Porto Alegre: CDL prevê crescimento de 6% nas vendas do Dia das Crianças

Porto Alegre: CDL prevê crescimento de 6% nas vendas do Dia das Crianças

Cidade Destaque Direito do Consumidor Economia Entrevistas Negócios Porto Alegre Turismo Vídeo

 

 

As vendas para o Dia das Crianças devem ter um crescimento de 6% este ano em Porto Alegre. A estimativa é de Alcides Debus, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Porto Alegre. Apesar da crise econômica, os comerciantes estão otimistas e acreditam que as vendas tendem a melhorar.

Conversei com ele também sobre perspectivas para o natal e problemas de lojistas com o Barrashoppinsul, em Porto Alegre.

“Semana do Natal é a mais importante do ano para os lojistas”, diz presidente da CDL

Economia Negócios Notícias
Compras de Natal devem movimentar quase R$ 400 milhões em Porto Alegre. Foto: Samuel Maciel/CP
Compras de Natal devem movimentar quase R$ 400 milhões em Porto Alegre. Foto: Samuel Maciel/CP

O presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL POA) está otimista para as vendas de Natal. De acordo com Gustavo Schiffino, a semana que antecede a data é a mais importante do ano para o varejo. Levando em consideração as turbulências econômicas de 2015, a projeção da CDL é que as compras de fim de ano devem movimentar R$ 399 milhões, o mesmo valor de 2014. “A gente está esperando um bom Natal. Por mais que tenha sido um ano complicado, estão se confirmando as estimativas da pesquisa feita pela CDL e pelo Sindilojas, com muitos presentes, mas com um valores menores do que no ano anterior. De qualquer forma, esta é a semana mais importante para os lojistas”, apontou Schiffino.

Os itens mais vendidos devem ser os de confecção, como roupas, calçados e acessórios. Eletrodomésticos e eletrônicos devem registrar queda nas vendas na comparação com anos anteriores.

No acumulado de 2015, as vendas do comércio da Capital registraram queda superior a 6%. Porém, o presidente da CDL afirmou que, desde novembro, a curva de queda na comercialização têm diminuído e esta alteração pode indicar um horizonte melhor para as vendas em 2016. O tíquete médio de vendas deve ser de R$ 150. De acordo com a pesquisa da CDL, 57% dos entrevistados vão participar de amigo-secreto no fim do ano. Além disso 31% dos participantes afirmaram que só farão as compras na última semana antes do Natal. (Eduardo Paganella / Rádio Guaíba)