Sartori participa de reunião de governadores com ministro da Fazenda em Brasília

Notícias Poder Política
Governadores se reuniram na residência oficial do governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg. (foto: Wilson Dias/Agência Brasil)
Governadores se reuniram na residência oficial do governador do DF, Rodrigo Rollemberg. (foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

Dez governadores e um vice-governador se reuniram na tarde desta segunda-feira (28), em Brasília, com o novo ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, para apresentar uma agenda de propostas na área econômica.

De acordo com o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, os governantes estaduais apresentaram ao Executivo federal uma lista com sete pontos definidos em uma reunião realizada no início da tarde desta segunda, em Brasília.

O encontro dos governadores foi organizado por Rollemberg. Na reunião – que ocorreu na residência oficial do governo do Distrito Federal – participaram os governadores Luiz Fernando Pezão (RJ), Geraldo Alckmin (SP), Marconi Perillo (GO), Marcelo Miranda (TO), Fernando Pimentel (MG), Rui Costa (BA), Wellington Dias (PI), José Ivo Sartori (RS) e Paulo Câmara (PE), além do vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão.

Ainda segundo Rollemberg, também ficou decidido que os governadores irão se reunir mensalmente para discutir propostas na área econômica.

“Nós decidimos criar um fórum permanente de governadores que se reunirá todos os meses para construir uma agenda comum para o país, uma agenda de curto prazo e uma de longo prazo, que envolva as reformas estruturantes. Para este momento, construímos uma agenda de sete pontos que levaremos para o ministro Nelson Barbosa”, ressaltou o governador do Distrito Federal. (O Sul)

PF deflagra nova fase da Operação Zelotes

Notícias Política

PF deflagra nova etapa da Operação Zelotes. Foto: PF / Divulgação

A Polícia Federal deflagrou, nesta segunda-feira, uma nova fase da Operação Zelotes, que investiga organizações criminosas que atuavam na manipulação do trâmite de processos e no resultado de julgamentos no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF). Cerca de cem policiais federais dão cumprimento a 33 mandados judiciais, sendo seis de prisão preventiva, 18 de busca e apreensão e 9 de condução coercitiva no Distrito Federal e nos estados de São Paulo, Piauí e Maranhão.

Esta nova etapa da operação aponta que um consórcio de empresas, além de promover a manipulação de processos e julgamentos dentro do CARF, também negociava incentivos fiscais a favor de empresas do setor automobilístico.

As provas indicam provável ocorrência de tráfico de influência, extorsão e até mesmo corrupção de agentes públicos para que uma legislação benéfica a essas empresas fosse elaborada e, posteriormente, aprovada.

Entenda o caso

A Operação Zelotes foi deflagrada no dia 26 de março deste ano com o objetivo de desarticular organizações criminosas que atuavam junto ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais – CARF, causando grande prejuízo aos cofres públicos.

Os crimes investigados na operação são: Advocacia Administrativa Fazendária, Tráfico de Influência, Corrupção Passiva, Corrupção Ativa, Associação Criminosa, Organização Criminosa e Lavagem de Dinheiro.

Mandados 

DF – 3 de prisão preventiva, 9 de busca e 2 de condução coercitiva

SP – 2 de prisão preventiva, 8 de busca e 4 de condução coercitiva

PI – 1 de prisão preventiva, 1 de busca e 2 de condução coercitiva

MA – 1 de condução coercitiva                                                                                         (Rádio Guaíba)