RS: Comarca de Lajeado entrega certificado para novas facilitadoras judiciais Equipe é a primeira certificada na Brasil e atuará na resolução de demandas extrajudiciais. Foto: Luís Fernando Wagner

RS: Comarca de Lajeado entrega certificado para novas facilitadoras judiciais

Solenidade ocorrida na manhã desta segunda-feira (10), no Foro da Comarca de Lajeado, marcou a entrega do certificado para seis novas facilitadoras judiciais, que passam a atuar na comarca local. Conforme o coordenador do Foro, juiz Luís Antônio de Abreu Johnson, é a primeira equipe a receber a certificação no Brasil.

As facilitadoras atuarão na resolução de demandas extrajudiciais, ou seja, tentarão resolver questões na área do direito de família, relações de consumo, entre outras, sem a necessidade de abertura de processo. “Esta medida, sem dúvida nenhuma, contribuirá para desafogar o nosso sistema Judiciário, já abarrotado de processos. Além disso, vai acelerar, desburocratizar e, sobretudo, humanizar a resolução de conflitos”, ponderou o promotor público Sérgio da Fonseca Diefenbach.

Johnson explica que medida atende à diretriz da Organização das Nações Unidades (ONU). “Seguindo recomendação da ONU e do Conselho Nacional de Justiça, por iniciativa do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, iniciamos em Lajeado uma nova forma de fazer Justiça, a fim de solucionar conflitos e pacificar a sociedade. O grupo de voluntárias participou de um curso de formação teórica e prática em Justiça Restaurativa, com ênfase na metodologia dos círculos de construção da paz, que já ocorrem em outros locais aqui em Lajeado, como em escolas”, comenta o magistrado.

As facilitadoras judiciais que receberam os certificados foram Simone Sarate Pozza, Marise Elise Jommertz, Carmen Lúcia Sampaio Spalding, Pricilla Hasteteufel, Josiane Pezzi e Elisângela Becker.

A repartição funciona junto ao Centro Judiciário de Mediação de Conflitos e Cidadania, situado no 6º andar do Foro da Comarca de Lajeado, no Bairro Moinhos.

Comunicação Destaque Notícias