Entrevista com ex-Chefe de Polícia Civil revela que políticos gaúchos estão pouco interessados no tema segurança

 

Junto com o repórter Eduardo Paganella/Rádio Guaíba, entrevistei nesta quinta-feira(11.02.2016) o ex-chefe da polícia Civil do RS, delegado Guilherme Wondracek.  Na conversa fica claro o pouco interesse dos políticos gaúchos em propor mudanças na legislação criminal e penal. Chefe de Polícia nos governos Tarso e Sartori, ele foi procurado por apenas um deputado federal para falar sobre segurança pública e a conversa como fica claro não evoluiu. Ele fez críticas a setores da mídia gaúcha e falou ainda sobre como foi comunicado da demissão, o trabalho que vinha executando e deu dicas de segurança para a população. De forma muito honesta disse temer estacionar o carro na rua e que nas madrugadas muitas vezes fura o sinal vermelho para não ficar parado em sinaleiras na Capital. Ao deixar o cargo, Wondracek lamentou a falta de recursos financeiros e de pessoal.

Direito Notícias Poder Política Segurança