Capacitação em motivação é tema de treinamento no SENAR-RS

Capacitação em motivação é tema de treinamento no SENAR-RS

Agenda Agronegócio Educação Notícias

Até a próxima sexta-feira, Instrutores do SENAR-RS estão passando por uma capacitação com o tema “motivação e didática”. O objetivo é conversar sobre as ferramentas utilizadas para levar conhecimento aos alunos e aprimorar as técnicas didáticas empregadas nos cursos e palestras promovidos pelo SENAR-RS. Duas turmas estão realizando a capacitação nesta semana, cada uma com cerca de 20 pessoas.

Segundo uma das participantes,  a instrutora Eliana Lucas, a oportunidade de troca de experiências e as dinâmicas de grupo têm motivado os participantes do seminário a buscar novas formas de manter os alunos interessados e de passar o conhecimento em condições muitas vezes desafiadoras: “O ambiente rural é diferente do ambiente urbano. Há locais em que os instrutores encontra condições incertas, como, por exemplo, falta de energia elétrica para a transmissão de um conteúdo multimídia. Por isso, o instrutor precisará de motivação e criatividade para dar ao aluno a melhor experiência de aula, mesmo que encontre alguma limitação. Aqui, estamos aprendendo diferentes formas de encantar os alunos”.

A capacitação conta com 20 horas de aulas divididas em três dias. Os instrutores que realizam o treinamento vieram da administração central do SENAR em Brasília. O curso está sendo promovido em Porto Alegre.

Agro: SENAR-RS leva Deriva Zero a Cacequi

Agro: SENAR-RS leva Deriva Zero a Cacequi

Agenda Agronegócio Negócios Notícias Segurança Tecnologia Trabalho

O Programa Deriva Zero, do SENAR-RS, chega a Cacequi na quarta-feira, 26 de setembro às 14h. O Programa busca promover a segurança e a eficiência na aplicação de agrotóxicos para reduzir os índices de deriva nas regiões vulneráveis a este programa. Nas ações de sensibilização, um técnico do SENAR-RS fará uma palestra em que falará sobre as Boas Práticas no uso da tecnologia de aplicação com o objetivo de contribuir para que a pulverização atinja o alvo com precisão. A atividade será realizada no Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município.

Para ilustrar melhor a questão, o SENAR-RS levará um veículo itinerante equipado com um simulador de deriva. O equipamento recria todos os passos de uma aplicação, contando inclusive com um túnel de vento para exemplificar como este fator pode afetar a deriva e exige o monitoramento, adequação dos equipamentos e até um reagendamento da aplicação em alguns casos.

A redução da deriva depende de uma série de fatores, como a calibragem correta dos equipamentos, escolha dos bicos, pressão aplicada até a observação das condições climáticas, entre outros aspectos. Além dos encontros de sensibilização, o programa prevê consultorias em grupo para trabalhar as boas práticas no uso de defensivos agrícolas e consultorias individuais nas propriedades que desejarem aprofundar o treinamento para ter um resultado mais eficiente.

As consultorias em grupo podem receber de 10 a 20 pessoas por vez. Nesta terça-feira, Candiota receberá consultorias nas propriedades participantes do programa.

SENAR-RS leva oficinas e palestras a Feiras de Primavera no mês de setembro

SENAR-RS leva oficinas e palestras a Feiras de Primavera no mês de setembro

Agronegócio Destaque

O SENAR-RS estará presente nas feiras de primavera, que começam a movimentar o Rio Grande do Sul a partir do fim de setembro. As participações se darão em forma de palestras e oficinas que levarão aos participantes dos eventos por todo o Estado conhecimentos técnicos sobre as mais diversas atividades ligadas à agropecuária, além de informações sobre os cursos oferecidos pelo SENAR-RS para os trabalhadores rurais.

Haverá eventos em diversas localidades, atendendo a produtores rurais de diversos ramos. Nos dias 26 e 27 de setembro, haverá o IV Congresso Sul Americano de Agricultura de Precisão e Máquinas Precisas – Apsul América. O evento será em Não-Me-Toque. O Apsul América reúne palestrantes nacionais e internacionais para discutir os principais avanços e usos da agricultura de precisão, com apresentação e publicação de trabalhos científicos sobre o tema. O economista-chefe do Sistema Farsul, Antonio da Luz, participará com uma palestra a respeitos das projeções para a próxima safra.

