Dívida dos Estados: Para Luiz Carlos Mendonça de Barros que foi um dos negociadores, juros compostos foram um erro, mas estão no previstos no acordo

 

Conversei hoje no programa Agora/Rádio Guaíba, com o economista e presidente da Foton Brasil, Luiz Carlos Mendonça de Barros. Na conversa, ele confirmou que os primeiros caminhões da marca Foton no Brasil, sairão da linha de produção da Agrale, em Caxias do Sul e que a fábrica de Guaíba vai produzir SUVs e carros da marca chinesa a partir de 2018. O empreendimento já em construção deve ser ampliado para receber as novas linhas de montagem, com aporte adicional feito exclusivamente pelos chineses de cerca de R$ 250 milhões.

Otimista, Mendonça de Barros disse ainda que o Brasil sairá rapidamente do momento de crise da economia brasileira. Ele projeta que já em 2017, o crescimento do País seja de 2% . Como ex-presidente do BNDES, ele foi um dos negociadores dos contratos de rolagem das dívidas dos Estados, no governo FHC. Na entrevista, ele explicou que foi contra a forma como foi negociada o reajuste dos contratos, mas segundo ele não há dúvida nenhuma que o previsto são os juros compostos.
Direito Economia Entrevistas Notícias Poder Política Vídeo

One comment

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *