Porto Alegre: Reunião encaminha parceria entre entidades empresariais e a Brigada Militar

Porto Alegre: Reunião encaminha parceria entre entidades empresariais e a Brigada Militar

Cidade Destaque Poder Política Porto Alegre Segurança Turismo

Foi encaminhada, nesta quinta-feira (15/09), parceria entre entidades empresariais e a Brigada Militar, com o objetivo de unir esforços para contribuir com a atuação da polícia. As entidades manifestaram interesse em trabalhar em conjunto e colaborar com as necessidades do efetivo. O encontro foi uma continuidade das ações em benefício da segurança pública do estado. Na terça-feira (13), as entidades encontraram com o secretário de Segurança Pública do RS, Cezar Schirmer, para declarar apoio à instituição. “Também queremos ser porta-vozes da Brigada Militar e suas necessidades, como forma de apoio a sua atuação”, ressaltou o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse.

agenda-bm2Uma das ideias é a criação de um comitê permanente com a participação da Brigada e representantes das categorias para discussão de ações efetivas. O Comandante-Geral da Brigada, Cel. Alfeu Freitas Moreira, destacou a importância da participação da Sociedade Civil Organizada na construção de convênios, como a Operação Avante. Ele apontou como exemplo, a necessidade de mais eficiência na comunicação e a carência de tecnologia. “Podemos construir projetos que atendam essas necessidades”.

O presidente do Sindicato de Hospedagem e Alimentação de POA e Região, Henry Chmelnitsky, fez questão de reforçar que as entidades empresariais estão juntas com a Brigada para construir soluções que se transformem em medidas para a sociedade. “Para sermos mais eficazes, a ideia é implantarmos as ações, em um primeiro momento, de Porto Alegre e Região”.

Ficou acertado que uma nova reunião será agendada para que seja definido de que forma as entidades poderão atuar para contribuir. “Queremos identificar uma necessidade da Brigada Militar que possa ser encampada e suprida pelas nossas entidades para fortalecer a segurança pública”, completou o presidente da CDL POA, Alcides Debus.

Fazem parte da iniciativa as entidades que integram o Fórum Permanente da Segurança Pública: Sindha, Sindilojas Porto Alegre, CDL POA, Setcergs, Sinepe/RS, SHPOA, Secovi, Fecomércio, Sindiótica, ACPA, Federasul, Agas, FCDL-RS, CRC-RS, OAB RS, Sindigêneros RS, Ajorsul, Sescon-RS, Porto Alegre Convention & Visitors Buerau, Lide, Sinprofar RS, IEE, Sincodiv RS, Fenabrave, Sicopeças, Sinprofar e Sindiatacadistas.

Sem explicar como, Schirmer diz que prioridade da Segurança é criar vagas em presídios. Secretário esteve reunido nessa manhã com a cúpula da Segurança no RS

Sem explicar como, Schirmer diz que prioridade da Segurança é criar vagas em presídios. Secretário esteve reunido nessa manhã com a cúpula da Segurança no RS

Destaque Segurança

O novo titular da pasta da Segurança Pública do Estado, Cezar Schirmer, reuniu-se na manhã de hoje com representantes da Brigada Militar, Polícia Civil, Instituto Geral de Perícias e Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe). O objetivo era tomar ciência do cenário problemático da pasta e propor as primeiras medidas.

Conforme Schirmer, as ações vão se concentrar em agilizar e superar burocracias para implementar propostas, o que prevê a contratação de servidores, abrir novas vagas em penitenciárias, mantendo bandidos presos e aumentar o número de PMs nas ruas.

O secretário foi questionado sobre as medidas que serão adotadas para aumentar, imediatamente, as vagas nas penitenciárias. Ele disse que o tema é uma prioridade dentro da pasta, mas não explicou quais medidas serão adotadas.

“Eu ainda estou focado na prefeitura de Santa Maria. Quinta-feira devo assumir. Tão logo assuma, vamos nos debruçar sobre este assunto. Ouvi da superintendente da Susepe que, com criatividade e recursos, é possível ampliar o número de vagas. O governo aumentou, nos últimos dois anos, cerca de 5 mil novas vagas. Isso não corresponde à necessidade, que é muito maior. Este é um assunto muito relevante, afirmou Schirmer, sem detalhar proposições.

O número de vagas abertas recentemente pela Susepe em presídios é inferior a 5 mil. A população carcerária, em contrapartida, apresentou elevação e bateu recorde neste ano, com mais de 34 mil apenados.

Sobre o convite para assumir a pasta, Schirmer disse que o governador convocou um amigo de vários anos ‘de graça’. O secretário ponderou que as mudanças ocorrerão a longo prazo.

“Ele tem consciência da dimensão do desafio. E eu tenho um pouco de loucura de aceitar esse desafio e dedicar o melhor das minhas energias, vigor e experiência para este enfrentamento. Não se muda uma realidade do dia para a noite”, disse.

Nesta tarde, Cezar Schirmer irá a Santa Maria, onde vai cumprir compromissos como prefeito. Ele deve permanecer na região central do Estado até a próxima quarta-feira. (Eduardo Paganella / Rádio Guaíba)