Kadão Chaves lança “A força do tempo – Histórias de um repórter fotográfico brasileiro”. Sessão de autógrafos do livro ocorrerá no dia 13 de outubro

Kadão Chaves lança “A força do tempo – Histórias de um repórter fotográfico brasileiro”. Sessão de autógrafos do livro ocorrerá no dia 13 de outubro

Poucos profissionais do fotojornalismo no Brasil conseguem ter em suas biografias duas características que marcam a biografia do porto-alegrense Ricardo Chaves, o Kadão: participar ativamente da História que se desenrola em frente à sua câmara fotográfica e deixar que essa História invada sua vida através da paixão, das amizades criadas na correria do jornalismo e nas experiências que acabam também por fazer parte dessa mesma História. Nesse sentido, a força do tempo foi aliada de Kadão, lhe dando a oportunidade de viver o contemporâneo de sua cidade Porto Alegre, do Rio Grande do Sul, do Brasil e do Mundo ao longo de mais de 40 anos. O repórter fotográfico atuante pôde percorrer todos esses ambientes fotografando líderes mundiais, nacionais e locais; momentos políticos marcantes; eventos esportivos de diferentes níveis; personalidades e pessoas comuns; o cotidiano dos locais onde trabalhou e morou. Em qualquer uma dessas realidades, deixou não só a marca de fotojornalista como também a de seu humanismo marcante.

Sua vida pessoal e suas aventuras fotojornalísticas se confundem. Inclusive, parafraseando o livro “A força da idade”, de Simone de Beauvoir, podemos também dizer que em sua obra Kadão faz um retrato de sua época e traduz motivações e inspirações que o levaram a fotografar pela vida a fora.

Segundo o jornalista, curador e crítico de fotografia Rubens Fernandes Júnior, Ricardo Chaves é da época em que o fotojornalismo assumiu definitivamente sua condição de trazer em cada imagem informações que, de alguma forma, impactassem o leitor. “Ele soube fazer isso com maestria e pontuou sua presença na imprensa brasileira com imagens que ajudam a contar a história recente do Brasil.”

É essa trajetória que se justifica na produção deste livro-documento “A força do tempo – Histórias de um repórter fotográfico brasileiro”, no qual imagem e texto se completam, ajudando a contextualizar cada flagrante reproduzido ou fotografado pelo autor. Na obra, a vida pessoal de Kadão Chaves, desde que nasceu em Porto Alegre em 1951, se mistura com sua vida profissional, iniciada em 1969 e que, depois de passar pelas redações jornais e revistas nacionais, como Jornal do Brasil, O Estado de São Paulo, Veja, Isto É, retornou, em 1992, à sua cidade natal para assumir o cargo de diretor de fotografia de Zero Hora – e hoje assina a coluna Almanaque Gaúcho.

O livro de Kadão Chaves, ilustrado com centenas de imagens, tem produção da Quati Produções Editoriais, sob selo da Libretos Editora, com financiamento do Fumproarte, da Prefeitura Municipal de Porto Alegre. A edição é de Pedro Haase Filho e o design gráfico de Clô Barcellos.

 

O lançamento do livro, com sessão de autógrafos, será realizado no dia 13 de outubro (quinta-feira), a partir das 19h30, no Átrio do Centro Histórico-Cultural da Santa Casa – Av. Independência, 75 – Porto Alegre / RS.

O autor participará da programação da 62ª Feira do Livro de Porto Alegre no dia 9 de novembro, com apalestra Ricardo Chaves – A força do tempo, na Sala Oeste, do Santander Cultura, às 17h30min; e sessão de autógrafos a partir das 20h, no Pavilhão de Autógrafos.

 

Agenda Cidade Comunicação Cultura Destaque Poder Política Porto Alegre