Canoas recebe Campanha Desejos para Saúde nesta quinta-feira

Canoas recebe Campanha Desejos para Saúde nesta quinta-feira

Cidade Notícias Política Saúde

A Campanha Desejos para a Saúde chega a Canoas nesta quinta-feira (28). A iniciativa lançada pelo Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (SIMERS) criou um canal direto e inédito no País para a população dizer o que deve melhorar na saúde. Esses ‘desejos’ serão levados pelo Sindicato aos gestores públicos, principalmente aos candidatos às eleições municipais (prefeitos e vereadores).

CANOAS == A ação em Canoas ocorrerá das 18h às 21h no Calçadão, em frente à estação do Trensurb. O SIMERS fará uma projeção chamada de mapping, que vai gerar uma experiência visual inusitada a quem passar pelo local. As pessoas poderão conhecer dados de como está a saúde na cidade e no Estado e ainda entender mais sobre o site. Em Pelotas, a ação ocorre nesta quarta-feira (27). A iniciativa já chegou a Porto Alegre (21) e Santa Maria (26).

Os moradores podem indicar até três desejos pelo site www.desejosparasaude.com.br. Os temas mais votados serão levados pelo SIMERS aos candidatos. Milhares de votos já foram registrados em poucos dias de campanha – lançada no dia 21, além de um grande interesse de muitas cidades e organizações das comunidades em divulgar e motivar a participação. As votações podem ser feitas até 30 de agosto.

As pessoas podem votar mais de uma vez e em mais de um município. “Você pode morar em Canoas, votar nos desejos do que deve melhorar na saúde da cidade, e ainda votar em melhorias em Porto Alegre, Esteio, Novo Hamburgo, etc. Queremos ver as pessoas dizendo o que falta, o que precisam”, motiva o presidente do SIMERS, Paulo de Argollo Mendes.

“Queremos mapear os desejos em um canal que vai levar esses asnseios a quem cabe agir, seja o candidato ou aquele que daqui a pouco será o prefeito”, destaca Argollo. O Sindicato vai divulgar no final da campanha os temas mais votados, que formarão o mapa diagnóstico das principais necessidades ligadas à saúde em cada uma das 497 localidades.

Um dossiê com estas conclusões será entregue aos candidatos a prefeito dos municípios gaúchos, cobrando um plano de ação para a solução dos problemas apontados de forma efetiva. “Os cidadãos são o termômetro da saúde no Estado, pois eles sofrem com a precariedade do atendimento e com a falta de recursos. Essa campanha é uma oportunidade para que a sociedade seja ouvida, expondo suas dificuldades e apresentando suas preocupações. O diagnóstico preciso vai permitir que o SIMERS atue de forma mais assertiva na defesa dos direitos à saúde dos gaúchos”, destaca o presidente do SIMERS.

OAB repudia envio de PMs gaúchos para as Olimpíadas do Rio.  Comando da Brigada Militar ratificou que cem PMs serão cedidos por um período de 100 dias, a partir de julho

OAB repudia envio de PMs gaúchos para as Olimpíadas do Rio. Comando da Brigada Militar ratificou que cem PMs serão cedidos por um período de 100 dias, a partir de julho

Direito Notícias Poder Política Segurança

A seccional gaúcha da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RS) criticou a intenção do Palácio Piratini de enviar mais de cem agentes de segurança para compor o efetivo policial durante os jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro, que ocorrem entre agosto e setembro.

Em nota, a OAB-RS alertou que o Estado enfrenta a pior crise da história da área de segurança pública, com efetivo reduzido e caos prisional. Nessa segunda-feira, a Secretaria da Segurança Pública confirmou a possibilidade de envio, temporário, de 112 homens – cem policiais militares, oito civis e quatro peritos gaúchos. Hoje à tarde, o Comando da Brigada Militar ratificou que cem PMs serão cedidos por um período de 100 dias, a partir de julho.

O comunicado da OAB-RS adverte que a postura de Sartori “zomba” com o cidadão gaúcho, já amedrontado. A entidade também sustenta que a decisão pode custar mais à população inocente, que já sofre com furtos diários e tiroteios em frente de escolas, por exemplo. A OAB-RS ainda criticou que o poder de barganha do Estado em aceitar viaturas policiais e equipamentos “em troca de vidas”.

