Porto Alegre, quarta, 25 de maio de 2022
img

Ministro Barroso diz que democracia passa por "processo de erosão"; Correio Braziliense

Detalhes Notícia
Em evento na Bahia, ministro citou países com governos autoritários e afirmou que democracia brasileira tem "bom filme" . (crédito: Carlos Moura/ SCO/STF)

 

 

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), demonstrou preocupação com a democracia brasileira. Durante discurso no Congresso Brasileiro de Magistrados, em Salvador, Bahia, na tarde desta sexta-feira (13/5), o magistrado afirmou que a democracia passa por um “processo de erosão por todo o mundo” e disse que é preciso trabalhar para restabelecê-la.

Barroso citou países como Hungria, Polônia, Turquia, Rússia, Filipinas, Venezuela, Nicarágua e El Salvador como governos autoritários, além das “turbulências” recentes nos Estados Unidos e no Reino Unido. Sem citar o Brasil ou o nome do presidente Jair Bolsonaro (PL), ele ainda afirmou que é necessário uma autocrítica de democratas para um restabelecimento do sistema ao redor do mundo.

“Essa ascensão de um processo autoritário e populista se dá por insuficiências da própria democracia. Por isso os que defendem a democracia precisam identificar e trabalhar para restabelecer essa crença que une a todos”, disse.

Leia mais no Correio Braziliense