Cunha vincula impeachment a voto do PT

Cunha vincula impeachment a voto do PT

Notícias Poder Política

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), avisou ao Planalto que, se os três petistas do Conselho de Ética da Casa votarem contra ele no processo de quebra de decoro, dará prosseguimento a pedidos de impeachment de Dilma Rousseff. Diante disso, o governo intensificou a pressão sobre Valmir Prascidelli (SP), Zé Geraldo (PA) e Léo de Brito (AC) e os três já admitem rediscutir sua posição. “Está nas mãos deles. Tudo depende do comportamento do PT”, teria dito Cunha. Hoje, o Conselho de Ética se reúne para abrir ou não processo contra ele. (O Estado de São Paulo – Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil)