Marchezan participa de encontro sobre inovação em Israel Chefe do Executivo de Porto Alegre é o único prefeito brasileiro a integrar o evento. Foto: Divulgação/PMPA

Marchezan participa de encontro sobre inovação em Israel

O prefeito Nelson Marchezan Júnior participou nesta segunda-feira, 12, em Jerusalém, de encontros com empreendedores que buscam aliar inovação ao turismo, no hub de Inovação Turística. A agenda integra a programação da 32ª Conferência Internacional de Prefeitos, que ocorre até o dia 16, em Jerusalém e Tel Aviv, com o tema Cidade Segura. Marchezan é o único prefeito brasileiro a participar do encontro.

Marchezan participou nesse domingo, 11, da abertura do evento, cuja programação contou ainda com um encontro com o fundador e presidente da Jerusalem Venture Partners (JVP), Erel Margalit, que falou sobre como criar mudanças sociais através da inovação. A JVP, fundada em 1993, criou e investiu em mais de 120 empresas em Israel, nos Estados Unidos e na Europa. A estratégia de investimento da JVP é liderada por uma profunda experiência na identificação de oportunidades desde o início e na sua expansão para líderes mundiais da indústria.

Jerusalém possui cerca de 5,5 mil startups que já receberam US$ 1 bilhão em investimento. Além disso, Israel está no topo da lista, ao lado da China, com o maior número de empresas com capital na bolsa americana Nasdaq. O país é um dos líderes globais em alta tecnologia, atuando no desenvolvimento de softwares, comunicações e ciências da vida

A programação reúne apresentações de empreendedores, CEOs de empresas de alta tecnologia e de gestores públicos com experiência em inovação.

Para esta terça-feira, 13, está prevista a ida da comitiva de participantes ao Centro de Comando da Motorola, em Tel Aviv, que opera em conceito de cidade inteligente, com sistema projetado para melhorar a segurança em situação de rotina e de emergência. Tel Aviv é um importante centro econômico, sedia a Bolsa de Valores de Tel Aviv, além de escritórios corporativos e centros de pesquisa e desenvolvimento. A cidade é a capital financeira do país e um dos principais centros financeiros e de artes cênicas. Tel Aviv tem a segunda maior economia do Oriente Médio, depois de Dubai. O prefeito Ron Huldai está no comando desde 1998.

Destaque