Grupo de Temer diz ter 80% dos votos para rompimento. Desembarque do PMDB já é dado como certo também pelo Planalto Decisão do PMDB pode provocar saída de outros partidos da base.

Grupo de Temer diz ter 80% dos votos para rompimento. Desembarque do PMDB já é dado como certo também pelo Planalto

Aliados do vice-presidente Michel Temer diziam ontem já ter 80% dos votos do partido pelo rompimento com o governo Dilma. O Planalto também já está convencido de que o partido vai desembarcar e teme efeito dominó entre aliados. Até terça-feira, quando será decidido o rompimento, Temer buscará ainda mais adesões. Além do PMDB, o PP também já prepara afastamento, mesmo com a tática do Planalto de distribuir ministérios, informam EDUARDO BRESCIANI, JÚNIA GAMA e SIMONE IGLESIAS. Líderes de outras siglas da base, como PSD e PR, avisaram à presidente Dilma que não garantem o apoio das bancadas no processo de impeachment. A reportagem completa está em O Globo.

Notícias Poder Política