Celso de Mello e OAB rechaçam tese do governo de golpismo

 

O decano do Supremo, ministro Celso de Mello, disse que o impeachment não é golpe e que o objetivo da Lava- Jato é “expurgar a corrupção que tomou conta de governo e grandes empresas”. É o terceiro ministro do STF que rechaça a tese de golpe do governo. Para o presidente da OAB, Claudio Lamachia, impeachment “é remédio jurídico da democracia’.’ A reportagem completa está em O Globo.

Notícias Poder Política