Porto Alegre: Prefeitura republica edital para obras do trecho 3 da Orla Foto: PMPA/PMPA

Porto Alegre: Prefeitura republica edital para obras do trecho 3 da Orla

A Prefeitura republicou o edital de licitação para obras do trecho 3 da Orla do Guaíba. A decisão foi anunciada nesta quarta-feira, 15, pelo prefeito em exercício de Porto Alegre, Gustavo Paim, a partir de algumas sugestões apontadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). “Por se tratar de uma concorrência internacional de grande relevância para a Capital, acolhemos algumas sugestões do TCE e ajustamos o edital para republicação no Diário Oficial de Porto Alegre (DOPA) e no Diário Oficial da União (DOU)”, explica Paim.

Com a republicação do edital, o prazo para o recebimento das habilitações começa a contar do zero. “Tivemos muitos contatos de empresas nacionais e internacionais que apresentaram questionamentos sobre o edital e solicitaram disponibilização de arquivos, o que demandava um tempo extra para análise das exigências. Com mais 30 dias, certamente teremos ainda mais interessados na licitação”, observa Paim, ressaltando a transparência no processo. “Conforme orientação do prefeito Marchezan, sempre estamos abertos a receber boas sugestões para aprimorar nosso trabalho. É o que fizemos neste caso”, afirma.

O documento agora inclui adequações como alteração do índice de reajuste contratual para o INCC (Índice Nacional de Custo da Construção) e mudança na composição para serviço de aterro em função do volume previsto para este componente. Na modalidade concorrência internacional, a licitação definirá a empresa responsável pelas obras de revitalização do trecho 3 da Orla, compreendido entre a foz do Arroio Dilúvio, na avenida Ipiranga, até o Parque Gigante. Os interessados poderão submeter os documentos exigidos no ofício até o dia 21 de junho.

Projeto – A área de intervenção é de 15,2 hectares (1,6 km) ao longo da Orla, com aproximadamente 200 vagas de estacionamento no canteiro central da avenida Edvaldo Pereira Paiva, mais de 550 árvores dos tipos cedro, figueira, jerivá, cerejeira e coronilha, três estruturas de bares idênticas às que estão em funcionamento no trecho 1, quadras para prática esportiva, vestiários e a maior pista de skate da América Latina certificada pela Confederação Brasileira de Skate e pelo Comitê Olímpico Brasileiro.

Recursos – Com investimento na ordem de R$ 57 milhões, a Prefeitura executará a obra com recursos provenientes do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), do Fundo Municipal de Iluminação Pública, do DMAE e do Tesouro Municipal.

Comunicação Destaque Notícias