A Expocamaquã acontece de 26 de setembro a 1º de outubro com o lema “O campo nos conecta”, o SENAR-RS levará para o evento oficinas de guasqueiro, ferrageamento de equinos, zoonoses e uma palestra sobre comunicação no agronegócio. Já na Fenatrigo, realizada em Cruz Alta entre os dias 27 de setembro e 1 de outubro, o foco será nos interessados na produção de leite, com oficinas e palestras em tópicos como nutrição e morfologia de bovinos de leite. No mesmo período, em São Lourenço do Sul, acontece a 39ª Expofeira. Por lá, o tópico abordado será ovinocultura, com oficina de tosquia Tally Hi e oficina de forrageiras de ovinos.  Ainda no período de 27 de setembro a 30 de outubro, será realizada a 51ª Expofeira Agropecuária, Comercial e Industrial de São Luiz Gonzaga. Serão oferecidas oficinas de confecção e tecelagem em lã, guasqueiro e palestras de educação ambiental e motivação e liderança.

De 28 de setembro a 1º de outubro, André da Rocha promoverá a 12ª Expoagro André da Rocha, e o SENAR-RS levará até o evento demonstrações de adestramento de cães, oficinas de boas práticas agropecuárias e ferrageamento de equinos. Em Itaqui, nos dias 29 e 30 de setembro, haverá a 44ª Expofeira – Feira agropecuária de Itaqui, que contará com oficina de bonecos de pano. No mesmo fim de semana, entre os dias 30 de setembro e 1º de outubro, Cachoeira do Sul terá a 67ª FEAPEC – Feira Agropecuária de Cachoeira do Sul. As oficinas oferecidas pelo SENAR-RS contemplarão ferrageamento de equinos e manejo sanitário de ovinos.

 

Parceria entre SENAR-RS e Bayer aborda Primeiros Socorros na Atividade Rural

 

Segurança, qualidade de vida e saúde são pautas importantes para o bom desempenho do trabalhador rural. Pensando nisso, o SENAR-RS firma mais uma parceria com a empresa Bayer para realização da palestra “Primeiros Socorros na Atividade Rural”. A Palestra será ministrada por profissionais da área de enfermagem credenciados na instituição. Estima-se atender 5.000 participantes até o final do ano de 2016 e os encontros ocorrerão por demanda dos Sindicatos Rurais e Sindicatos dos Trabalhadores Rurais credenciados no SENAR-RS. Para este mês de setembro, a demanda já ultrapassou mais de 50 palestras.

 

Segundo o chefe da Divisão Técnica do SENAR-RS, João Telles, a promoção de uma atividade focada em primeiros socorros era uma demanda apresentada pelos próprios sindicatos e trabalhadores rurais. “Trata-se de uma iniciativa inédita, que vista anteder uma preocupação específica do setor”. Serão discutidos checagem de pulso e respiração, como agir em casos de intoxicação ou ataque animal, realização de massagem cardíaca, entre outros pontos. “Os profissionais da área de enfermagem abordarão ações simples que podem fazer a diferença para o bem-estar e sobrevivência do ferido se ocorrer a necessidade de socorro enquanto é agilizado o socorro profissional”.

 

As palestras serão gratuitas. Interessados podem buscar mais informações sobre a programação nos Sindicatos Rurais de sua cidade.

 

Confira a programação:

 

Data Cidade
22/09 Não-Me-Toque
22/09 São Sepé
23/09 São Sepé
26/09 Dezesseis de Novembro
26/09 São Luiz Gonzaga
27/09 Santo Antônio das Missões
28/09 Dezesseis de Novembro
29/09 Dezesseis de Novembro
30/09 Dezesseis de Novembro

 

 

 

Vitrine do Leite na Expointer apresenta ações para excelência e desenvolvimento do setor

Vitrine do Leite na Expointer apresenta ações para excelência e desenvolvimento do setor

Agronegócio Cultura Economia Expointer Notícias

Durante a programação da Expointer 2016, será realizada a terceira edição da Vitrine do Leite, um estande de 110 m² onde produtores e consumidores terão acesso a informações sobre técnicas empregadas na cadeia leiteira gaúcha para promoção de sua excelência e qualidade. Localizado dentro do Pavilhão do Gado Leiteiro, a iniciativa conta com o apoio do Sindicato da Indústria de Laticínios do Estado do RS (SINDILAT) e do Fundo de Desenvolvimento e Defesa Sanitária Animal do RS (FUNDESA).