O presidente da Associação de Cabos e Soldados da Brigada Militar, Leonel Lucas, também disparou criticas contra o governador. Em função da crise financeira, o sindicalista ainda reconheceu que os PMs vão manifestar interesse em compor o efeito, uma vez que, trabalhando para o governo federal, poderão receber os salários em dia.

Leonel Lucas estima que cerca de 15 mil PMs estejam hoje nas ruas, fazendo policiamento ostensivo, em todo Rio Grande do Sul. Além disso, ele revela que durante a gestão Sartori o número de militares que foram para reserva já é superior ao período de 2012 a 2014, quando foram computadas 2.238 aposentadorias. Em 2015, quase 2,1 mil deixaram a Brigada Militar, contra pouco mais de 600 entre janeiro e abril deste ano. “A gente lamenta o posicionamento do governador, mas para o lado do brigadiano é bom porque eles não vão receber parcelado e vão ganhar diárias da União”, ponderou.

O Estado é obrigado a cumprir com o convênio, tendo em vista o Pacto Federativo e uma normativa relacionada à Força Nacional de Segurança. A cedência do efetivo para os eventos esportivos prevê contrapartidas da União como a vinda de cinco viaturas 4×4, um micro-ônibus, cem coletes balísticos, armamentos, munição e equipamentos para o Corpo de Bombeiros, por exemplo.

Pela manhã, ao comentar as críticas, o governador José Ivo Sartori frisou que o Ministro da Justiça pedia mais de 500 homens, número que foi reduzido. Ele também garantiu que nenhum praça que trabalha em policiamento ostensivo deve ser cedido.

A Secretaria Estadual da Segurança já lançou edital para convocar os interessados em compor o efetivo. Entre os pré-requisitos, estão possuir bom comportamento, não ter sido condenado nos últimos cinco anos e ter habitação para dirigir veículo, por exemplo. O teste de aptidão física, de caráter eliminatório, está marcado para ocorrer em 13 de abril, na Academia de Polícia Militar.

Leia a íntegra da nota da OAB-RS:

Informação que mais de 100 policiais vão para o RJ atuar nas Olimpíadas zomba com o cidadão gaúcho já amedrontado. Decisão poderá custar mais aos cidadãos inocentes que já sofrem com furtos diários e tiroteios em frente de escolas. Contrapartida da União em troca de vidas no RS: 5 viaturas, micro-ônibus, coletes à prova de balas, armas, munição e outros equipamentos. Há déficit de policiais no RS e o governador é precipitado ao enviar agentes para reforçar a composição da Força Nacional no RJ. Estamos passando pela maior crise de segurança pública da história do RS, sem policiamento ostensivo e caos prisional. (Lucas Rivas/Rádio Guaíba)

Impeachment: Contra ou a favor? Confira como votam os deputados gaúchos que vão decidir futuro de Dilma; por Samantha Klein/Rádio Guaíba

Impeachment: Contra ou a favor? Confira como votam os deputados gaúchos que vão decidir futuro de Dilma; por Samantha Klein/Rádio Guaíba

Notícias Poder Política

Depois que a Câmara dos Deputados aprovou, na tarde de hoje, a composição da Comissão Especial que vai analisar o processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, os 24 partidos com representantes indicaram os nomes dos 65 deputados que compõem o colegiado. Entre os gaúchos, estão Jerônimo Goergen (PP), Pepe Vargas (PT), Henrique Fontana (PT), Luiz Carlos Busato (PTB) e Osmar Terra (PMDB). Os parlamentares se dividem entre a decisão pela destituição da mandatária.

O petista Henrique Fontana fala que, no Parlamento brasileiro, está ocorrendo uma tentativa de golpe institucional. “A primeira defesa que farei na Comissão será a defesa da democracia e da Constituição porque a presidente não cometeu uma única ilegalidade, não existe qualquer prova contra ela. Cassar um mandato conquistado com 54 milhões de votos dentro da Câmara é um golpe”. Ex-ministro no governo Dilma, Pepe Vargas segue a mesma linha.

