Ilan não deve ficar no BC

Ilan não deve ficar no BC

Nome preferido para comandar o Banco Central de Jair Bolsonaro, Ilan Goldfajn não deve ficar. Segundo fontes, Ilan admitiria ficar por uns seis meses. E depois voltaria para o setor privado. Porém, para o novo governo, o ideal era que permanecesse por dois anos, duração que se pretender dar ao mandato de presidente do BC.

Com a saída praticamente certa, Roberto Campos Neto desponta como favorito por suas qualidades técnicas e acadêmicas. Resta saber se aceitaria o convite. Outros nomes são Beny Parnes e Mário Mesquita, que também são cogitados.

Comunicação Destaque Notícias