Advogado gaúcho será único latino-americano em fórum sobre transparência na Suíça

Advogado gaúcho será único latino-americano em fórum sobre transparência na Suíça

Cidade Direito Economia Negócios Notícias Poder

06adcc058ea24b4c7eb9796766205ec4_400x400– Os episódios recentes ensejam uma profunda reflexão sobre as estruturas do Futebol, bem como as práticas e políticas vigentes. A partir da ação das autoridades criminais americanas e suíças, cai por terra a ideia de impermeabilidade absoluta do sistema. Aliás, a própria retirada da inviolabilidade de sede da Conmebol, por parte do Congresso Paraguaio, também ilustra esta nova realidade – destacou o advogado Daniel Cravo, organizador do Congresso Internacional Contemporâneo em Porto Alegre.

Cravo participará de um debate sobre a normativa da Fifa que proíbe a participação de investidores nos direitos econômicos de atletas – em vigor de forma plena desde maio de 2015. Algo bastante contestado na realidade sul-americana, principalmente, e por clubes de Portugal, que regularmente utilizavam do expediente para competir com grandes equipes europeias.

– O fato é que a proibição está em vigor, e o aspecto que será analisado no Fórum é se a determinação da Fifa contribuiu ou não para uma maior transparência e integridade no futebol, e de que forma. É óbvio que a questão do direito econômico precisava ser regulada, mas sua extinção não é o caminho. Não se pode demonizar uma ferramenta que, com os ajustes adequados, poderia ser utilizada de forma benéfica ao crescimento do próprio esporte. Devemos lembrar que a integridade anda de mãos dadas com a ética, e, neste sentido, a adoção abrupta de um novo sistema (sem os direitos econômicos), que beneficia claramente um segmento específico deste mercado, agravando ainda mais a situação de sujeição de participantes mais humildes, teria sido a mais acertada? – questiona.

Há dois meses, Porto Alegre recebeu temáticas semelhantes ao abrigar a 4ª edição do Congresso Internacional de Direito Desportivo Contemporâneo. No encontro europeu, além de advogados especialistas, membros da esfera pública e do alto escalão do esporte têm presença confirmada: Javier Tebas (Presidente da Liga Espanhola de Futebol), Lars Olsson (Presidente da Liga Sueca de Futebol e ex-CEO da UEFA), Miguel Cardenal (Secretário de Esporte da Espanha), Alasdair Bell (Diretor legal da UEFA), Mark Goddar (Diretor geral do Sistema de Transferência (TMS) da Fifa), Sir Ian Kennedy (Membro do Parlamento de Autoridades Independentes do Reino Unido) e Leonard McCarthy (vice-presidente do Banco Mundial), dentre outros.

Afora a temática do direito econômico, serão apreciados assuntos como “Supervisão Financeira das Entidades Esportivas”; “Clubes-ponte: artifícios para infiltrações criminosas”; “Apelo mundial e Sucesso comercial do Esporte”; e “Boa Governança Esportiva”. (GloboEsporte.com)

Expointer: “Montada”em cavalo crioulo Jornalista Camilla Menezes conduz projetos em Esteio

Comunicação Economia Expointer Negócios Notícias
Camilla Menezes | Crédito: Nattan Carvalho
Camilla Menezes | Crédito: Nattan Carvalho

Tchê! Eu me surpreendo todo os dias com as notícias da mídia local. Sinceramente eu imaginava que a Camilla Menezes estava radicada em São Paulo ou no exterior. Não tinha a menor ideia de que ela está aqui nos pagos comemorando pelo segundo ano consecutivo a presença de clientes fortes como o cavalo crioulo na Expointer. A última vez que soube dela, foi em um rápido papo com o pai da jornalista. Orgulhoso da menina, me disse que ela estava morando no exterior e seguia trabalhando como jornalista. Tinha colaborado e trabalhado nas redações da CNN Internacional (Londres) da Deutsche Welle (Bonn/Alemanha) e Rádio ONU (Nova Iorque). Conheci a Camilla na Band, séria e correta. Como todo bom filho(a) torcedora fanática do time do pai. Não importa qual seja o time da hora do MM, não confundir com os doces Mms. No caso dela a sigla significa Mano Menezes, o pai tinha treinado times da base do Internacional, girado pelo interior e recebia a primeira chance em um clube de expressão, o Grêmio. Junto com a galera do esporte tentei tirar informações sobre a equipe tricôlor. Nada vazava! E não é porque ela não conhecesse futebol. Conhece mais que muito coleguinha do esporte. É porque ela sabia que discrição era a “alma do negócio”.  Camilla inclusive assessorou (segundo meus colegas de São Paulo e Rio) de forma absolutamente profissional o treinador Mano Menezes. Prestou assessoria e consultoria também para atletas, clubes e empresas do setor. Não sei quando, a Camilla retornou ao Rio Grande do Sul. Mas, pela Coletiva.net fiquei sabendo que agora ela tem um empresa com o nome della. Sim! CamiLLa, com dois éles. Formada em Jornalismo pela Famecos e com mestrado pela City University de Londres, a jornalista atende a projetos de gestão de imagem e comunicação estratégica. E pelo jeito atende montada em um cavalo crioulo.

Um de seus clientes é o ginete Guto Freire, recordista no Freio de Ouro e, neste ano, o principal participante da competição, com 11 animais competição. Em 2014, foi tricampeão do evento, e mantém o recorde em número de animais classificados para a mesma edição do Freio, com 12 em 2010.  Camilla assina a assessoria de imagem, relação com patrocinadores e a produção executiva da inovadora série de DVDs de treinamento de cavalos, um produto popular no mercado norte-americano, mas ainda raro no Brasil. Freire lança durante a Expointer o volume 2 da Trilogia de Treinamento em seu nome.

Uma novidade deste ano é o primeiro remate da Estância Vendramin, cabana do Paraná. A jornalista assina a produção executiva do evento que ocorrerá nesta quinta-feira, 27, disponibilizando 41 lotes e com transmissão ao vivo pelo Canal Rural. A Estância é proprietária da égua mais importante da história da Raça Crioula no Brasil: Oraca do Itapororó. O leilão ocorre no novo espaço da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) no Parque de Exposições Assis Brasil, um pavilhão integrado ao complexo das pistas de competição, com boulevard próprio com restaurantes, lojas e novo camarote. A associação também integra a lista de clientes atendidos por Camilla, assim como a marca Joias Crioulas. Eu ía escrever que a Camilla fez barba, cabelo e bigode, mas pensando bem acho que ela fez crina, arreios e sela na raça crioula.

 

Confira o cronograma de clientes de sua empresa na Expointer.

Estância Vendramin

– Leilão Estância Vendramin

27 de agosto – Tatersal do Cavalo Crioulo

19h30 – Coquetel e revisão dos animais

21h – Leilão – com transmissão ao vivo pelo Canal Rural

Guto Freire

– Final do Freio de Ouro, de 27 a 30 de agosto

– Lançamento Oficial do Volume 2 da Trilogia de Treinamento Guto Freire

31 de agosto, a partir das 16h

Stand Vetnil, Boulevard do Cavalo Crioulo

Joias Crioulas by Alice Knop

– Happy Hour – lançamento coleção Ride On

28 de agosto, 18h – loja Joias Crioulas – Boulevard do Cavalo Crioulo            (Coletiva.net)