Parlamentar pelo PMDB, sigla que ameaça desembarcar do governo federal, Osmar Terra sustenta que o País precisa de uma alternativa ao atual governo e defende a ascensão do vice Michel Temer. “O país nunca perdeu riqueza tão rapidamente. Problemas na segurança, políticas públicas de saúde, não vejo a presidente apontando caminhos. Sem contar o avanço da corrupção. Chegamos à conclusão de que não dá para continuar”, defende.

O deputado Luiz Busato (PTB) promete trabalhar pelo impeachment, assim como Jerônimo Goergen, que defende a retirada do apoio do partido ao governo. O parlamentar pelo PP protocolou hoje, na presidência do partido, abaixo-assinado com o apoio de 18 entre os 49 deputados e de quatro entre os seis senadores. Com 1/3 dos votos, o presidente do PP, Ciro Nogueira, precisa convocar reunião do diretório nacional do partido para avaliar o tema. Os progressistas detém o Ministério da Integração Nacional.

A eleição do presidente e relator da comissão ocorreu na noite desta quinta-feira. Concluída essa etapa, Dilma ganha 10 sessões para apresentar defesa e o colegiado outras cinco para concluir o parecer, que deve ser votado em plenário.

Com 342 dos 513 votos na Câmara favoráveis, a abertura do processo vai para o Senado, que pode garantir a instauração do processo ou arquivá-lo. Caso o Senado instaure o processo de impeachment, Dilma é afastada por até 180 dias, até a votação definitiva sobre o caso, no próprio Senado.

Oito empresas gaúchas são selecionadas pelo Prêmio MPE Brasil. Representantes de pequenos negócios do Estado receberão visitas dos avaliadores até o dia 15 de março

Direito do Consumidor Economia Negócios Notícias

O Rio Grande do Sul se prepara para o Oscar do Empreendedorismo. Oito empreendedores do Estado foram selecionados e irão receber as visitas dos avaliadores nacionais do MPE Brasil – Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas até o dia 15 de março. Esta é a última etapa antes da escolha das vencedoras, que serão anunciadas no dia 13 de abril, em Brasília.

A premiação é uma iniciativa do SEBRAE, Movimento Brasil Competitivo (MBC), Gerdau e RBS TV. Conta com apoio técnico da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) e o apoio institucional do Fórum QPC (Programas de Qualidade, Produtividade e Competitividade). No Rio Grande do Sul, a premiação é apoiada pelo PGQP (Programa Gaúcho de Qualidade e Produtividade).

Para a gestora do prêmio pelo SEBRAE/RS, Roseli Martins da Rosa, todas as empresas que participaram do MPE Brasil podem se considerar vencedoras, já que a inscrição exige o preenchimento de um questionário de autoavaliação. “Após isso, o empreendedor recebe um diagnóstico que traz pontos fortes e oportunidades de melhoria com foco em gestão, tornando a empresa mais produtiva e qualificada para enfrentar a competitividade do mercado”, analisa.

Roseli informa que a edição 2015 registrou 65.717 candidatas em todo País e 5.063 no Estado. As empresas concorrem nas categorias Agronegócio, Comércio, Indústria, Serviços, Serviços de Educação, Saúde, Tecnologia da Informação e Turismo. Também disputam as categorias de “Destaque Boas Práticas de Responsabilidade Social” e “Destaque de Inovação”.

 

Confira as micro e pequenas empresas gaúchas selecionadas para receber a visita dos avaliadores do Prêmio MPE Brasil 2015:

 

 

Empresa

Cidade Categoria
Sabores da Querência Cambará do Sul Agronegócio
Farmácia Nativa São Lourenço do Sul Comércio e  Responsabilidade Social
Pro Usinagem Caxias do Sul Indústria
Ingabor Borrachas São Leopoldo Indústria
Dental Art Porto Alegre Saúde
Reequilibrio Clínica Porto Alegre Saúde
Assessoria Agropecuária Marcon Dom Pedrito Serviços
Toth Tecnologia Porto Alegre TI e Inovação

