Plano de recuperação judicial da Artecola é homologado em menos de uma semana Prazo recorde entre aprovação na assembleia de credores e homologação pelo juiz é resultado do esforço entre as partes para construir uma solução viável a todos.

Plano de recuperação judicial da Artecola é homologado em menos de uma semana

O plano de recuperação Judicial da Artecola foi homologado, na tarde desta quinta-feira (3), pelo juiz Alexandre Kosby Boeira, da Vara de Falências e Concordatas da Comarca de Novo Hamburgo. A aprovação pelos credores em assembleia tinha ocorrido na última sexta-feira (27). O prazo de menos de uma semana para a homologação pela Justiça é avaliado como forte indicativo de solidez da proposta. “Tivemos um trabalho muito ajustado entre nossa equipe interna e a consultoria jurídica que nos assessorou ao longo do processo”, ressalta o presidente executivo da Artecola, Eduardo Kunst. “Além disso, a administradora judicial também foi muito presente na construção dessa proposta. Todos convergiram para que tivéssemos um plano realista e capaz de viabilizar o entendimento entre as partes envolvidas”, enfatiza Kunst.

Designado pela Justiça, o administrador judicial Laurence Medeiros vê a efetiva concessão da recuperação judicial como um marco importante no processo de reestruturação da companhia. “A aprovação do plano demonstra que a empresa possui credibilidade com seus credores e o mercado. E permitirá a retomada do crescimento, possibilitando o cumprimento do plano proposto”, avalia Laurence Medeiros, da Medeiros & Medeiros Administração Judicial.

Gilberto Gornati, sócio do escritório Thomaz Bastos, Waisberg, Kurzweil Advogados, também destaca o papel de cada grupo na homologação. “Recuperação judicial não se constrói e não se resolve por iniciativa de apenas uma das partes. Tivemos a clara demonstração de confiança dos credores para a reestruturação da empresa. A equipe da Artecola, todo o histórico da companhia e o potencial de se reerguer, junto a esse voto de confiança, são os componentes que levaram ao resultado positivo”, avalia o advogado que assessora a empresa. O escritório é especializado em reestruturação de operações societárias e financeiras, entre outras competências.

HISTÓRICO – O processo de recuperação judicial da Artecola se iniciou em 5 de fevereiro de 2018, com o encaminhamento do pedido à Justiça e, na sequência, seu deferimento. O plano aprovado prevê o pagamento negociado de todos os credores, definindo prioridades e estabelecendo prazos e formas de liquidação. “Nosso objetivo sempre foi preservar a saúde financeira do negócio químico, que é a origem de nossa empresa, um negócio saudável, capaz de produzir resultados positivos a todas as partes interessadas e seguir gerando valor”, ressalta o Presidente Executivo. “Estamos aprendendo muito neste período, e esse aprendizado resultará em uma empresa muito melhor e mais eficiente”, assegura.

A ARTECOLA – Com 71 anos completados no dia 5 de maio de 2019, a Artecola se insere no grupo de menos de 0,4% das empresas brasileiras (dados do IBGE) que alcançam essa maturidade. Na atual estrutura, a empresa conta com três áreas de negócios: Indústria (com adesivos e laminados especiais para aplicações nos mais diversos segmentos industriais, como calçadista, moveleiro, papel e embalagem, automotivo e construção civil), Consumo (através da marca AFIX®, oferece um portfólio completo em soluções para construir e reformar, atendendo tanto o especialista como o usuário do “faça você mesmo”), e Extrusão (chapas termomoldáveis diferenciadas, de alta performance e sustentáveis para os segmentos automotivo, moveleiro, sanitário e de equipamentos). No Brasil, mantém unidades no Rio Grande do Sul e São Paulo, e está presente em outros cinco países da América Latina (Argentina, Colômbia, Chile, México e Peru) com nove plantas produtivas.

A visão para o futuro próximo é clara: Se manter como referência em soluções diferenciadas, sustentabilidade social e ambiental e solidificar ainda mais a reputação da marca institucional. “Estamos energicamente alinhados a esse princípio e renovados com muita determinação e confiança nos novos rumos da organização”, finaliza Eduardo Kunst. Mais informações podem ser obtidas em www.artecolaquimica.com.br e nas mídias sociais da Artecola Química.

Destaque Direito