio de Janeiro.  Em parceria com o Governo do Estado de Minas Gerais, contribuiu para a construção do projeto nas unidades de conservação da Rota Lund.
Turismo: Festivais de música no verão europeu atraem cada vez mais viajantes

Turismo: Festivais de música no verão europeu atraem cada vez mais viajantes

Destaque Economia Mundo Negócios Turismo

O verão europeu já é mundialmente conhecido pelo entardecer às dez da noite, bares lotados, Aperols nas taças, cervejas nos copos, altas temperaturas e muita gente na rua. Agora a estação ganhou mais um atrativo para viajantes. Misture esse clima a um dos festivais de música mais cools da Europa. Esse é o cenário do Blue Balls Festival, que acontece na charmosa cidade de Lucerna, no coração na Suíça Central, entre os dias 21 a 29 de Julho.

Do soul ao rock e da fotografia à arte de rua. Esse é o espírito do Blue Balls, que reúne grandes nomes do jazz, blues, soul e rock em perfeita harmonia com exposições de fotos e arte de rua.

Tudo começou no início da década de 1990 quando Urs Leierer juntou-se a dois amigos para organizar uma “Sessão noturna no Lago Lucerna”. Aconteceu aí a primeira edição do festival no histórico barco Stadt Luzern paddle steamer – uma jam session noturna com 40 músicos. Ao longo dos anos, o Blue Balls cresceu. Agora dura nove dias e atrai mais de 100 mil visitantes por edição.

Os 120 concertos e eventos já não são realizados em um barco, mas sim no KKL Culture and Convention Center, conhecido por ter uma das melhores acústicas do mundo, no Pavilhão e também no Hotel Schweizerhof. Uma oportunidade perfeita para ouvir ícones da música internacional, mas também para descobrir novos talentos.

Esse ano, uma das estrelas é a cantora americana Patti Smith, proeminente no movimento punk. Além dela, os ícones do blues TajMo, a estudanidense, Macy Gray, o poeta e músico ingles Benjamin Clementine, o cantor sueco de Indie e folk José González, entre muitos outros.

Os preços variam de acordo com cada show, mas também há atrações gratuitas pelas ruas da cidade.

Para mais informações sobre datas e valores acesse o site.

 

Congresso da Sociedade Brasileira discute as tendências e desafios da aprendizagem, ensino e disseminação da Computação no País. O CSBC reúne participantes vindos de todo o País entre os dias 2 e 6 de julho, em São Paulo

Congresso da Sociedade Brasileira discute as tendências e desafios da aprendizagem, ensino e disseminação da Computação no País. O CSBC reúne participantes vindos de todo o País entre os dias 2 e 6 de julho, em São Paulo

Notícias Tecnologia Turismo

A computação se tornou presente em todas as áreas do conhecimento e em todos os lugares. Estamos sempre conectados, compartilhando e disseminando informações em tempo real e, com isso, estabelecendo novas formas de comunicação e relacionamento A onipresença da tecnologia em todas as áreas de atuação humanas e a necessidade de democratizar seu ensino é uma premissa dos tempos contemporâneos. É neste contexto que ocorrerá a 37ª edição do Congresso da Sociedade Brasileira de Computação (CSBC) — principal evento da área no Brasil — promovido pela Sociedade Brasileira de Computação (SBC).

O CSBC 2017 se realizará no período de 2 a 6 de julho de 2017, na Universidade Presbiteriana Mackenzie, no Campus Higienópolis, em São Paulo, o principal centro financeiro, corporativo, educacional e de pesquisa da América do Sul. Com o tema Computação para tudo e para tod*s (o símbolo do asterisco na área de TI, neste caso, significa diversidade, inclusão e miscigenação), o evento reunirá as comunidades científica, acadêmica e profissional para discutir tendências, inspirar e promover o diálogo e a troca de experiências na área da computação.

A programação é diversificada e apresenta temas como inclusão digital, computação cognitiva, computação móvel, internet das coisas, segurança da informação, entre outros. Serão 23 eventos e atividades, que incluem palestras, debates, oficinas e workshops com pesquisadores e a participação de empresas de peso no cenário nacional e internacional.

Um dos pontos altos do CSBC será o debate sobre o pensamento computacional como uma nova forma de estruturação do raciocínio para solucionar problemas em todas as áreas de atuação. Esta nova maneira de organizar o pensamento é necessária para a formação ampla, interdisciplinar e com autonomia no aprendizado tecnológico dos estudantes, independentemente do curso escolhido. Durante o Congresso, a SBC irá apresentar uma proposta com diretrizes para nortear o ensino da Computação desde a Educação Infantil até o Ensino Básico (Fundamental e Médio) no País.

Programação Entre os destaques da programação está a 25ª edição do WEI, um workshop sobre Educação em Computação, promovido anualmente pela SBC, com o objetivo de ser um fórum de debates sobre diferentes temas relacionados ao ensino e aprendizagem da Computação. Alinhado com a proposta do Congresso, o tema do WEI deste ano será “Como ensinar computação para tudo e para todos”. 

Já o Women in Information Technology (WIT), outro evento importante na programação é uma iniciativa da SBC para discutir os assuntos relacionados a questões de gênero e a Tecnologia de Informação (TI) – histórias de sucesso, políticas de incentivo e formas de engajamento e atração de jovens, especialmente mulheres, para as carreiras associadas à TI. Organizado na forma de palestras e painéis, o workshop é centrado em debater problemas relacionados à mulher e ao seu acesso à TI, tanto do ponto de vista de mercado de trabalho quanto de inclusão e alfabetização digital. Os temas abordados se concentram na necessidade de educar, recrutar e treinar mulheres, como uma política estratégica para o desenvolvimento e competitividade nacional e regional. O objetivo principal do WIT é criar um fórum que promova estratégias para aumentar a participação de mulheres no segmento no Brasil.