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Couromoda 2016 surpreende com volume de negócios para as pequenas empresas do Rio Grande do Sul

Couromoda 2016 surpreende com volume de negócios para as pequenas empresas do Rio Grande do Sul

Economia Negócios Notícias

A Couromoda 2016, que encerrou sua 43ª edição na quarta-feira, 13 de janeiro, foi celebrada pelos diretores de marcas gaúchas que participaram do estande coletivo coordenado pelo SEBRAE/RS em parceria com o Governo do Estado e a ACI/NH. Todos os 56 representantes de micro e pequenas indústrias expositoras no local realizaram vendas garantindo a produção da coleção outono-inverno 2016. O volume chegou a um valor total de R$ 9.335.639,00, equivalente a 202.961 pares/peças. Foram 2.521 contatos com compradores nacionais e estrangeiros, sendo 1.154 negócios iniciados e 1.154 negócios fechados.O gerente da Regional Sinos, Caí e Paranhana do SEBRAE/RS, Marco Aurélio Copetti, que acompanhou os quatro dias de evento nos pavilhões do Expo Center Norte, em São Paulo, percebe que a superação da expectativa é uma das marcas que ficam desse primeiro evento do calendário de feiras calçadistas brasileiras. “Em um momento em que o tema crise econômica toma conta de todas as preocupações de empresários, temos um resultado interessante no âmbito das pequenas empresas”, salienta. Para ele, o formato de participação em estande coletivo é uma estratégia já consolidada pelo SEBRAE/RS e que garante acesso ao mercado para as indústrias.

O responsável pela área comercial da marca Santos e Saltos, de Sapiranga, João Pedro Silveira, concorda que estar presente na Couromoda foi uma decisão acertada na medida em que conseguiu encontrar os compradores de anos anteriores e até aumentar o volume de vendas para esses clientes. “Viemos até aqui já há sete anos, apoiados pelo SEBRAE/RS. A marca tem apenas oito anos e garantimos a produção de cinco mil pares de calçados femininos”, confirma. A Santos e Saltos trabalha com perfil de moda muito acentuado. “Nosso diferencial está nos saltos sempre contemporâneos, fruto de pesquisa de tendências e coleções internacionais. Fazemos um sapato fashion em coleções de curta duração”, explica Silveira, lembrando que possui apenas 42 funcionários, hoje, felizes por terem suas atividades garantidas. O único ponto não tão positivo para ele é que a marca não conquistou novos clientes, mas fidelizou os já cadastrados.

O gestor de projetos do SEBRAE/RS Maico Fabiano Fernandes destaca ainda que a Couromoda recebeu compradores de 52 países, buscando alinhar preço competitivo e qualidade. “Algumas das micro e pequenas empresas conseguirão iniciar processos de exportações ainda neste semestre”, informa. “Os processos de atendimento no estande do SEBRAE/RS incluíam até mesmo intérpretes para ajudar os empreendedores que estão conosco no projeto Couromoda Exporter. Agora, inicia uma nova fase do apoio com consultorias e orientações para viabilizar o Comércio Exterior”, complementa. Fernandes ressalta que a amostra coletiva que o setor de calçados gaúcho levou até São Paulo é significativa para a imagem de polo regional altamente qualificado, moderno e sintonizado com o mercado mundial.

Empresas gaúchas visitam ícones da inovação no Vale do Silício

Economia Negócios Notícias

O Rio Grande do Sul aporta no Vale do Silício. Dez empresários gaúchos participam de uma missão ao principal polo de inovação mundial. Eles fazem parte de uma comitiva do SEBRAE/RS e da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs), em um roteiro com referências como o Google, a TiE Silicon Valley, a maior associação mundial de empreendedorismo, e a Universidade de Stanford. A viagem vai até o dia 11 de outubro.

