Sartori: servidores devem dar graças a Deus por estabilidade, mesmo com atraso de salários (Gabriel Jacobsen/Rádio Guaíba)

Sartori: servidores devem dar graças a Deus por estabilidade, mesmo com atraso de salários (Gabriel Jacobsen/Rádio Guaíba)

Notícias Poder Política

O governador José Ivo Sartori afirmou hoje que os servidores públicos estaduais devem dar graças a Deus por terem estabilidade em seus empregos, mesmo que tenham os salários parcelados. Segundo o governador, a afirmação já havia sido feita nessa manhã, em evento com servidores públicos, no Fórum de Finanças Públicas do RS, realizado no auditório do Foro Central, em Porto Alegre.

“Ainda hoje numa reunião com servidores eu disse: ‘Olha, vocês, às vezes, reclamam porque têm penalização, às vezes parcelou salário, às vezes não recebeu em dia. Deem graças a Deus que vocês têm estabilidade, têm garantia no trabalho’. Agora, os outros que estão perdendo emprego, perdendo trabalho, e não têm oportunidade… O que nós estamos fazendo aqui é tentar movimentar a economia, dar oportunidade de mais trabalho, mais renda, porque, afinal, o poder público também tem que ser mudado”, ressaltou o governador.

A declaração de Sartori ocorreu no fim da manhã, durante cerimônia no Palácio Piratini, quando foi assinado financiamento do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul para projetos na área de energia renovável. Ao final do discurso, Sartori retornou ao gabinete sem falar com a imprensa.

Segundo a reportagem do Correio do Povo, que acompanhou o evento Fórum de Finanças Públicas do RS, no início da manhã, o governador não fez tal declaração durante encontro com servidores. Segundo a assessoria de imprensa do Palácio Piratini, também não houve outra agenda de Sartori com servidores nessa manhã.

O salário do mês de novembro deve ser pago pelo governo do Estado sem parcelamentos, na próxima segunda-feira (30). Entretanto, o salário de dezembro não está garantido, e o 13º será pago com atraso, somente em 2016.