Governo busca 56 votos para aprovar reforma ainda este ano Palácio do Planalto. Foto: EBC

Governo busca 56 votos para aprovar reforma ainda este ano

O governo calcula que faltam 56 votos para alcançar o mínimo necessário para aprovar a reforma da Previdência na Câmara. O plano de Michel Temer é obter esses apoios até o fim de semana para começar a discutir a proposta em plenário na segunda-feira. Para aprovar a reforma, o governo precisa de pelo menos 308 votos em cada uma das duas votações. Governistas dizem querer votar a proposta quando tiverem cerca de 330 garantidos. “Hoje temos 252 a favor e 140 indecisos”, disse Darcísio Perondi, vice-líder do governo na Câmara. Ontem, Temer disse que o governo não colocará o texto em votação se a base não garantir votos suficientes. “Eu acho que vai ser agora pelo que estou sentindo. Estou animadíssimo.” De olho nas eleições em 2018, parlamentares aproveitam as negociações para pressionar o governo a abrir os cofres e engordar o orçamento do fundo eleitoral. (O Estado de São Paulo)

Destaque