Porto Alegre, sábado, 02 de julho de 2022
img

Sem candidato à Presidência pela primeira vez, PSDB perdeu 75% da bancada desde governo FH, por Eduardo Gonçalves/O Globo

Detalhes Notícia
Fernando Henrique. Ex-presidente foi eleito duas vezes no primeiro turno — Foto: Gustavo Miranda / Arquivo O Globo

 

 

Com a desistência de João Doria de participar da corrida eleitoral, o PSDB pode ficar sem um candidato à Presidência pela primeira vez desde sua fundação, em 1988. Para além da crise interna que minou a candidatura do ex-governador de São Paulo, a ausência na urna carrega como simbolismo o declínio da sigla nos últimos anos, quando perdeu espaço e protagonismo na política nacional.

Desde a redemocratização, o PSDB foi o único a conquistar uma eleição presidencial no primeiro turno. E fez isso duas vezes, com Fernando Henrique Cardoso, em 1994 e 1998. Quando FH foi reeleito, o PSDB elegeu 99 deputados e 16 senadores, totalizando 115 parlamentares em Brasília. Hoje, são 28 congressistas, o que representa uma queda de 75%. O legado do passado, do Plano Real à Lei de Responsabilidade Fiscal (aprovadas no governo FH), contudo, não foi suficiente para garantir as vitórias do futuro. Desde o início dos anos 2000 a sigla passa por um processo de encolhimento nas eleições ao Legislativo e, a partir de 2014, nas disputas aos governos estaduais e prefeituras.

Leia mais em O Globo