Porto Alegre, quinta, 02 de dezembro de 2021
img

Moraes manda soltar blogueiro preso por incentivar atos antidemocráticos; Correio Braziliense

Detalhes Notícia
Wellington Macedo estava preso desde 3 de setembro. Defesa alegou problemas de saúde e pediu prisão domiciliar. (crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

 

 

O blogueiro bolsonarista Wellington Macedo, preso desde o dia 3 de setembro, foi solto na madrugada desta sexta-feira (15/10). A prisão domiciliar foi concedida pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Macedo está envolvido no inquérito que apura a realização de atos antidemocráticos e ataques às instituições.

Moraes entendeu que não havia mais justificativa para a prisão dele, já que as manifestações do dia 7 de Setembro já ocorreram. Por isso, determinou a transferência para prisão domiciliar com tornozeleira eletrônica, além de outras restrições, como a proibição de participar em redes sociais, não se aproximar da Praça dos Três Poderes e não se comunicar com outros investigados.

A defesa do blogueiro chegou a argumentar que ele estava passando por problemas de saúde na prisão, além de transtornos psicológicos e dificuldade de se alimentar. O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, pasta comandada pela ministra Damares Alves, ainda fez, no mês passado, uma inspeção para verificar as condições no Complexo Penitenciário da Papuda e recomendou o envio de Macedo para a prisão domiciliar.

Leia mais no Correio Braziliense