Aberto entre as 8h e 18h, o espaço tem como objetivo mostrar aos visitantes da feira como o leite é produzido, detalhando o caminho percorrido entre o campo e sua chegada à mesa do consumidor. Para isso, serão promovidas diariamente quatro oficinas, divididas em dois momentos. O primeiro consiste na exibição de um vídeo, que explica todas as etapas de produção, como o manejo de pastagem para alimentação do gado leiteiro, ordenha mecanizada, armazenamento e o processamento na indústria. Durante essa parte da oficina, haverá a consultoria de instrutores do SENAR a fim de sanar dúvidas do público presente. As exibições do vídeo estão previstas para as 10h, 12h, 14h e 16h.

A segunda etapa da oficina também será conduzida por técnicos da entidade, que apresentarão 26 receitas elaboradas a partir do leite, entre iogurte, queijos, ambrosia e outras. Os profissionais darão ainda informações sobre os valores nutricionais e propriedades do alimento. As oficinas ocorrem às 10h, 12h, 14h e 16h. Todas as ações serão gratuitas.

Mimosa na Expointer

45176119784278_miniNovidade para feira deste ano, a Vitrine do Leite contará com a “Mimosa na Expointer”, uma peça teatral voltada ao público infantil. A obra conta a história da Vaquinha Mimosa e sua turma, explorando de forma lúdica e divertida os benefícios do leite e das boas práticas na produção, além de mostrar parte da rotina do produtor rural. A iniciativa é uma promoção do SINDILAT, FUNDESA e SENAR-RS. As apresentações ocorrerão em quatro horários diferentes: 9h20, 11h, 13h20 e 15h.

SENAR-RS seleciona quatro finalistas para o CNA Jovem

SENAR-RS seleciona quatro finalistas para o CNA Jovem

Economia Educação Notícias Poder Política

Encerrou neste sábado (18/06) a etapa estadual do Programa CNA Jovem. Camila Telles, de Cruz Alta, Fernanda Gehling, de Camaquã, Mariana de Oliveira, de Palmeira das Missões e Milton Borges, de São Gabriel, foram selecionados para representar o Estado no programa que busca desenvolver lideranças para o agronegócio. O programa tem a metodologia executada pelo Serviço 20160618_102622Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e foi criado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Dentre o conteúdo do treinamento, cada um deles teve como missão desenvolver planos de ação para procurar resolver desafios no meio rural junto as suas regiões. Eles escolheram temas como comunicação estratégica para o meio rural, conservação dos solos, gestão ambiental e evasão de mão de obra no meio rural.

O CNA Jovem, tem como foco preparar jovens de todo o País para impulsionar ainda mais o setor empresarial rural. No Estado é realizado em parceria com o Sistema Farsul e Sindicatos Rurais.

 

 

CNA Jovem conclui fase estadual neste final de semana

CNA Jovem conclui fase estadual neste final de semana

Agenda Comportamento Comunicação Crianças Direito Economia Educação Negócios Notícias Política

O Rio Grande do Sul irá conhecer neste final de semana os melhores colocados na fase estadual do Programa CNA Jovem. No sábado, a partir das 8h30 no Hotel Continental, o encontro decisivo anunciará os quatro selecionados dos 16 desafios trabalhados durante a iniciativa, propondo soluções a demandas do campo e do agronegócio gaúcho. Criado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR-RS) em conjunto com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), o programa tem como objetivo o desenvolvimento de novas lideranças para o meio rural e o Brasil. Antecedendo a decisão, durante toda a sexta-feira será realizada uma oficina de oratória dirigida aos participantes. Coordenada pela fonoaudióloga Patrícia Cáceres, a atividade trabalhará diferentes pontos entre técnicas de expressão e de discursos em público, ferramentas consideradas importantes na construção de lideranças.

DSC_1472 - CopiaO CNA Jovem é realizado no Rio Grande do Sul em parceria com o Sistema Farsul e Sindicatos Rurais. A iniciativa é dirigida para jovens com idade entre 22 e 30 anos, formação superior e que já tenham liderado algum tipo de ação em suas regiões de origem. Durante a capacitação, os participantes são instigados a trabalhar sobre questões de relevância para o segmento rural e à sociedade. Todos eles foram selecionados através de processo seletivo, que avaliou seus vídeos encaminhados onde apresentavam propostas e soluções a demandas de suas regiões de origem.

