Porto Alegre, terça, 24 de maio de 2022
img

Juiz põe no banco dos réus assessor de Guedes e mais 28 ex-executivos de fundos de pensão por rombo de R$ 5,5 bi

Detalhes Notícia
Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) realiza audiência pública com o ministro do Planejamento para esclarecimentos acerca da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2019 e cortes no orçamento da Assistência Social. À mesa em pronunciamento, ministro de Estado do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Esteves Pedro Colnago Junior. Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

 

O juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, da 10.ª Vara Federal de Brasília, abriu ação penal contra os 29 ex-executivos dos fundos de pensões Petros, Funcef, Previ e Valia denunciados pela força-tarefa Greenfield por gestão temerária na aprovação de investimento no Fundo de Investimentos e Participações (FIP) Sondas, veículo de investimentos da Sete Brasil Participações. Esteves Pedro Colnago Júnior, chefe da Assessoria Especial de Relações Institucionais do Ministério da Economia, está na lista de denunciados.

“O Ministério Público Federal produziu e apresentou a este Juízo peça acusatória formalmente apta, acompanhada de vasto material probatório, contendo a descrição pormenorizada contra todos os denunciados”, anotou Vallisney.

Leia mais em O Estado de S.Paulo