Grileiro pediu ajuda da PF para expulsar invasores de terras da União que ele invadiu antes Multado pelo Ibama em R$ 44 milhões e denunciado pelo MPF por lavagem de dinheiro, fazendeiro procurou Polícia Federal para se queixar de invasão à area de 5 mil hectares no Sul do Amazonas. O grileiro Dirceu Kruger, de Boca do Acre (AM), em seu depoimento à PF Foto: Reprodução

Grileiro pediu ajuda da PF para expulsar invasores de terras da União que ele invadiu antes

Denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF) em junho passado por lavagem de dinheiro oriundo de desmatamento ilegal, o grileiro Dirceu Kruger já estava na mira da Polícia Federal há anos, por um motivo pitoresco: ele procurou os agentes da PF para se livrar de invasores da terra que ele mesmo tinha invadido.

Na tarde do dia 27 de novembro de 2017, Kruger sentou-se diante de policiais federais na Superintendência da PF em Rio Branco (AC), com a cara e a voz de quem tinha um problema grande a resolver.

Homens estavam invadindo e loteando sua “propriedade” em Boca do Acre, no Sul do Amazonas.

Leia mais em O Estado de S.Paulo

Comunicação Destaque Notícias