A missão faz parte do projeto Promover Negócios Internacionais das Empresas de TI ao Vale do Silício. O gestor do projeto do SEBRAE/RS, Gustavo Piardi, destaca que o objetivo é agregar conhecimento sobre inovação, tecnologia e modelos de negócio, visando ao aumento de competitividade das empresas. “A viagem começou com visitas muito importantes para contextualizar os empresários brasileiros no ambiente do Vale do Silício. É uma etapa fundamental para que as empresas entendam como podem atuar para melhor aproveitar as agendas aqui e também como podem influenciar para criar um melhor ambiente de negócios no mercado brasileiro”, observa o gestor.

Na segunda-feira, a missão gaúcha visitou a Universidade de Berkeley, onde assistiu uma palestra com Rick Rasmussen sobre a formação e a cultura do Vale do Silício. Berkeley é uma das melhores universidades dos EUA, que revelou 61 prêmios Nobel. Após a visita à Berkeley, o grupo foi recebido no consulado brasileiro em São Francisco. Na ocasião, o embaixador Eduardo Paraíso Prisco falou sobre a importância de as empresas do setor de TI estarem presentes no Vale do Silício para competir globalmente.

Na terça-feira, 6 de outubro, foi a vez de uma visita à Nasa para conhecer alguns projetos inovadores que poderão gerar impactos no futuro. “Também passamos pela IBM, uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, onde participamos de palestras sobre inovação e empreendedorismo, além de uma apresentação das novas tecnologias da multinacional para apoiar as pequenas empresas do setor”, afirmou Piardi.

Até o dia 11, o grupo ainda visitará o Google, a TiE Silicon Valley, a Universidade de Stanford, Zendesk e a aceleradora Plug and Play Tech Center. Além de trazer na bagagem informações sobre as novidades que presenciarem no Vale do Silício, os empresários podem passar futuramente, por uma vivência mais ampla, com três meses de duração, como já ocorreu com um grupo anterior de um projeto promovido pelo SEBRAE/RS. A ação foi tão bem-sucedida, que algumas empresas gaúchas, como a Lexsis Consultoria e Sistemas, de Porto Alegre, acabaram fincando a bandeira gaúcha nos Estados Unidos e inaugurando filiais no Vale do Silício.

SEBRAE/RS seleciona empresas para visitar o maior evento mundial do varejo

SEBRAE/RS seleciona empresas para visitar o maior evento mundial do varejo

Comportamento Economia Notícias

Aprender com os melhores do varejo no mundo para tornar sua empresa mais competitiva no Brasil. Essa é a motivação para participar da NRF Retail’s Big Show 2016, a principal feira internacional do setor, que ocorre em Nova Iorque, nos Estados Unidos, entre os dias 17 e 20 de janeiro. O SEBRAE/RS será responsável por uma missão à NRF e selecionará 50 micro e pequenas empresas do Estado. As candidatas têm até o dia 15 de outubro para encaminhar suas propostas e documentação. As informações estão disponíveis no link www.sebrae-rs.com.br/feirasinternacionais.

Os empreendedores selecionados terão um apoio de 35% do SEBRAE/RS sobre o preço da viagem. O benefício inclui pacote aéreo, hospedagem, transfer, seguro de viagem, visitas técnicas e workshop em Nova Iorque, inscrição no evento NRF e participação no Encontro de Resultados, que ocorre após a missão internacional para identificar o que os empresários desejam aplicar em seus negócios.

Para o técnico do SEBRAE/RS, Fabiano Bassani Zortea, o evento “é uma oportunidade especial para proporcionar acesso a uma imersão de conhecimento, que pode revolucionar a gestão das pequenas empresas, a partir de participação na principal convenção de varejo do mundo e visitas aos principais pontos comerciais de Nova Iorque”. A Retail’s Big Show é a maior convenção mundial varejista e aborda assuntos estratégicos para a loja do futuro a partir dos principais palestrantes do setor. “Em um cenário difícil, a feira é uma experiência importante para aqueles empreendedores que pretendem se diferenciar e permanecer no mercado”, observa Zortea.

Na edição de 2015, a NRF reuniu 33 mil pessoas, cerca de 60% do público geral era formado por altos executivos e presidentes de empresas. Estiveram presentes mais de 80 países, sendo que o maior número de representantes internacionais foi do Brasil com 1.877 pessoas. É o evento mundial mais visitado por varejistas brasileiros.