Prefeito de Jaguari renuncia para assumir cargo no governo Temer.  João Mário Cristofari assume posto diretivo no Ministério do Desenvolvimento Social; por Ananda Müller/Rádio Guaíba Ex-prefeito de Jaguari João Mário Cristofari e Ministro Osmar Terra. Foto Arquivo: Blog do Felipe Domingos

Prefeito de Jaguari renuncia para assumir cargo no governo Temer. João Mário Cristofari assume posto diretivo no Ministério do Desenvolvimento Social; por Ananda Müller/Rádio Guaíba

O prefeito de Jaguari, João Mário Cristofari (PMDB) renunciou, nesta terça-feira, para ocupar um cargo de direção no Ministério do Desenvolvimento Social. Cristofari assume posto junto ao ministério chefiado pelo também gaúcho Osmar Terra (PMDB), e vê na oportunidade uma chance de alavancar a região Central do Estado junto ao governo federal. A carta de renúncia foi entregue hoje, e a nomeação passa a tramitar já nesta quarta.

“Esta é uma situação nova, há oito dias houve o convite que ontem se confirmou. Discuti com meu grupo político e foi de entendimento de todos que deveríamos abraçar essa oportunidade de espaço para a região”, disse. Cristofari reforçou que existe uma carência de representatividade do Centro do Estado em Brasília no que tange aos municípios: “mesmo com os nossos deputados, o movimento municipalista, dos prefeitos, existe essa carência. Mesmo sendo um cargo de direção, existe essa ocupação de espaço que nos dá essa possibilidade de interagir com outros ministérios também e que poderá nos dar a condição de gestionar e inserir a nossa região neste contexto nacional.”

No próximo dia 9, João Mário se muda para Brasília, e espera assumir até o dia 13 de junho. A nomeação oficial depende da inclusão do nome do político no Diário Oficial da União.

Prefeito reverteu cassação em 2014

Em 18 de junho de 2014, os mandatos de João Mário Cristófari (PMDB) e do vice Sidi Santos (PT) foram cassados pela juíza Eleitoral Larissa de Moraes Morais, de Cacequi. Ambos foram acusados de compra de votos ainda durante o pleito de 2012. Entre os meses de junho a novembro, assumiu a prefeitura a presidente da Câmara, Cátia Siqueira, do Solidariedade. Após recorrer ao Superior Tribunal Eleitoral (TSE), Cristofari e o vice, além de dois vereadores, conseguiram reverter a decisão e voltaram aos cargos.

Destaque Direito Poder Política

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *