RS: Faleceu o Professor e Jornalista Sérgio Reis

RS: Faleceu o Professor e Jornalista Sérgio Reis

Capturar 2Faleceu no final desta quarta-feira, no Complexo Santa Casa onde estava internado o jornalista portoalegrense Sérgio Luiz Puggina Reis. Ele foi uma das “peças-chave” na implantação da tecnologia no Rio Grande do Sul, em dezembro de 1959. Sérgio Reis foi convidado a fazer um curso na TV Tupi, no Rio de Janeiro, para dirigir a TV Piratini de Porto Alegre – na época canal 5. Houve, então, a inauguração da primeira emissora de televisão do Estado. O destaque alcançado na produção e apresentação televisivas na TV Piratini fez com que assumisse, aos 23 anos, o cargo de Diretor de Programação da emissora TV Gaúcha, hoje RBS TV. Aceitar o cargo voltado ao ramo administrativo afastou Reis do jornalismo, por um curto período. Ao perceber o distanciamento com a profissão, não teve dúvidas: abdicou de um salário mais alto para retornar às funções de jornalista. Além de participar da inauguração das TVs Difusora, Gaúcha e Guaíba, Reis exerceu as funções de diretor de programação e apresentador de programas nestas emissoras. Após uma temporada de trabalhos nos Estados Unidos, pela Rede Difusora de Comunicações, Reis foi diretor, em 1972, na primeira transmissão de TV a cores no Brasil. O marco na história da televisão brasileira ocorreu durante a Festa da Uva, em Caxias do Sul, em 19 de fevereiro daquele ano. Ainda em 1972, Reis foi diretor da TV Rio, até sua falência em 1976. Após o episódio de insucesso, Reis retornou às origens: TV Gaúcha. Lá permaneceu até 1979, quando migrou para a TV Guaíba, onde trabalhou até 1983. Em 2010, aos 72 anos, o jornalista optou por seguir a vida acadêmica e obter o título de Mestre. A decisão foi estimulada pelo desejo de satisfação pessoal e da experiência positiva adquirida ao ministrar aulas de Radialismo. Enquanto concluía o mestrado na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC/RS), apresentava programas de televisão na Rede Vida. O rompimento com a televisão ocorreu em 2011, ao perceber dificuldades para se encaixar na TV, em decorrência da idade. Longe dos estúdios, atualizou o currículo com o mestrado em jornalismo e distribuiu cópias às universidades. O ingresso na Univates ocorreu no primeiro semestre de 2013, com mediação do professor Leonel José de Oliveira.

Mais detalhes à seguir

Comunicação Destaque Notícias