Porto Alegre: Asun adota canteiro central da Plínio Brasil Milano Assinatura do termo aconteceu na manhã desta segunda-feira. Foto: Rafaela Redin/SMSURB PMPA

Porto Alegre: Asun adota canteiro central da Plínio Brasil Milano

A Secretaria Municipal de Serviços Urbanos de Porto Alegre (SMSUrb) assinou com a rede de supermercados Asun, nesta segunda-feira, 4, o termo de adoção do canteiro central da avenida Plínio Brasil Milano, no bairro Boa Vista. O trecho adotado contempla a via entre a avenida dos Industriários e a avenida Engenheiro Alfredo Corrêa Daudt. Nestes 500 metros, aproximadamente, a empresa vai realizar serviços de roçada, capina, varrição e pintura de meio-fio, pelo prazo de 1 ano, prorrogável por igual período. Em contrapartida, o Asun poderá colocar placas de divulgação da sua marca. A adoção deste trecho do canteiro central da avenida Plínio Brasil Milano desonera os cofres públicos em pelo menos R$ 15.871,78, que é o custo anual de manutenção do local. O valor de R$ 1.322,65 mensais equivale aos serviços básicos de capina, roçada, varrição e pintura de meio-fio.

“Pequenas mudanças ajudam a mudar a cara de Porto Alegre, pois incentivam as pessoas a melhorarem também seus espaços e isto vai sendo copiado por todos na volta. Assim, com a adoção de verdes complementares, buscamos parceiros que pretendam fazer a diferença”, afirma o secretário municipal de Serviços Urbanos, Ramiro Rosário. “Agradecemos à prefeitura pela oportunidade de cuidar do local e nos comprometemos a honrar este espaço, deixando-o mais bonito. A ação não só valoriza a nossa loja, mas também o bairro e a cidade”, diz o diretor da rede Asun, Antonio Ortiz Romacho.

Estiveram presentes também o delegado do Orçamento Participativo (OP) da Região Noroeste e presidente da Associação de Moradores e Amigos do Obirici, Paulo Paquetá, e o conselheiro do OP e presidente da Associação dos Moradores do Higienópolis, Vendelino Gnewuch.

Adoções de Verdes Complementares – São considerados verdes complementares as rotatórias e os canteiros centrais e laterais de vias públicas. Atualmente, há cerca de 400 espaços disponíveis para adoção na Capital, 13 deles estão em processo de análise e 3 concluídos, sendo o quarto processo a adoção da avenida Plínio Brasil Milano.

O Manual de Verdes Complementares e a Carta de Intenção de Adoção podem ser conferidos através do link: https://prefeitura.poa.br/smsurb/projetos/verdes-complementares. O decreto de Adoção de Verdes Complementares foi assinado pelo prefeito de Porto Alegre em março de 2018. Em novembro do mesmo ano, foram encaminhados para a Câmara de Vereadores projetos de lei que visam a concessão e adoção de espaços urbanos por pessoas físicas e jurídicas.

Outros locais adotados – No dia 25 de setembro de 2018, foi assinada a adoção da avenida Goethe (da 24 de Outubro até a Mostardeiro) com as empresas Melnick Even, Zaffari, Panvel e Hospital Moinhos de Vento. Ainda em 2018, foram firmadas as adoções do canteiro da Avenida Edgar Pires de Castro, na esquina com a Avenida Juca Batista, pela Helton Cunha Advogados, e o canteiro central da Avenida Wenceslau Escobar, entre as ruas Almirante Câmara e Afonso Álvares, pelo Restaurante Manifesto.

Locais com edital para adoção – No dia 31 de outubro de 2018, foi lançado edital de Chamamento Público para adoção dos canteiros centrais da Avenida Ipiranga, dividido em três trechos. Já no dia 9 de novembro, os editais para adoção dos canteiros centrais da avenida Severo Dullius e do Largo Edgar Koetz (rodoviária) também foram publicados no Diário Oficial.

Cidade Comunicação Economia Negócios Notícias Porto Alegre prefeitura