Lula e Temer travam disputa pelo comando da Câmara

Lula e Temer travam disputa pelo comando da Câmara

A ala majoritária do PT negocia apoio ao candidato do DEM, Rodrigo Maia (RJ), na sucessão à presidência da Câmara. A ideia é que a oposição – PT, PCdoB e PDT – se una a antigos adversários, como DEM, PSDB e PPS, para enfrentar o Centrão, bloco que reúne cerca de 270 deputados e foi fundamental para aprovar o impeachment de Dilma Rousseff. Nos bastidores, a avaliação é de que Maia será o único capaz de enfrentar o candidato do Centrão, que pode ser Rogério Rosso (PSD-DF), apoiado pelo Planalto até agora. Para o grupo do ex-presidente Lula, só assim será possível se contrapor a Michel Temer. O Planalto quer um “perfil confiável” para o cargo. O governo depende de estabilidade para aprovar projetos. Além disso, o novo presidente terá a responsabilidade de analisar pedidos de impeachment contra Temer e será o primeiro na linha sucessória caso Dilma seja afastada definitivamente. (O Estado de São Paulo)

Notícias Poder Política

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *