Porto Alegre, segunda, 27 de junho de 2022
img

Empresa investe na formação de funcionários para conclusão da educação básica e programa alcança familiares

Detalhes Notícia
Programa desenvolvido na Mercur em parceria com o Sesi levou mais de 70 pessoas a voltarem aos estudos dos Ensino Fundamental e Médio em 2021. Inscrições estão abertas para nova turma.

“Foi uma experiência muito gratificante poder voltar a estudar depois de 25 anos. Não tenho nem palavras para dizer no que eu sinto por ter concluído o ensino médio. Eu pretendo começar uma faculdade, agora a tendência é só almejar caminhos mais longos. Vou tentar e sei que vou conseguir!” Esta é a fala do Baltazar Ariel Gonçalves, 42 anos, colaborador da Mercur, que demonstra a força que a educação pode ter na vida das pessoas.

A Mercur, indústria da área da educação e saúde há mais de nove décadas, recentemente celebrou a formação de 30 pessoas, entre colaboradores e familiares, no EJA – Educação de Jovens e Adultos, abrangendo os ensino fundamental e médio. A celebração seguiu os protocolos sanitários da pandemia e marcou o fechamento de um ciclo de aprendizagem de pessoas que tinham deixado o processo de estudos por um momento de suas vidas.

A formação de adultos por meio do EJA foi possível através da parceria com o Sesi – Polo de Educação de Venâncio Aires, ao redesenhar a metodologia, devido à pandemia, para formato a distância (EAD). O programa contou com adaptações para aquelas pessoas que tiveram dificuldade de acesso às plataformas digitais – com materiais impressos e possibilitou uma flexibilidade para que cada estudante estudasse onde, como e quando pudesse para completar a sua formação.

O Sesi também garantiu o acompanhamento pedagógico para que todas as pessoas completassem a caminhada no decorrer do ano letivo. O resultado foi a formação de 30 pessoas, sendo 21 no Ensino Fundamental e nove no Ensino Médio. Ainda há 43 pessoas, entre colaboradores e familiares, que seguem estudando para finalizar os estudos ao longo de 2022.

Outra colaboradora da Mercur que se sente realizada é Jussara Severo, 58 anos: “Foi bom ter voltado a estudar, aprender várias coisas. Eu gosto muito de ler e escrever. Foi um incentivo muito bom que eu tive no EJA, na Mercur, de todos. Eu fiquei muito emocionada quando eu soube que tinha sido aprovada, me abracei na minha família e comecei chorar e agradecer. Foi um aprendizado muito bom!” comentou.

Nesse sentido, a parceria com o Sesi reforça a compreensão que a Mercur tem de educação para a vida, no aprendizado como um processo contínuo e reflexivo. Para Cassiano Kappaun, que atua na Articulação de Engajamento em Produção na Mercur, “essa relação de educação e a formação é o caminho para que possamos fazer essa mudança que se quer ver no mundo, ao despertar nas pessoas o que elas têm de melhor”.

A empresa também incentiva e fomenta o acesso à educação e à formação que a diferenciam na gestão de seus Talentos Humanos, como são chamados os colaboradores na Mercur. Há experiências de aprendizagem oportunizadas por meio das formações nas áreas e públicos específicos; do Plano de Desenvolvimento Individual – PDI que procura ter um olhar específico para os aspectos que o colaborador precisa desenvolver; do Auxílio Educação, no qual é possível ter apoio de até 50% do valor da mensalidade para estudos no ensino superior e pós-graduação. Além disso, há o Portal da Aprendizagem da Mercur, onde os colaboradores podem acessar diversosconhecimentos em vídeos, áudios, textos, em mais de 1100 temáticas.

Nesse momento a empresa está recebendo novas inscrições para seus colaboradores e familiares no EJA 2022 até dia 22 de fevereiro no site https://www.sesirs.org.br/servicos/eja-educacao-de-jovens-e-adultos-distancia.