Jornalista doa acervo particular sobre ditadura ao Estado José Mitchel foi correspondente do Jornal do Brasil em Porto Alegre. Foto: Reprodução/Jornal Já

Jornalista doa acervo particular sobre ditadura ao Estado

Nesta terça-feira, 19, a Biblioteca Pública do Rio Grande do Sul recebeu a doação do acervo particular de livros sobre a ditadura militar no Brasil do jornalista José Mitchel. Mais de 200 títulos foram entregues pelo profissional em cerimônia que faz parte da programação da Semana Estadual do Livro.

A diretora da Biblioteca Pública, Morganah Marcon, informou ao Coletiva.net que as obras mostram os dois lados da história e que serão muito importantes para a preservação da memória. “São muitos livros e documentos, inclusive materiais escritos pelo próprio Mitchel que, com certeza, serão muito bem aproveitados aqui na biblioteca”, falou.

Segundo Morganah, a motivação do jornalista foi preservar esse acervo com olhar jornalístico e compartilhá-lo com a sociedade. “O melhor lugar é uma biblioteca pública, aonde o material estará disponível gratuitamente para a comunidade”, falou.

Mitchel foi correspondente do Jornal do Brasil em Porto Alegre durante a ditadura e atuou como produtor da RBS TV. Ao longo de sua trajetória, foi reconhecido com o Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo, concedido pelo Movimento de Justiça e Direitos Humanos, com a reportagem publicada no Jornal do Brasil sobre a Operação Condor – aliança político-militar criada para reprimir a resistência aos regimes ditatoriais instalados nos seis países do Cone Sul. (Coletiva.net)

Cidade Comunicação Cultura Direito Notícias Poder Política

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *