PF prende vice-governador de MG, Joesley Batista e Ricardo Saud em investigação sobre suposto esquema na Agricultura Crimes teriam ocorrido durante o governo Dilma Rousseff (PT). Agentes cumprem 62 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba e Mato Grosso.Crimes teriam ocorrido durante o governo Dilma Rousseff (PT). Agentes cumprem 62 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba e Mato Grosso.

PF prende vice-governador de MG, Joesley Batista e Ricardo Saud em investigação sobre suposto esquema na Agricultura

O vice-governador de MG, Antonio Andrade (MDB), e os executivos da JBS Joesley Batista, Ricardo Saud e Demilton de Castro foram presos nesta sexta-feira (9) em uma operação que investiga suposto esquema de corrupção no Ministério da Agricultura durante o governo da presidente Dilma Rousseff (PT).

A PF também faz buscas no gabinete de Andrade. No total, são 62 mandados de busca e apreensão em Minas, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba e Mato Grosso do Sul.

A operação, um desdobramento da Lava Jato, foi batizada de Capitu e é baseada na delação do doleiro Lúcio Funaro, apontado como operador do MDB.

Leia mais em G1

Comunicação Destaque Notícias