Sartori formaliza escolha de Fabiano Dallazen para o comando do MP gaúcho. Promotor era o mais votado em lista tríplice entregue ontem ao governador Fabiano Dallazen

Sartori formaliza escolha de Fabiano Dallazen para o comando do MP gaúcho. Promotor era o mais votado em lista tríplice entregue ontem ao governador

O governador José Ivo Sartori formalizou, na tarde de hoje, a escolha do promotor de Justiça Fabiano Dallazen para o comando do Ministério Público Estadual. Dallazen havia sido o mais votado, em uma consulta que durou dez dias, e ficou em primeiro lugar em uma lista tríplice entregue ontem a Sartori. Também concorreram ao cargo o também promotor Fernando Cesar Sgarbossa e o procurador Luiz Henrique Barbosa Lima Faria Corrêa. Dallazen toma posse em junho e ficar no cargo até 2019.

“O @mp_rs exerce elevada função, reconhecida pela sociedade gaúcha”, escreveu Sartori no Twitter, ao cumprimentar os concorrentes e o procurador-geral de Justiça Marcelo Dornelles, que entrega o cargo no dia 9 do mês que  vem.

Saiba detalhes

Fabiano Dallazen recebeu 582 votos, Fernando Cesar Sgarbossa, 166 e Luiz Henrique Barbosa Lima Faria Corrêa, 73. Sartori não era obrigado a escolher o mais votado, embora tenha sido a tradição, na maioria das vezes.

A votação eletrônica ocorreu, de forma ininterrupta, desde o dia 11 e se encerrou ao meio-dia de sábado, quando a Comissão Eleitoral proclamou o resultado à classe. A votação contou com a participação de 680 dos 701 procuradores e promotores de Justiça que compõem o colégio eleitoral da Instituição.

Dallazen, que ocupa hoje o cargo de subprocurador-geral de justiça para assuntos institucionais, obteve 70,9% dos votos, Sgarbossa 20,2% e Corrêa 8,9%. (Rádio Guaíba)

Destaque