Temer suspende novas contratações do Minha Casa. Plano de 2 milhões de imóveis é abandonado; ministro fala em nova meta ‘realista’ Presidente interino Michel Temer, Foto: Roosewelt Pinheiro / ABr / CP

Temer suspende novas contratações do Minha Casa. Plano de 2 milhões de imóveis é abandonado; ministro fala em nova meta ‘realista’

O governo Michel Temer abandonou a meta traçada por Dilma Rousseff de contratar 2 milhões de moradias do Minha Casa Minha Vida até o fim de 2018. Em entrevista ao Estado, o ministro das Cidades, Bruno Araújo, disse que a terceira etapa inteira do programa – e não apenas a modalidade Entidades – está suspensa e passará por “aprimoramento”. Araújo estimou em 40 dias o tempo necessário para fazer um raio X da principal vitrine de seu ministério. O ministro informou que a nova meta para o Minha Casa dependerá da análise das contas públicas a cargo da equipe econômica. “É preferível que identifiquemos os reais limites do programa e os números anunciados sejam o limite de contratação”, afirmou. Para ele, “metas realistas” não criam expectativas falsas tanto em empresários – que precisam planejar as obras – quanto em beneficiários.  (O Estado de São Paulo)

Economia Notícias Poder Política

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *