Vivo lidera o ranking das empresas mais reclamadas de telefonia do Procon. NET tem três vezes mais reclamações que Sky

Vivo lidera o ranking das empresas mais reclamadas de telefonia do Procon. NET tem três vezes mais reclamações que Sky

Cidade Comportamento Comunicação Economia Negócios Notícias Poder Política Porto Alegre prefeitura Publicidade Vídeo

O segmento de telefonia representou, em maio, 23,48% do conjunto de 2.262 queixas protocoladas no Procon Porto Alegre no período. Em comparação ao mês de abril, houve uma leve queda das reclamações contra as telefônicas, da ordem de 3,55%. Houve ainda uma redução nas reclamações contra as empresas de TV por assinatura, NET e Sky, que em abril computaram 5,13% e, em maio, totalizaram 4,95% das queixas. Confira aqui o ranking de maio.

As queixas contra a operadora Vivo lideram o ranking, com 8,05% do total; o ranking de maio é o primeiro a considerar a operação da empresa sob a mesma marca, objeto da fusão entre Vivo e GVT, anteriormente ranqueados separadamente. Em segundo lugar está a operadora Oi, responsável por 6,90% das reclamações. Em terceiro no ranking aparece a produtora de Eventos Beta Produções, responsável pela realização do evento Villa Mix, cujos problemas identificados pelos consumidores de todo o País resultaram na abertura de dois processos administrativos no Procon Municipal. Em seguida aparecem a Claro, registrando 4,42% das queixas, e a empresa TIM, com 4,11%. A  NET Sul recebeu 3,71% do total de reclamações do mês, e a Sky, 1,24%.

De acordo com o diretor executivo do Procon Porto Alegre, Cauê Vieira, a divulgação dos dados do ranking segue com o objetivo principal, de orientação ao consumidor para que realize compras de produtos e serviços com mais segurança, já sabendo de antemão da lista das empresas mais reclamadas em Porto Alegre. “Objetivamos ainda alertar o fornecedor para o fato de que existe a necessidade destas empresas melhorarem o atendimento pós venda. Além disso, a compilação destes dados tem pautado as ações de fiscalização do Procon”, acrescenta Vieira.

Atualmente, o atendimento eletrônico responde por cerca de 56% do total de reclamações acolhidas no órgão. O porto-alegrense, em vez de comparecer à sede do Procon, tem preferido buscar atendimento no órgão pela Internet, utilizando o site www.proconpoa.rs.gov.br ou acessando gratuitamente o Procon App no aparelho celular, disponível para sistema Android e IOS. A sede do Procon Porto Alegre fica na rua dos Andradas 686, e funciona das 10h às 16h, quando são distribuídas 70 fichas de atendimento por dia.