Porto Alegre, segunda, 17 de janeiro de 2022
img

QUAL O FUTURO DOS INVESTIMENTOS DA ALEMANHA NA PROTEÇÃO DA AMAZÔNIA?

Detalhes Notícia

Continuar pagando ou congelar investimentos? Orecente aumento do desmatamento na Amazôniaafetou as verbas destinadas pelo governo alemão à proteção da floresta. Enquanto o dinheiro da pasta do Meio Ambiente destinado a projetos para a proteção da floresta e da biodiversidade continua congelado, o Ministério da Cooperação e Desenvolvimento (BMZ) do país europeu busca novos parceiros para cooperação.

Entre os candidatos estão, entre outros, o Ministério Público Federal (MPF) brasileiro, o Instituto Internacional de Educação do Brasil (IEB), que investe na formação de líderes locais, e estados da Amazônia.

“No âmbito da proteção da Amazônia no Brasil, o ministério quer manter o diálogo político de pé e diversificar o leque de parceiros para cooperação”, disse um porta-voz do BMZ à DW. “Também estamos tentando dar mais destaque a alguns temas, como direitos humanos e direitos dos povos indígenas.”

Na prática, isso quer dizer que alguns projetos estatais atuais não serão renovados. Entre eles está o programa “Terra Legal Amazônia”, apoiado pelo BMZ desde 2014 e que acaba em abril deste ano. O programa apoiou a emissão de títulos de posse a pequenos agricultores.

No total, a cooperação alemã com o Brasil para a “proteção e uso sustentável da floresta tropical” soma 391 milhões de euros. Segundo dados do BMZ, o montante inclui projetos que já estão em andamento e também iniciativas aprovadas, mas ainda não concretizadas.

Leia mais em Deutsche Welle