Porto Alegre, quarta, 26 de janeiro de 2022
img

Bolsonaro seria reeleito se tivesse unificado combate à pandemia, diz Temer; Folha de São Paulo

Detalhes Notícia
Para ex-presidente, atual mandatário mostra falta de 'raciocínio pragmático' de buscar votos além da sua base de apoio. O presidente Jair Bolsonaro, junto com o ex-presidente Michel Temer, durante evento de embarque da comitiva brasileira em missão ao Líbano, na Base Aérea de São Paulo - Eduardo Anizelli - 12.ago.20/Folhapress

 

 

O ex-presidente Michel Temer (MDB) afirmou nesta quinta-feira (13) que o presidente Jair Bolsonaro (PL) teria reeleição certa se tivesse unificado o enfrentamento da pandemia. Em entrevista à CNN, Temer disse que acreditar que se o atual mandatário tivesse reunido estados, Poderes e partidos, hoje “ninguém tiraria a eleição dele”.

Para o ex-presidente, Bolsonaro cometeu “um equívoco” ao combater a vacina e tem afastado os que são a favor da imunização. Na avaliação de Temer, a postura do atual mandatário, especialmente em relação à vacinação de crianças, mostra falta de “raciocínio pragmático” de buscar votos além da sua base de apoio.

Sem dizer o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Temer alertou que “levar [eleição] no primeiro turno não é fácil”.

Leia mais na Folha de São Paulo