Ao longo do programa, iniciado no RS em maio, os jovens participaram de uma série de atividades presenciais e remotas com a orientação de instrutores oriundos da primeira edição da iniciativa. Seguindo uma metodologia específica, o trabalho inclui detalhamento dos desafios propostos, descrição dos objetivos e os resultados esperados. A partir disso, foram elaborados os planos de ação para cada proposta, analisando a demanda em pauta e o que se precisa para atendê-la. Em paralelo, foram abordados conceitos de lideranças. Na manhã do sábado, após o anúncio final, os melhores pontuados da fase estadual irão apresentar seus projetos a membros da diretoria do Sistema Farsul. Os quatro primeiros colocados irão representar o Estado na fase nacional do CNA Jovem, que ocorre entre os meses de julho e novembro em Brasília. Há ainda a possibilidade do quinto colocado também participar desta nova fase

 

Farsul divulga nota à sociedade: “O momento é grave e por isso mesmo exige cautela e serenidade”. Confira a íntegra do comunicado

Farsul divulga nota à sociedade: “O momento é grave e por isso mesmo exige cautela e serenidade”. Confira a íntegra do comunicado

Comunicação Notícias Poder Política

NOTA À SOCIEDADE

A Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul, solidária com o posicionamento da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil – CNA, manifesta, de um lado, sua preocupação com o atual cenário político, social e econômico do Brasil; e, de outro, sua irrestrita confiança na solidez das instituições nacionais e no absoluto respeito à Constituição do país.

O momento é grave e por isso mesmo exige cautela e serenidade, sem prejuízo da permanente vigilância de todos os cidadãos pela preservação da ordem e do patrimônio legal da nação.

Os produtores rurais gaúchos repudiam a corrupção em quaisquer níveis, exigem a continuidade das investigações comandadas pela Justiça Federal e esperam das autoridades nacionais que defendam o livre processo legal e respeitem os interesses do país, acima de quaisquer outros.

Caso o curso dos acontecimentos nacionais exija, a qualquer momento esta Federação estará pronta para novamente vir a público e reiterar sua intransigente defesa do Brasil.

A Nação Brasileira exige mudanças estruturais.

Está na hora de fazê-las.

Sistema Farsul

Primeiro ano do Programa Campo & Saúde Capacitou quase 10 mil participantes

Primeiro ano do Programa Campo & Saúde Capacitou quase 10 mil participantes

Economia Negócios Notícias Poder Política

Foram apresentados nesta terça-feira (8/3) os resultados do primeiro ano do Programa Campo & Saúde, parceria do Senar-RS e Bayer, com o apoio da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Voltada ao público do meio rural, a iniciativa promoveu 200 palestras até o mês de fevereiro passado, envolvendo 9.671 pessoas atendidas em 96 municípios do Estado. Os encontros levaram informações sobre o uso seguro e adequado de defensivos agrícolas e a exposição ao sol. A apresentação dos números ocorreu no estande do Sistema Farsul, durante a programação da Expodireto Cotrijal 2016.

O programa Campo & Saúde surgiu após a alta demanda levada por produtores, trabalhadores rurais e seus familiares, que procuravam cursos do Senar-RS a respeito de temas como segurança, saúde e bem estar no campo. Cursos como Aplicação Correta e Segura de Agroquímicos, com 420 edições realizadas no período somente em 2014. Outro assunto solicitado pelo público rural foi o câncer de pele, relacionando à questão da exposição solar durante o trabalho na lavoura.

Lançado durante a última edição da Expodireto, o projeto concluiu seu primeiro ano em fevereiro passado, atendendo 20% das cidades gaúchas. Todos os encontros somaram cerca de 1080 horas de conteúdo. Os Sindicatos Rurais e Sindicatos dos Trabalhadores Rurais do Estado também foram parceiras para o circuito de palestras, que foram ministradas por técnicos especialistas do Senar-RS. Além de poder conferir o conteúdo, o público também kits especiais, como boné árabe, protetor solar, protetor auricular e óculos de sol.

Em 2016, o programa ganhará continuidade, seguindo a oferecer as palestras gratuitas que podem ser solicitadas pelos sindicatos parceiros da instituição. “A experiência do primeiro ano nos fez aprimorar ainda mais nossas informações a serem repassadas aos produtores, meio em que o índice de cuidado precisa evoluir. O meio rural ainda é muito carente de informação e de consciência de cuidados pessoais, seja no uso de equipamentos nocivos, quanto aos cuidados com a pele”, comentou o presidente do Sistema Farsul, Carlos Sperotto.

Marcos Cernescu, gerente regional da Bayer, esteve presente no encontro realizado nesta terça-feira. Para ele, a parceria com o Senar-RS evidencia a preocupação da empresa não somente com a qualidade de seus produtos, mas também com o bem estar do produtor rural. “Através de iniciativas como o Campo & Saúde, buscamos conscientizar produtores e aplicadores sobre questões ligadas à segurança e à saúde. Logo, vemos a parceria com bons olhos, pois se trata de uma importante ferramenta nesta missão social da Bayer”.