Dentro da programação do WIT, está o Programa Meninas Digitais da SBC, cuja proposta é colaborar no processo de empoderamento do sexo feminino na área de TI e também investir na formação das futuras gerações de mulheres facilitando sua empregabilidade e sociabilização. A programação contará com oficinas para estudantes do Ensino Médio e Fundamental e o Fórum Meninas Digitais. O Programa se iniciou em 2011 sob a coordenação da Secretaria Regional da SBC – Mato Grosso e, em 2015, foi institucionalizado pela SBC como programa de interesse nacional da comunidade. É gratuito e voltado para mulheres do Ensino Médio e Fundamental.

 

Para conferir a programação completa ou fazer as inscrições — disponíveis até o dia do evento —, é só acessar o link.

Porto Alegre: Revitalização do primeiro trecho da orla do Guaíba atinge 80% de execução

Porto Alegre: Revitalização do primeiro trecho da orla do Guaíba atinge 80% de execução

Agenda Cidade Cultura Destaque Economia Marchezan Negócios Poder Política Porto Alegre prefeitura Segurança Turismo

As obras de revitalização da orla do Guaíba atingiram 80% de execução nesta quinta-feira, conforme a Prefeitura de Porto Alegre. A primeira parte, iniciada em outubro de 2015, se estende ao longo de 1,3 quilômetro do Gasômetro à Rótula das Cuias. O investimento é de cerca de R$ 68 milhões, com financiamento da Corporação Andina de Fomento (CAF). Se o tempo ajudar, o complexo deve ser entregue em outubro.

De acordo com o secretário de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim), Elizandro Sabino, a parte mais complexa da infraestrutura, como as fundações em água e instalação de redes de média tensão, esgoto, água e gás, já terminou, além dos decks, passarelas, os postes inclinados de energia. A fase, agora, é de acabamentos internos das edificações e implantação de passeios, ciclovias, vegetação e do piso iluminado. A fase final, que envolve a restauração de obras e construção de quadras esportivas, ainda não começou.

Acompanhe o estágio de execução:

– Praça Júlio Mesquita: 100% (inaugurada)
– Postes inclinados: 100%
– Passarelas: 100%
– Decks: 98%
– Ancoradouro: 91%
– Reservatório: 86%
– Infraestrutura: 78%
– Edificações: 75% (compreendem quatro bares, dois ambulantes, um vestiário e uma edificação para segurança).
– Bar Quase Meia Noite: 63%
– Arquibancadas: 60%
– Passeios: 58%
– Bilheteria: 42% (acesso ao Ancoradouro)
– Implantação Vegetal: 28%                                       (Rádio Guaíba)

Porto Alegre: Orgulho Gay marcou presença na Esquina Democrática

Porto Alegre: Orgulho Gay marcou presença na Esquina Democrática

Agenda Cidade Comportamento Comunicação Cultura Destaque Direito Marchezan Poder Política Porto Alegre prefeitura Saúde Turismo

A Esquina Democrática, nesta quarta-feira, 28, foi reservada para ações que marcaram a passagem do Dia do Orgulho Gay. A programação, com início às 11 h e término às 16 h, foi organizada  pela  coordenadoria da Diversidade Sexual da Diretoria dos Direitos Humanos da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social (SMDS) e ofertou serviços, em parceria com o Governo do Estado. O evento contou com a presença da Secretária Maria de Fátima Zachia Paludo, da SMDS.

Porto Alegre RS 28/06/2017                                      Atividade alusiva ao Dia do Orgulho Gay          Foto: Luciano Lanes / PMPA
Dia do Orgulho Gay Foto:Luciano Lanes/PMPA

Atendimentos – Na ocasião, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) fez o cadastro de Nome Social no Cartão SUS para transexuais e travestis e a Defensoria Pública do Estado realizou 50  encaminhamentos da retificação do nome civil para o público LBGT. No Brasil é possível trocar o nome no Registro sem a necessidade da realização de cirurgia de adequação sexual.  “É tudo muito difícil para nós que não nos identificamos com o gênero biológico de nascimento. Eu já consegui a troca de nome no Registro Civil, mas ainda é complicado quando se vai preencher uma ficha de emprego ou concurso e a resposta do gênero não se iguala aos documentos”, destacou Eduardo Martins, que nasceu como Marcia Martins. Também foram colhidas 100 assinaturas para o Estatuto da Diversidade e nas atrações artísticas, a presença do pocket show de Sylvinha Brasil, movimentou a Esquina.

Conceito – O Orgulho Gay, também conhecido como Orgulho LGBT é o conceito que apoia gays, lésbicas, bissexuais e transexuais a ter orgulho de sua orientação sexual. A palavra orgulho é usada como antônimo de vergonha que por muito tempo acompanhou os homoafetivos. O dia 28 de junho marca a Rebelião de Stonewall, episódio ocorrido em 1969 em Nova Iorque. Nessa data os frequentadores do bar Stonewall Inn reagiram a uma série de agressões policiais contra os gays, lésbicas e trans que frequentavam o local. O levante gerou a 1ª parada do Orgulho Gay, realizada em 1º de julho de 1970. Hoje as Paradas de Orgulho LGBT são realizadas em quase todos os países e em muitas cidades do Brasil. Entre os símbolos adotados pelo movimento estão a bandeira arco-íris, a letra grega lambda, o triângulo roda e a borboleta.