Entre os homenageados, o médico Arnaldo José da Costa Filho, registrado no Cremers com o número 378. Foto: MUHM

OAS pagou móveis de sítio em dinheiro, diz testemunha

Um funcionário da empresa Kitchens afirmou em depoimento ao Ministério Público que a empreiteira OAS pagou em dinheiro vivo eletrodomésticos e móveis da cozinha e da área de serviço do sítio em Atibaia frequentado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua família. Ele relatou ter recebido a primeira parcela, de R$ 50 mil, em espécie. O total foi de R$180 mil. A testemunha, cujo nome não foi revelado, ainda confirmou que a compra foi negociada pelo ex-executivo da empreiteira Paulo Gordilho.(O Estado de São Paulo)

Notícias Poder Política