Para Osmar Kunztle, produtor de soja, milho e leite em Santa Bárbara, acompanhou a apresentação do Campo & Saúde no estande da Farsul. Atraído pelos temas abordados no programa, ele disse que irá procurar o Sindicato Rural de sua cidade para acompanhar as próximas palestras. “Até vou levar meu filho de 16 anos, já que futuramente ele estará à frente da nossa propriedade. São temas muito importantes para difundir entre a família e evitar problemas graves de saúde, como o câncer”.

Durante a apresentação dos números do Programa Campo & Saúde, os visitantes receberam kits do mesmo tipo entregue nos encontros da iniciativa.

 

SENAR-RS realiza palestra sobre Zoonoses

Economia Notícias

Em parceria com os Sindicatos Rurais e os Sindicatos dos Trabalhadores Rurais, o SENAR-RS leva ao interior gaúcho a palestra sobre Zoonoses. Neste mês de novembro, a iniciativa será realizada nos municípios de Seberi, Caiçara, Santa Rosa e em Porto Alegre. Ministrado por técnicos do SENAR-RS, a iniciativa é gratuita e integra um circuito de palestras que a instituição realiza no Estado dirigido às comunidades rurais. Serão abordados durante o encontro temas presentes no cotidiano do trabalhador do campo. As zoonoses compreendem todas as doenças animais que podem ser transmitidas aos seres humanos através de diferentes formas, como o consumo de leite, carne e derivados, pelo ar, insetos e o contato direto ou indireto com urina e fezes das criações.

O médico veterinário e instrutor do SENAR-RS, Ricardo Matias, lembra que a lista de zoonoses é extensa e pode surgir a partir de qualquer animal. Entre as doenças discutidas na palestra estão o mormo, muito em voga este ano no RS em função das medidas adotas pelo Estado para evitar a proliferação em equinos na Semana Farroupilha, mas que também pode atingir caprinos, ovinos, jumentos e outras espécies – bovinos e suínos não contraem este mal. Ainda serão pautadas a toxoplasmose (doença do gato), tuberculose, leptospirose, hidatidofe (verme do cachorro), brusselose e outras pestes.

Durante as palestras, os técnicos do SENAR-RS darão dicas sobre formas de prevenção de zoonoses. “As orientações vão desde evitar a circulação de gatos onde há criação de aves e suínos para prevenir os riscos de toxoplasmose, aplicação das vacinas de modo e no tempo adequados e cuidados com a ingestão de carne mal passada. Também vamos abordar a importância de consumir produtos de origem animal, como queijos e salames, com qualidade e boa procedência certificados pela Vigilância Sanitária”, comenta Ricardo Matias.

 

Haverá um momento especial para perguntas do público. Segundo o Matias, os participantes trazem questões pertinentes na rotina do campo, estimulando a interação do todo o grupo e instrutores na troca de informações. “É muito comum em todas as palestras o público perguntar sobre o correto manejo de animais, calendário de vacinas, como são transmitidas as zoonoses, como elas atacam o organismo humano e formas de prevenção destas doenças”.

 

Para participar das palestras, os interessados devem realizar suas inscrições junto aos Sindicatos Rurais de cada município, onde também podem receber mais informações a respeito da programação.

 

Temas abordados nas palestras:

 

– Conceito de Zoonoses;

– Problemas sanitários da relação homem/animal;

– Prejuízos econômicos causados pelas zoonoses;

– Principais zoonoses: brucelose, tuberculose, hidatidose, bicho do pé, teníase/cisticercose, leptospirose,/hantavirose, miíase, toxoplasmose e fasciolose;

– Quadro clínico; Formas de transmissão; Ciclo biológico; e Prevenção e controle.

 

 

Programação

 

09/11 (manhã) – Seberi

09/11 (tarde) – Seberi

10/11 (manhã) – Seberi

10/11 (tarde) – Seberi

11/11 (manhã) – Caiçara

11/11 (tarde) – Caiçara

12/11 (manhã) – Caiçara

12/11 (tarde) – Caiçara

13/11 (manhã) – Caiçara

13/11 (tarde) – Caiçara

16/11 (manhã) – Santa Rosa

16/11 (tarde) – Santa Rosa

17/11 (manhã) – Santa Rosa

17/11 (tarde) – Santa Rosa

18/11 (manhã) – Santa Rosa

18/11 (manhã) – Santa Rosa

19/11 (manhã) – Santa Rosa

19/11 (tarde) – Santa Rosa

20/11 (manhã) – Santa Rosa

20/11 (tarde) – Santa Rosa

27/11 (manhã) – Porto Alegre