Saída de Bolsonaro do PSL deverá impactar nas bancadas gaúchas. Deputados estaduais e federais poderão também deixar o partido; por Mauren Xavier/Correio do Povo Deputado estadual Tenente Coronel Zucco acredita que Bolsonaro realmente deverá deixar o partido | Foto: Reprodução / Facebook / CP

Saída de Bolsonaro do PSL deverá impactar nas bancadas gaúchas. Deputados estaduais e federais poderão também deixar o partido; por Mauren Xavier/Correio do Povo

As recentes informações de que o presidente Jair Bolsonaro deverá deixar o PSL têm repercurtido no Rio Grande do Sul e poderá provocar mudanças na composição da bancada do partido. O deputado estadual Tenente Coronel Zucco  (PSL), que está hoje em Brasília para audiência no Ministério da Educação, disse que o clima está difícil, em função de recentes manifestações de partidários. “Confesso que esse partido é imaturo”, resumiu.

Zucco disse acreditar que Bolsonaro deverá realmente deixar a sigla. Nesse movimento, outros deputados gaúchos do PSL também indicam que seguirão esse caminho. No caso da Assembleia Legislativa, a bancada atualmente tem três representantes, sendo que destes dois já deram esse indicativo. Além de Zucco, Vilmar Lourenço pode acompanhar o presidente Jair Bolsonaro.  “Estamos conversando e esse é o cenário”, ressaltou Zucco.

Leia a íntegra da reportagem no site do Correio do Povo.

Destaque